setembro 01, 2010

ESPECTÁCULO DE GALA EM HONRA DE SUA EXCELÊNCIA O CONDE DE JORDANA, MINISTRO DOS ASSUNTOS EXTERIORES DE ESPANHA - TEATRO DE SÃO CARLOS - 20 de DEZEMBRO de 1942

S Carlos 20 dez 1942.JPG

Publicado por vm em 12:08 PM | Comentários (0)

agosto 31, 2010

70º SARAU MUSICAL - ORPHEON PORTUENSE - 9 de MAIO de 1903 com MESDEMOISELLES VIRGÍNIA E GUILHERMINA SUGGIA

9 de maio de 1903.JPG

Publicado por vm em 01:29 PM | Comentários (0)

abril 08, 2010

GUILHERMINA SUGGIA no TEATRO DE SÃO CARLOS - 25 de MARÇO de 1946- ORQUESTRA SINFÓNICA NACIONAL dir. PEDRO DE FREITAS BRANCO

suggia 1.jpg
(cedido por Anabela Vicente)

Publicado por vm em 11:44 AM | Comentários (0)

julho 04, 2008

GUILHERMINA SUGGIA NA RÉCITA ANUAL DA TUNA ACADÉMICA PORTUENSE - "O TRIPEIRO - ANO VI - 1901"

Dia 17 (...) Realiza-se, com o maior brilho, a récita anual da Tuna Académica Portuense, nela colaborando distintamente, além da actriz Emília Eduarda e dos conhecidos artistas, professores Moreira de Sá e Nicolau Milano, os apreciados amadores Soares da Silva, Frank de Castro, Virgílio Angelo, Carlos Branco, Virgínia e Guilhermina Suggia, A. Veras, António de Lemos, etc, etc...
(O TRIPEIRO - ANO VI - 1901)

Publicado por vm em 10:40 AM | Comentários (0)

maio 28, 2008

PRIMEIRA NOITE DE ARTE DE MARIA ALICE FERREIRA (12) - AINDA OS CONCERTOS NO RIVOLI de 4 e 5 de MAIO de 1937

rivoli.jpg
«Rádio Semanal», edição de «O Jornal do Comércio e das Colónias", em seus números de 15 e 22 de Maio de 1937, refere-se ao êxito obtido pela Orquestra Sinfónica da Emissora Nacional, e transcreve o que a imprensa diária do Porto disse do acontecimento.
Refere também que os concertos de 4 e 5 do mesmo mês tiveram, respectivamente, a colaboração de Maria Alice Ferreira e de Guilhermina Suggia e comenta assim:
«Dos aplausos delirantes, sem fim, compartilharam as violoncelistas Maria Alice Ferreira e Guilhermina Suggia — esta um grande nome em qualquer parte do mundo e aquela, sua discípula dilecta e querida, que firmou os seus grandes créditos na noite de 4, honrando a sua professora. Estes dois concertos ficarão, no Porto, inolvidáveis.»
“Rádio Semanal – V-1937”
(Cedido por Luís Sá Pessoa)

Publicado por vm em 10:32 AM | Comentários (0)

maio 12, 2008

RECITAL NO WIGMORE HALL - LONDRES com GUILHERMINA SUGGIA E VIANNA DA MOTTA - NOVEMBRO de 1924

prog 1.jpg
Foi a um destes recitais que Virgínia Woolf assistiu, falando disso no seu Diário (na versão inglesa já que na versão portuguesa, editada pela Bertrand, isso foi suprimido. Talvez por não saberem quem tinha sido Guilhermina Suggia e acharem que não seria importante)

Publicado por vm em 11:42 AM | Comentários (0)

dezembro 19, 2007

INAUGURAÇÃO DO SALÃO DA RUA DE SANTO ANTÓNIO, no PORTO, NA DATA DE NASCIMENTO DE BEETHOVEN

1.jpg
Na noite de 16, sob o duplo pretexto de inaugurar o seu lindo salão da Rua de Santo António e de commemorar a data do nascimento de Beethoven, deu o eminente professor e nosso bom amigo Moreira de Sá um delicioso concerto que dedicou ás famílias dos seus discípulos do Porto.

Um programma conciso, elaborado com o mais subido critério e bom gosto: o Concerto de Beethoven e Trio de Tchaikowski (á memória de um grande artista).

Com estas duas obras geniaes e com o simples concurso de sua filha e de dois outros virtuoses de alto merecimento, Sr. Freitas Gonçalves e D. Guilhermina Suggia, attingiu o grande violinista um scopo artístico bem mais elevado, do que se recheiasse p seu programma com essas graciosas inutilidades que não servem senão para desencaminhar o gosto do publico e lisongear a vaidade de quem as exhibe.

Oxalá que todos, cá e lá, seguissem o caminho serio e desinteressado que Moreira de Sá acaba de traçar com esta sua memorável audição.

“A ARTE MUSICAL” Anno II, numero 48 de 31 de Dezembro de 1900

Publicado por vm em 09:12 AM | Comentários (1)

dezembro 17, 2007

FESTA MUSICAL NO PORTO, COM ALFREDO NAPOLEÃO

Em 15 d'este mez organisou o nosso conhecido pianista Alfredo Napoleão, que corno se sabe fixou a sua residência no Porto, uma festa musical, a que deu grande luzimento a collaboração inestimável de Moreira de Sá e o concurso valioso de D. Virgínia e D. Guilhermina Suggia, bem como do conhecido professor portuense Xisto Lopes.
Faziam o fundo do programma algumas composições de Napoleão, taes como Ouverture symphonica. Três romances, Lê Revê, Un soir de printetnps, etc., que os jornaes do Porto apreciam muito lisongeiramente.

