outubro 05, 2003

Exorcizar demónios

Uma amiga fez anos na semana passada e uma outra amiga, organizou uma festa surpresa.

Algo que eu acho espectacular e que é um sinal de verdadeira amizade!

Fomos "jantar" a um Lizarran perto do Hospital Egas Moniz, muito mais calmo e agradável do que outros que há na capital (Lisboa), o que decerto apagou a memória de um outro restaurante, que apenas a partilha o nome, ali para os lados da Rua Latino Coelho (Evitem-no se gostam de bom serviço e noite agradáveis)!

Em suma, óptimo serviço, óptimas Tapas, etc.
Recomendo, para quem gosta do género!

De qualquer modo, a noite foi muito interessante, porque fomos parar a uma referência de juventude e também amorosa, que é o "Gringos Café" na Avenida 24 de Julho.

Sempre gostei do bar, da música, enfim do ambiente, muito embora a “qualidade” das pessoas seja um pouco menor.
Também foi ai que começou a minha relação mais duradoura.
E desde o seu fim nunca mais lá voltei.

Até hoje!

Exorcizei o meu demónio, dancei, bebi (pouco e moderadamente) e sobretudo diverti-me.

Mas também pensei.

Muito!

Conheci uma rapariga, bonita, interessante, divertida. Mas...não estava predisposto, pelo menos ali e naquele momento! Ou simplesmente não pensei nisso!

Aliás, ela era admiravelmente parecida com um outro amigo, que partilhava o humor, o gosto pela música e em muitas mais coisas.
Penso que se eles se voltarem encontrar, talvez, possa surgir algo extremamente interessante ali! Ou não!

"Conhecer o caminho e percorrer o caminho, são duas coisas completamente diferentes"
(Retirado do primeiro filme Matrix, de uma fantasia e no entanto tão verdadeiro!)

No que me diz respeito, surgiu-me apenas uma pergunta: Porquê?

A resposta reparte-se em outras perguntas:

Porque gostei delas?
Porque continuei a GOSTAR?
Do que realmente gostava?

Adorei mulheres pelo melhor que tinham, de alma e corpo, mas mais alma.
Continuei a gostar porque acreditei em fábulas e filmes (até ao momento em que me apercebi da realidade, é claro)
Realmente gostava da imagem que havia criado delas.

Também percebi porque não me estava a custar muito o fim da relação!

Percebi que me contentei com pouco, que deixei de sonhar, que já não amava tanto! (Mas pelo menos mais, do que ela alguma vez me amou).

Percebi também que o meu verdadeiro amor, está ainda, algures.

E não será aquele que virá completar a minha vida.
Será aquele que a vier enriquecer.

E, quem sabe, talvez já se tenha cruzado comigo!

Termino dizendo, "Se procuras amor para completares a tua vida só irás empobrece-la. Procura-o para a enriqueceres!"

Agora, juro nunca mais escrever coisas tão lamechas aqui!

M. Lima
Re-editado

Publicado por emigas em outubro 5, 2003 06:55 AM
Comentários

Em relação ao Lizarran da Latino Coelho é o melhor que há! Pessoas alegres, comida boa! É esta impressão que quero passar pq eu até hoje só escutei falar bem daquela casa. Esta história de dizer evitem-no é muito mal mesmo cheira a concorrência e inveja, pq lá é mesmo MUITO BOM!!!!

Afixado por: Tania em setembro 15, 2004 10:03 AM

Opiniões podem discutir-se...Experiências não!
Quanto à concorrência e inveja...
Só a verdade conta!

Afixado por: JMM em setembro 15, 2004 07:59 PM

Estou gostando da conversa...
Aliás, gosto tanto que gostaria de poder deixar aqui minha opinião.
Quanto ao Lizarran da Latino, é simplismente " INCOMPARÁVEL", porque não existe com certeza absoluta em Portugal e se calhar na Europa, um restaurante tão animado, com pessoas cultas simpáticas e bonitas... Com certeza meu caro " colega", vc não devia estar bem no dia em que fostes ao Lizarran, por isto porque não dá uma passadinha por lá, beba um txakoli e se divirta...

Afixado por: Carlota em setembro 17, 2004 02:29 AM

Concedo que no dia em que lá passei, o ambiente pode não ter sido o que mais me agradou...

Mas se quiser um discoteca, há muitas por aí...
Se vou para um restaurante espero conviver com as pessoas e sobretudo espero falar com elas, não gritar.
Por outro lado " Pessoas bonitas"? O que raio significa isso?
Estar na moda?

Afixado por: JMM em setembro 17, 2004 03:36 PM

De facto o lizarran da latino coelho é um dos sitios mais divertidos para passar uma noite fantástica com os amigos. Não é apenas um restaurante é muito mais do que isso... mas consigo perceber que nem toda a gente compreenda e goste do espiríto de alegria que se vive naquela casa. E apesar de ser animado não tem nada a ver com discoteca mas sim com festa... claro que gostos nao se discutem e não é de facto um restaurante para estar calmamente a falar com os amigos, mas quem disse que o pretendia ser??? um beijo de uma fã

Afixado por: maria papoila em setembro 27, 2004 12:41 PM

Concedo que esse Lizarran tem peculiaridades...e a minha má experiência nessa noite, não impede que numa outra visita a minha opinião mude..
Por isso agora espero!!!!

Afixado por: JMM em setembro 27, 2004 11:55 PM

O Lizarran da Latino Coelho é espectacular!!! Esse senhor, mesmo que, eventualmente, lhe tenha corrido qualquer coisa mal nessa noite, deveria dar outra oportunidade e nunca vir logo difamar a casa para algo tão "universal" como a internet!!- que atitude tão radical!!
Eu só tenho a dizer bem, organizei já lá vários jantares, e todos correram lindamente- os funcionários simpatiquíssimos e cumpridores à risca das condições que havíamos acordado para o jantar, tendo até extravasado isso mesmo e oferecido uns shots, por brincadeira, a comida óptima, a música muito gira e uma boa relação qualidade/ preço.
Por isso, a quem me está a ler, acreditem em mim e vão ao Lizarran da Latino Coelho, que não se vão arrepender, VÃO ADORAR!!!

Afixado por: Carolina em outubro 28, 2004 07:32 PM

Ok, difamar é uma palavra forte e talvez, digo talvez se possa adaptar ao meu comentário, Noutras circunstâncias...
Mas para ESSA noite em particular o meu comentário / crítica mantém-se...
Quanto a fazê-lo num meio tão universal...
Provavelmente daqui a pouco tenho um Ministro à perna para mudar o conteúdo editorial das minha opiniões...
E nada existe em contrário que vos diga que o serviço pode ter melhorado exactamente por causa de uma critica, como a que eu fiz...
O mal de muita gente é criticar as criticas, mas não o que é criticável...
E para terminar o artigo tem mais de um ano...podem ter havido evoluções positivas o que é de louvar...
E gosto de dar segundas oportunidades a locais e pessoas...
Portanto...

Afixado por: JMM em outubro 28, 2004 09:35 PM