maio 30, 2005

Maturidade: "Existencialismos"

Hoje, começo a perceber certas coisas que haviam sido vedadas.
Aprisionadas por mim!

Tenho de me libertar do passado! Não esquecer, mas perdoar!

Perdoar-me a mim próprio, não o que outros me fizeram ou deixaram de fazer!

Tenho de aprender a ouvir o meu coração, a escutar a sua sabedoria!

Devo olhar para as pessoas que me rodeia como fontes de amizade e amor e perdoar-lhes, como em perdoam, as particularidades que cada um de nós tem!

Por fim tenho de me lembrar que uma batalha perdida na vida, não é uma guerra perdida!

E que, por mais perdidos que nos sintamos, há sempre um dia mais para lutar!

Publicado por emigas em maio 30, 2005 01:23 AM
Comentários