“A ARTE MUSICAL” Anno II numero 48 de 31 de Dezembro de 1900

Publicado por vm em 09:05 AM | Comentários (0)

dezembro 09, 2007

1º CONCERTO DA TEMPORADA 1900/1901 DO ORPHEON PORTUENSE

Por não recebermos a tempo o respectivo programma, só hoje podemos registar o Sarau musical com que o simpathico e infatigável Orpheon Portuense inaugurou a presente época d'inverno.
A festa realisou-se em 29 de Novembro e foi, ao que nos dizem, brilhantíssima como todas as que aquella benemérita Sociedade tem organisado.

Figura no programma o quartetto de Rabl para piano e cordas, que talvez por considerações demasiado benévolas para com uma parte do publico, foi insolitamente dividido entre a primeira e a segunda parte do concerto. E sem de modo algum querermos melindrar seja quem for, vem a pello lastimar as concessões que vemos fazer a todo o passo na organisacão dos concertos, tanto no Porto, como em Lisboa, quando é certo que o publico que é sempre uma creanca, mas que em Portugal é uma creanca intelligente e dócil, sujeita-se a todos os regimens quando lhe forem impostos pela auctoridade e pela boa fé.

Um quartetto, como todas as obras em forma de sonata pode equiparar-se a uma conferencia ou discurso, cujas partes componentes, se não forem expostas sem interrupção, incorrem no perigo de não serem comprehendidas.
Tudo se concatena e completa n'uma Sonata e, como toda a obra d'arte, é indispensável que a possamos admirar no conjuncto mais ou menos harmonioso das suas formas. Se é certo que ninguém se lembraria de cortar a tela ao meio ou quebrar a estatua em dois pedaços, sob que pretexto fosse, porque havemos de ser menos respeitosos para com a obra musical?

Relevem-nos os talentosos artistas e amadores do Porto este ligeiro desabafo e não queiram ver n'elle senão a melhor das intenções.
No resto do programma, vemos citados os nomes da Sr." D. Olinda Rocha Leão e Sr. Raul Marques Pinto, como cantores, e bem assim o do Sr. José Cassagne, como solista de piano.
Nas pecas d'ensemble figuram as Sr.as D. Leonilda Moreira de Sá (piano), Bernardo Moreira de Sá (violino). Benjamim Gouveia (violeta) e D. Guilhermina Suggia (violoncello).
Ao piano de acompanhamento estava o maestro Roncagli.

“A ARTE MUSICAL” ANNO II, numero 48 de 31 de Dezembro de 1900

Publicado por vm em 10:09 AM | Comentários (0)

novembro 27, 2007

CONCERTO DE HOMENAGEM a BERNARDO VALENTIM MOREIRA DE SÁ

moreiradesa.jpg
N'esta nossa resenha tem figurado a cada passo e tem de figurar constantemente o nome de Moreira de Sá, pois é com effeito este notável artista que mais trabalha entre nós para tornar conhecidas por meio de concertos e audições de toda a espécie, as obras musicaes que mais importa conhecer.
Na Musica de Camara principalmente, tem sido Moreira de Sá um verdadeiro apostolo e tem sido quasi incalculável o numero de obras d'este género que, mercê da sua grande actividade e bom gosto, se tem exhibido no Porto durante os últimos vinte annos.

Assim a festa que alguns amigos e admiradores lhe dedicaram ha pouco, festa cheia de flores e de musica, foi um tributo bem digno d'este intellectual tão entranhadamente dedicado á sua Arte, e uma gloria imperecível para o Porto que, se não liquidou por completo a divida que contrahiu com o infatigável trabalhador, soube ao menos demonstrar-lhe quanto o respeita e quanto o ama.

Moreira de Sá, que ainda ha pouco organisou um notável cyclo de concertos beethovenianos, imaginou já uma nova série de não menor interesse, destinada á audição de obras primas dos modernos compositores, ainda não executadas em Portugal.
O primeiro concerto d'esta série teve logar em 28 do mez passado e constou do Trio em dó op. 87 de Brahms e de outro Trio em mi menor op. 92 de Saint-Saëns, ambos executados na integra.
O desempenho d'estas obras foi confiado ás Sr.as D. Amélia Paiva e D. Virgínia Suggia (piano), Moreira de Sá (violino) e D. Guilhermina Suggia (violoncello).

O segundo effectuou-se em 10 do corrente e as novidades apresentadas foram um Trio op. 5 de Volkmann e outro de Dvorak, que é o numero 90 nas obras do famoso compositor tchéque.
Ao piano estiveram n'este 2.° concerto os srs. Luiz Costa e Ravmundo Macedo.
Em ambas as interessantes audições fez o sr. Moreira de Sá a analyse da estructura, thematica de cada trecho, referindo se com profunda erudição á forma tradicional da Sonata e ás evoluções por que ella tem passado n'estes últimos 50 annos. Foi calorosamente applaudido.

“A ARTE MUSICAL” ANNO II, Numero 33 de 15 de Maio de 1900

Publicado por vm em 08:38 AM | Comentários (0)

novembro 21, 2007

ÚLTIMO RECITAL DA ÉPOCA, DO ORPHEON PORTUENSE

Em 25, deu o Orpheon Portuense a sua ultima festa na presente época.
Com êxito não inferior ao das precedentes, realisou-se a 3.ª audição de musica de camara moderna, constando o programma de :
I — Trio-Noveletten, op. 59, de Th. Kirchner.
II — Quartetto, op, 21, de Rabl.
III — Trio, op. 92, de Saint-Saëns.

