abril 29, 2006

Exile

katarzina-exilee.jpg
Foto de Katarzina Widmanska

Sabes, como eu, que não tem que haver uma explicação metafísica para tudo. E é por isso que há um lugar onde jamais te perco. Nem que seja contra a parede em que me atiras, a cada vez que vens para me fazer marinhar ao espaldar da cama. Nem que seja contra a parede, Querida, a parede em que me lanço quando já nada em mim resiste aos dedos que me fechas em punho. Nem que seja (tu sabes!) atrás das mortes que em mim repetes.

A Loira

Publicado por xc em abril 29, 2006 08:31 PM