Os executantes foram as sr.as D. Helena Dagge, D. Leonilda Moreira de Sá e D. Virginia Suggia (piano), Moreira de Sá (violino), D. Guilhermina Suggia (violoncello) e Jacintho Secco (clarinete), sendo este ultimo instrumento empregado unicamente no Quartetto de Rabl.

Ao fechar o cyclo das festas do Orpheon fez o publico portuense uma imponente e commovedora ovação a Moreira de Sá, de todo o ponto merecida e justa pelo assombroso trabalho civilisador a que o illustre artista se tem dedicado na capital do norte. D'aqui enviamos também uma sentida saudação ao laborioso professor.

“A ARTE MUSICAL” ANNO II, numero 34 de 31 de Maio de 1900

Publicado por vm em 08:45 AM | Comentários (0)

novembro 13, 2007

"6º CONCERTO BEETHOVENIANO", PELO ORPHEON PORTUENSE

O 6ºconcerto beethoveniano do Orpheon portuense effectuou-se a 12 e constou dos três primeiros quartettos da op. 18, para instrumentos de cordas.
Oito dias depois a 20 do corrente mez, completava-se a execução d'aquella bellissima obra com os três restantes quartettos.
Esta phase interessante do cyclo beethoveniano que os arrojados e talentosos artistas portuenses se propuzeram a tornar conhecida, foi confiada aos Srs. Moreira de Sá (1º violino), Carlos Dubini (2ºviolino),
D. Laura Barbosa (violeta), D. Guilhermina Suggia (violoncello).
Em todos os seis quartettos se houveram brilhantemente, ao que nos consta, não Ihe sendo regateados os mais enthusiasticos applausos.

“A ARTE MUSICAL”, Anno II, numero 30 de 31 de Março de 1900

Publicado por vm em 10:23 AM | Comentários (0)

novembro 06, 2007

3º CONCERTO BEETHOVENIANO NO PORTO

O 3º concerto bethoveniano que a 12 do corrente mez se effectuou no Porto teve, como dissemos no numero anterior, um grande êxito.
A primeira peça executada, a Serenata, op. 8 para trio de cordas, que é uma concepção melódica, foi acolhida com bastos applausos.
O Trio em sol, o primeiro da op. 9 produziu, ao que dizem os jornaes do Porto, uma viva e profunda impressão no auditório.
Tanto este trecho como o anterior foram executados pelos srs. Moreira de Sá (violino), Henrique Carneiro (violeta) e D. Guilhermina Suggia (violoncello).
Fechou o concerto com o Trio op. 11, para piano, violino e violoncello, pela srª D. Armanda Dubini, Moreira de Sá e D. Guilhermina Suggia.
Os programmas tanto d’este como dos outros concertos beethovenianos são ilustrados com umas interesantissimas notas devidas á penna do erudito professor Moreira de Sá.

“A ARTE MUSICAL” ANNO II, numero 28 de 28 de Fevereiro de 1900

Publicado por vm em 09:53 AM | Comentários (0)

novembro 02, 2007

TEATRO NACIONAL D.MARIA II - AQUI TOCOU GUILHERMINA SUGGIA

teatro d maria.jpg
Em 23 de Maio de 1904 - entre outras datas - no Concerto do Congresso Marítimo Internacional de Lisboa, tocando obras de Svendsen, Popper, Liszt, Klengel e Chopin. Acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia
(do livro: "Guilhermina Suggia - A Sonata de Sempre" de Fátima Pombo)

Publicado por vm em 10:15 AM | Comentários (0)

outubro 28, 2007

GUILHERMINA SUGGIA NO THEATRO LYRICO DO PORTO

arte musical.jpg
Do PORTO : —Uma das recitas do theatro lyrico, do Porto, no mez passado, foi abrilhantada com o concurso de uma violoncellista de grande merecimento, a Sr.a D. GuiIhermina Suggia a quem já nos temos por vezes referido.
A distincta executante apresentou uma transcendente fantasia de Servais, "Souvenirs de la Suisse", que foi acolhida com expansivas demonstrações de enthusiasmo, vendo-se obrigada a corresponder a este acolhimento com a execução de um novo trecho.
“A ARTE MUSICAL” , ANO II, Número 29 de 15 de Março de 1900

Publicado por vm em 10:38 AM | Comentários (0)

outubro 24, 2007

RECITAL DO ORPHEON PORTUENSE COM GUILHERMINA SUGGIA, em 29 de JANEIRO de 1900

No mesmo dia 29 dava-se no Orpheon Portuense, a primeira sessão de musica de camara, da serie destinada á execução por ordem chronologica de algumas das obras de Beethoven.
Coube a vez aos três Trios op.1 com piano, cuja execução foi confiada aos srs. Joaquim Gonçalves e Luiz Gosta (piano), Moreira de Sá (violino) e D. Guilhermina Suggia (violloncello).

Fomos dos primeiros a applaudir, com as duas mãos, um tão louvável emprehendimento e folgamos de ver que a imprensa diária do Porto, que temos compulsado, tece os mais calorosos elogios á brilhante iniciativa dos corajosos artistas e amadores portuenses.

O successo, ao que dizem os nossos collegas, foi completo tanto n'esse concerto, como no segundo, que se effectuou a 5 d'este mez. No programma d'este, figuravam o Trio op. 3 para arcos, o Quintetto op. 4 também para arcos e o Quartetto com piano op.16, seduzido pelo próprio Beethoven, do famoso Quintetto para instrumentos de sopro com piano.

Executantes, os seguintes senhores :
Piano : D. Leonilda Moreira de Sá.
Violino : B. Moreira de Sá, Carlos Dubini.
Violeta : D. Laura Barbosa, Alberto C. Leão.
Violoncello : D. Guilhermina Suggia.

“A ARTE MUSICAL” Ano II – Número 27 de 15 de Fevereiro de 1900

Publicado por vm em 08:59 AM | Comentários (0)

outubro 23, 2007

"BOURNEMOUTH'S WINTER GARDENS"

winter garden bournemouth.bmp
Aqui tocou Guilhermina Suggia em 18 de Fevereiro de 1928.
Tocou o concerto de Lalo e uma série de pequenas peças com acompanhamento da Orquestra Municipal dirigida por Sir Dan Godfrey

Publicado por vm em 09:09 AM | Comentários (0)

outubro 18, 2007

TEATRO PRINCIPAL - VALÊNCIA

teatroprinccs.jpg
Aqui tocou GUILHERMINA SUGGIA na Sociedade Filarmónica de Valência, em 30 de Abril de 1923

Publicado por vm em 12:08 AM | Comentários (0)

setembro 16, 2007

TEATRO POLITEAMA - AQUI TOCOU GUILHERMINA SUGGIA EM 25 de JANEIRO de 1937

teatro politeama.jpg
Num recital para os Sócios da Sociedade de Concertos de Lisboa, executando peças de Tartini, Sammartini, Boccherini, Ravel, Glazunov e Saint-Saëns. Acompanhada pela Orquestra Sinfónica da Emissora Nacional dirigida pelo maestro Pedro de Freitas Branco, interpreta o Concerto em Ré de Lalo.
do livro "GUILHERMINA SUGGIA- A Sonata de Sempre" de Fátima Pombo

Publicado por vm em 11:19 AM | Comentários (1)

setembro 10, 2007

SOB A DIRECÇÃO DE SIR MALCOLM SARGENT

sob a dir de Malcolm Sargent aa.jpg
Em Janeiro de 1943 ( 3 concertos no Teatro Nacional de S. Carlos e 2 no Teatro Rivoli)

Publicado por vm em 07:20 PM | Comentários (1)

setembro 04, 2007

TEATRO SÁ DE MIRANDA em VIANA DO CASTELO

teatro sa de miranda  Viana.jpg
Aqui tocou GUILHERMINA SUGGIA em 14 de Maio de 1945, para os sócios do Círculo de Cultura Musical de Viana do Castelo. Acompanhada por Ernestina da Silva Monteiro interpretou a Sonata em Sol de Beethoven, as Variações Sinfónicas de Boëllmann e trechos de Bach, Boccherini, Senaillé, Fauré, Popper, Ravel e Falla
(do livro "GUILHERMINA SUGGIA - A Sonata de Sempre", de Fátima Pombo

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (3)

agosto 26, 2007

TEATRO VIRIATO - VISEU - AQUI TOCOU GUILHERMINA SUGGIA EM 21 de ABRIL DE 1947

Teatro Viriato.jpg
para os sócios do Círculo de Cultura Musical de Viseu, acompanhada ao piano por Ernestina da Silva Monteiro. Pela 1ª vez interpreta a Sonata de Debussy.

Publicado por vm em 12:09 AM | Comentários (0)

agosto 23, 2007

CONCERTO NO TEATRO DA TRINDADE, EM 21 de NOVEMBRO de 1903

t da trindade.jpg
Em 21 de Novembro de 1903, Lambertini promove uma festa artística em favor das duas irmãs SUGGIA, onde estas se apresentam num último concerto, no Salão da Trindade, em Lisboa, antes da sua partida para prosseguir os estudos na Alemanha e Rússia.


Os subscritores da circular que participa a realização da festa são: as condessas de Almedina, de Almeida Araújo e de Proença-a-Velha, Maria Domingas da Camara, Elisa Baptista de Sousa Pedroso, Luisa Burnay, Maria Ferraz Bravo, o Marquês de Borba, os condes de Almeida Araújo e de Proença-a-Velha, o Visconde da Ribeira Brava, António de Noronha, Luís da Cunha Meneses, Alberto Pedroso, Afonso Vargas, Alexandre José Sarsfield, Alfredo Keil, António Lamas, Augusto Machado, Jerónimo Bravo, José Relvas, José Ribeiro da Cunha e Lambertini.

“Michel’Angelo Lambertini”, Museu da Música, Lisboa, 2002


Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (1)

agosto 15, 2007

TEATRO CIRCO DE BRAGA - AQUI TOCOU GUILHERMINA SUGGIA

Teatro circo.jpg
Várias vezes. Entre elas a 22 de Novembro de 1944, com a Orquestra Sinfónica Nacional sob a direcção do maestro Pedro de Freitas Branco. Foram interpretadas obras de Smetana, Florant Schmitt, Ravel e Falla
do Livro "GUILHERMINA SUGGIA - A SONATA de SEMPRE" de Fátima Pombo

Publicado por vm em 12:03 AM | Comentários (0)

agosto 10, 2007

"GEWANDHAUS de LEIPZIG" - GUILHERMINA SUGGIA FOI A PRIMEIRA MULHER SOLISTA A TOCAR AQUI

leipzig_gewandhaus_old_4.jpg
Em 26 de Fevereiro de 1903 GUILHERMINA SUGGIA toca o concerto para violoncelo e orquestra de Volkmann, sob a direcção de Arthur Nikisch.

Perante a insistência do público que aplaudia de pé e gritava "bis", e contra todas as regras do protocolo estabelecidas, pela 1ª vez na história da Gewandhaus, Nikisch ordena que se repita o concerto na íntegra.

GUILHERMINA SUGGIA havia iniciado os estudos com Julius Klengel em Novembro de 1901.

Abriram-se as portas dos grandes centros musicais para GUILHERMINA SUGGIA.

Publicado por vm em 12:06 AM | Comentários (0)

maio 14, 2007

GUILHERMINA SUGGIA NO INSTITUTO MINHOTO DE ESTUDOS REGIONAIS - BRAGA - 10 de Junho de 1944

programa Suggia 1.jpg

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (0)

maio 07, 2007

GUILHERMINA SUGGIA no TEATRO JORDÃO - GUIMARÃES, 29/03/1947

guimaraes a.jpg
É já amanhã, segunda-feira, conforme anunciámos, que a Delegação do Círculo de Cultura Musical, realiza o quarto concerto desta temporada, no Teatro Jordão, pelas 21 e meia horas.

O recital da eminente violoncelista Guilhermina Suggia é aguardado com verdadeira ansiedade, pois de há muito que Guimarães esperava a oportunidade de ouvir a grande artista portuguesa, que tão alto tem elevado a sua Pátria, além fronteiras. E não há dúvida que esta oportunidade se deve ao Círculo de Cultura Musical, cuja Delegação um grupo de senhoras e cavalheiros fundou nesta cidade, para regalo de quantos prezam os prazeres de espírito.

Guilhermina Suggia nasceu no Porto e logo desde os primeiros anos mostrou a mais extraordinária vocação musical, tendo feito a sua apresentação em público aos 7 anos. Estudou primeiro com seu pai, aperfeiçoando-se mais tarde em Leipzig, com o grande mestre Julius Klengel.

Tem percorrido todos os países, alcançando a fama da mais insigne intérprete de violoncelo. Especialmente em Inglaterra, onde durante anos fixou residência e onde habitualmente faz uma longa tournée anual, o seu nome constitui uma autêntica glória para Portugal. Os acompanhamentos de piano serão feitos pela ilustre artista D. Berta Alves de Sousa.
Havendo ainda pessoas que supõem fácil a aquisição de bilhetes para este concerto, mais uma vez se recorda que eles são privativos dos seus associados, podendo contudo efectuar-se inscrições para os restantes concertos desta temporada, na Comissão de Turismo. Damos em seguida o programa a executar:


I- Adágio da Tocata em dó maior - BACH
II- Allegro Spirituoso – SENAILLIÉ
III- Sonata
Largo
Corrente
Allegro com spirito
Adágio
Vivace
-HENRY ECCLES (1670)
IV- Variações Sinfónicas –BOËLLMAN

INTERVALO

I – Sonata
Allegro com brio
Andante ma non troppe
Allegro vivo
RICHARD STRAUSS
II – Asturiana – FALLA
III – Serenata Espanhola – GLAZOUNOV
IV – Peça em forma de Habanera – RAVEL
V – Andaluzia –JOAQUIM NIN

NOTÍCIAS DE GUIMARÃES (Ano 16º Nº 790 de 28 de Março de 1947)
(Cedido por Belmiro Oliveira

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (0)

fevereiro 26, 2007

CAMARATA PORTUCALENSE- RECITAL NA RUA DA ALEGRIA, 665 PORTO

programa 3a.jpg
CAMARATA PORTUCALENSE HONROSAMENTE INAUGURADA NA NOITE DE 17 de OUTUBRO de 1945 pela INSIGNE ARTISTA GUILHERMINA SUGGIA, com a colaboração de ERNESTINA DA SILVA MONTEIRO.

Guilhermina Suggia quis juntar na sua casa, na Rua da Alegria, nº 665, alguns dos melhores amigos e artistas. Já quando Augusto Suggia procurava residência para a filha se notava uma preocupação em encontrar um salão adequado a este fim. Na sessão inaugural, foi executado um extenso programa, sendo a maioria das peças acompanhada por Ernestina da Silva Monteiro. Poder-se-ão destacar peças de Bach, Boccherini, Gluck. Debussy, Fauré, Falla, Casella e outros.

do catálogo da exposição "SUGGIA, O Violoncelo" que decorre na Casa-Museu Guerra Junqueiro, até final de Março

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (0)

janeiro 30, 2007

GUILHERMINA SUGGIA - QUEEN'S HALL SYMPHONY CONCERTS: 19th SEASON, 1914-15

cartaz.jpg
Sábado 30 de Janeiro de 1915
Foi interpretado o Concerto em Lá m para violino, violoncelo e orquestra, de Brahms, com Mr MAURICE SONS, no violino, Mme GUILHERMINA SUGGIA no violoncelo e a Queen's Hall Orchestra sob a direcção do maestro HENRI J.WOOD.
Do Catálogo da exposição "SUGGIA, O VIOLONCELO" que decorre na Casa-Museu Guerra Junqueiro até final de Março

Publicado por vm em 12:12 AM | Comentários (0)

março 30, 2006

FESTIVAL DE EDIMBURGO- 1949

FESTIVAL_DE_EDIMBURGO_1.jpg
(Cedido por Isabel Millet)

Publicado por vm em 12:22 AM | Comentários (3)

março 13, 2006

CALENDÁRIO DE CONCERTOS (1907-1914)

Período de actividade musical intensíssima por toda a Europa. Porém, não foi possível determinar com exactidão o dia, a sala de concertos e o programa executados numa determinada coordenada espácio-temporal.

Do livro “Guilhermina Suggia- A Sonata de Sempre” de Fátima Pombo

Publicado por vm em 10:51 PM | Comentários (0)

novembro 08, 2005

PARTE DE PROGRAMA de 1923

SUGGIA_EM_1923.jpg
Guilhermina Suggia nasceu no Porto. Aos 5 anos recebeu as primeiras lições de seu pai, Augusto Suggia, excelente mestre do violoncelo. Em Leipzig, aos 15 anos, estudou com Julius Klengel, como pensionista do Estado. Dois anos mais tarde estreou-se nos concertos do Gewandhaus, com Artur Nikish, em Leipzig, obtendo desde logo um dos êxitos mais completos de que há memória na história dos grandes virtuosos. Começou então a sua gloriosa peregrinação por toda a Europa, encantando e arrebatando o público da Alemanha, Holanda, Rússia, Polónia, Áustria, Bélgica, Suissa, Escandinávia, França, Espanha e Inglaterra. Tendo fixado residência neste último país, é ela considerada como a primeira violoncelista do mundo.

O mais reputado e temido dos críticos ingleses, o senhor Ernest Newman escreveu a respeito de Suggia numa crítica recente: “ …A vida em Londres tem as suas compensações musicais. Por exemplo, ouvir Madame Suggia duas vezes em 3 dias. É um dos raros e realmente grandes intérpretes de corda.”

O Ilustre David Popper, também violoncelista, escreveu em 1905 no álbum da artista: “ To the greatest of living cellists, Guilhermina Suggia, from her aged confrere. D.P.”

Vindo a Lisboa para se fazer ouvir no violoncelo que a Europa inteira consagra como uma das mais admiráveis fontes de expressão estética, Suggia inscreve em os nossos anais artísticos uma página suprema.

Para a receber, a Philarmonia deseja ser como que a moldura musical em que se enquadra o génio da virtuose portuguesa.
1923
(Cedido por Isabel Millet)

Publicado por vm em 07:54 AM | Comentários (0)

novembro 01, 2005

CONCERTO, NA GRANJA, DA VIOLONCELISTA GUILHERMINA SUGGIA

1904 – 27 de Agosto - A jovem violoncelista Guilhermina Suggia, já então artista muito talentosa, contava 19 anos, mas tinha, para a idade, bastante pratica de audições em público, pois não esqueçamos que – tendo começado a aprender a tocar violoncelo aos 6 anos (usando um pequeno violoncelo emprestado pelo 1º Visconde de Villar d’Allen) – dera o seu 1º concerto, no “Orfeon Portuense” (Teatro Gil Vicente, Palácio de Cristal) apenas com pouco mais de 10 anos, em Maio de 1896.

As irmãs Suggia vieram de comboio, acompanhadas pelo pai, Augusto Suggia.
A violoncelista, que viria a ser uma celebridade mundial, tocou:

Svendsen - Romance
Popper - Spinnlied
Chopin - Nocturno para violoncelo

Publicado por vm em 11:17 AM | Comentários (0)

junho 15, 2005

ESTREIA DE GUILHERMINA SUGGIA, NO GREMIO DE MATTOSINHOS

programa irmas.jpg
De facto tudo corresponde à verdade excepto a data do concerto. Segundo informações, esta é a fotografia de estreia de Suggia, no Gremio de Matosinhos. Suggia tinha 7 anos, como diz por baixo da fotografia, onde está com a irmã Virgínia, mas em 12 de Outubro de 1895 Suggia teria 10 anos e não 7.
(Cedido poe A Cunha e Silva)

Publicado por vm em 12:17 AM | Comentários (2)

maio 24, 2005

PROGRAMA DE WIGMORE HALL-19/11/1929

ANEXO 3 NET - 1.jpg.jpg

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (0)

PROGRAMA DE WIGMORE HALL-19/11/1929

ANEXO-3-NET -2.jpg

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (0)

janeiro 21, 2005

CÍRCULO DE CULTURA MUSICAL- XII ANO/Nº 1/TEMPORADA 1945-1946 - CLXXIII CONCERTO 8-11-1945

CCM-8-11-1945.jpg
(Cedido por Prof Henrique Fernandes)

Publicado por vm em 12:22 PM | Comentários (0)

agosto 01, 2004

CALENDÁRIO DE CONCERTOS -1905

18 Jan. Concerto em Haia, sob a direcção de W. Mengelberg, interpretando obras de Brahms, Dvorak, Fritz Volbach, Svendsen, A. Piatti e E. Chabrier.

21 Jan. Recital no Bechstein Hall de Londres, acompanhada ao piano por Richard Epstein interpretando obras de Dvorak, Svendsen, Victor Herbert e A. Piatti.

28 Jan. Concerto em Bayreuth, no Liederkranz, sob a direcção de K. Aumüller, participando com interpretações de Svendsen, A. Piatti, Klengel e Popper.

29 Jan. Concerto em Coburg, interpretando obras de Klengel, Haydn, F. Chopin, Svendsen, A. Piatti, Schubert, Wagner, R. Schumann, V. Herbert, D. Popper, Brahms, Grieg, Wolff, sob a direcção de Ernst Riemann e Otto Baldamus.

2 Fev. Concerto na Orpheum-Saal (Hotel Schützen-haus) de Karlsbad, sob a direcção de Martin Spõrk, interpretando obras de Dvorak, Svendsen, Piatti e Popper.

10 Mar. Recital em Berlim, interpretando obras de Svendsen, Herbert, Piatti, C. Cui e Klengel.

17 Mar. Concerto no Kunst und Festhalle de Friburgo, sob a direcção de Gustav Starke, interpretando obras de Klengel, Svendsen e A. Piatti.

27 Mar. Concerto no Convent-Garten de Hamburgo, sob direcção de Max Fiedler, interpretando o Concerto para violoncelo e orquestra de E. D' Albert.

19 Dez. Concerto em Stollberg, no Kgl. Seminar, interpretando Beethoven, Klengel e Tchaikowsky.

do livro "GUILHERMINA SUGGIA- A Sonata de Sempre" de Fátima Pombo

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (0)

julho 29, 2004

O ÚLTIMO RECITAL DE G. SUGGIA em 31 de Maio de 1950

O seu último recital é para os sócios do Círculo de Cultura Musical de Aveiro, em 31 de Maio de 1950.
As condições acertam-se uns meses antes.

Círculo de Cultura Musical/Delegação de Aveiro

Aveiro, 18 de Fevereiro de 1950

Excelentíssima Senhora
Dona Guilhermina Suggia

Apresentamos a V. Exa. os nossos cumprimentos da mais alta consideração.
Esta Delegação do C.C.M. pretende encerrar a actividade desta temporada de 1949-1950 no próximo mês de Maio. Porque o nível e brilho desta época está sendo de excepcional relevo, é nosso desejo mantê-lo e fechar com um concerto a que chamaremos "chave de ouro".
Assim, tomamos a liberdade de convidar V. Exa. a dar-nos a grande honra de vir a Aveiro fazer o citado concerto em dia, daquele mês, a combinar, não esquecendo que por exigência da empresa do Teatro Aveirense e da economia desta Delegação do C.C.M. esse dia deverá ser uma quarta ou uma sexta-feira. Finalmente, muito gratos ficamos pela fineza de nos informar de quanto deverá ser o "cachet", com acompanhadora, pedindo desde já a benevolência possível dado o excepcional peso com que esta época está a sobrecarregar as nossas frágeis finanças. Na expectativa das notícias de V. Exa. e renovando os nossos cumprimentos de muita estima e admiração,
Somos de V. Exa.
Atenciosamente gratos
O Secretário

Carlos Aleluia


Círculo de Cultura Musica/Delegação de Aveiro
Aveiro, 3 de Março de 1950

Excelentíssima Senhora
Dona Guilhermina Suggia
Gratamente reconhecido pela amável carta de V. Exa." e satisfazendo a informação que V. Exa." pede, venho comunicar que o «cachet» que pagámos em 1946, foi de 10.000$00 a V. Exa. e 1.000$00 à pianista acompanhadora que foi a Exma. Senhora Dona Berta Alves de Sousa.
A data do concerto achamos muitíssimo bem o dia 10 de Maio.
Aguardando e agradecendo a fineza de notícias de V. Exa. subscrevemo-nos com a mais elevada admiração.
De V. Exa. Muito atenciosamente
Carlos Aleluia


O concerto é no último dia de Maio, executando com acompanhamento ao piano, por Maria Adelaide de Freitas Gonçalves, a Sonata de Locatelli, a Sonata em dó menor de Saint-Saëns e pequenas peças de Boccherini, Bach, Fauré, Weber, Chopin, Schubert e Falla. As últimas peças que toca extra-programa são a Peça em Forma de Habanera de Ravel, A Abelha de Schubert (que bisou) e o Rondo de Weber.

Regressa ao Porto conduzida pelo motorista, com o carro cheio de flores.

do livro "GUILHERMINA SUGGIA-A Sonata de Sempre" de Fátima Pombo

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (4)

julho 25, 2004

CALENDÁRIO DE CONCERTOS-1904

25Abr. Concerto no Salão Trindade, no qual executa obras de Volkmann, Klengel e Dvorak, acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.

23 Mai. Concerto do Congresso Marítimo Internacional de Lisboa, no Teatro D. Maria II em Lisboa, participando com obras de Svendsen, Popper, Liszt, Klengel e Chopin, acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.

25 Out. Concerto na Musensaale dês Rosengarten de Mannheim, sob a direcção de Edouar Colonne, interpretando música de César Frank, R. Volkmann, Svendsen e A. Piatti.

1 Nov. Concerto em Leipzig, na Festsaale dês Central-Theaters, sob a direcção de Hans Winder-stein, interpretando composições de Beethoven, Dvorak, R. Strauss, Svendsen e Piatti.

do livro " GUILHERMINA SUGGIA-A Sonata de Sempre" de Fátima Pombo

Publicado por vm em 01:21 AM | Comentários (0)

julho 18, 2004

CALENDÁRIO DE CONCERTOS- 1903

26 Fev. Concerto na Gewandhaus.

9 Mai. Recital para os sócios do Orphéon Portuense, interpretando música de Volkmann, Davidov, Rubinstein, Godard e Klengel acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.

12 Mar. Concerto no Herzogliches Hoftheater de Altenburg, sob a direcção de Hans Sitt, interpretando composições de Mendelssohn-Bartholdy, Rossini, R. Volkmann, Hans Sitt, F. Liszt, Goldmark, Chopin, Popper, R. Strauss e Wagner.

Publicado por vm em 12:07 AM | Comentários (0)

julho 11, 2004

CALENDÁRIO DE CONCERTOS- 1901

7Jan. Concerto no Orphéon Portuense, executando o Concerto Op. 33 de Saint-Saëns acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.

25Jan. Repetição do Concerto de Saint-Saëns e participação num trio para a execução de música de Beethoven, no Orphéon Portuense.

23 Fev. Última colaboração nos concertos do Orphéon Portuense, participando na execução de um Trio de Tchaikowsky.
25 Mar. Concerto no Conservatório Nacional de Lisboa integrada no Quarteto Moreira de Sá.
? Mar. Recital no Palácio das Necessidades, Lisboa.
24 Ago. Sessão musical na casa Lambertini em Lisboa, em que executa obras de Tchaikowski, Beethoven, Marx-Markus, Arthur Napoléon e Popper.

20 Out. Concerto no salão do Teatro de S. João, no Porto, integrada no Quarteto Moreira de Sá.

27 Out. Segundo Concerto no salão do Teatro de S. João, no Porto, com o mesmo Quarteto.

3 Nov. Terceiro Concerto da mesma série, no qual foram executados os dois últimos Quartetos de Beethoven.

4 Nov. Concerto de despedida na sede do Orphéon Portuense antes da partida para Leipzig. Colabora pela 50a e última vez com Moreira de Sá em conjuntos de Câmara.


Do livro “GUILHERMINA SUGGIA-A Sonata de Sempre” de Fátima Pombo

Publicado por vm em 01:12 AM | Comentários (0)

julho 08, 2004

CALENDÁRIO DE CONCERTOS - 1900

12Jan. Concerto no Orphéon Portuense, colaborando na interpretação do Andante e Allegro do 2° Trio de Saint-Saëns.

29Jan. Concerto no Orphéon Portuense, colaborando na 1a sessão dedicada à música de Câmara de Beethoven (à excepção das sonatas para piano).

5 Fev. Segunda colaboração nas sessões para a exposição da música de Câmara de Beethoven.

12 Fev. Terceira colaboração nas sessões acima referenciadas.

19 Fev. Quarta colaboração nas sessões acima referenciadas.

12 Mar. Quinta colaboração nas sessões acima referenciadas.

20 Mar. Sexta colaboração nas sessões acima referenciadas.

26 Mar. Sétima e última colaboração nas sessões acima referenciadas.

28Abr. Concerto no Orphéon Portucalense, participando na execução de trios de Brahms e Saint-Saëns.

2 Mai. Concerto no Orphéon Portuense, participando na execução de composições de Luís Costa, Miguéz e Reinecke, por uma orquestra de câmara.

10 Mai. Concerto no Orphéon Portuense, participando na execução de trios de Volkmann e Dvorak.

25 Mai. Concerto no Orphéon Portuense, participando na execução do Quarteto, Op. l de Rahl e de trios de Th. Kirchner e Saint-Saëns.

14 Nov. Nova execução do Quarteto de Rahl no Orphéon Portuense.

19 Nov. Concerto no Orphéon Portuense, participando na execução do Trio de Volkmann.

Do livro “GUILHERMINA SUGGIA-A Sonata de Sempre” de Fátima Pombo

Publicado por vm em 12:09 AM | Comentários (0)

julho 04, 2004

CALENDÁRIO DE CONCERTOS - 1898

1898


7Jan. Concerto no Orphéon Portuense, participando com música de Tchaikowsky - Variações sobre um tema Rococó para violoncelo - acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.

17Jan. Concerto no Orphéon Portuense, executando música de Mozart integrada num quarteto de arcos. Interpreta música de Tchaikowsky, acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.

28Jan. Concerto no Orphéon Portuense, participando num quarteto que toca composições de Mendelssohn, Haydn e Mozart.

18 Fev. Concerto no Orphéon Portuense, participando na execução do Septimínio, Op. 20 de Beethoven.

12 Mar. Colabora no 1° Concerto Histórico da Música de Violino realizado no Orphéon Portuense, interpretando a Sonata a tre de Tartini.

18 Mar. Colabora no 2° Concerto Histórico da Música de Violino, em que foram executadas composições de Mozart, Brahms, Mendelssohn e Tchaikowsky.

25 Abr. Concerto no Orphéon Portuense, interpretando a Polonaise para violoncelo e piano de Chopin acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.

3 Mai. Concerto no Orphéon Portuense, interpretando música de Raff (Concerto para violoncelo) acompanhada pela sua irmã Virgínia.

24 Ago. Concerto no Clube da Foz, executando Caprice Hongrois de Dunkler, e Souvenir d'Italie de C. Casella acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.

12 Set. Concerto no Clube de Leça, interpretando música de Oscar da Silva.


do livro "GUILHERMINA SUGGIA - A Sonata de Sempre" de Fátima Pombo

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (0)

julho 01, 2004

CALENDÁRIO DE CONCERTOS

1899
3O Jan. Concerto no Orphéon Portuense, com peças para violoncelo e piano de Popper e César Casella.

15 Abr. Concerto no Orphéon Portuense, participando num trio que interpreta o Trio em Dó menor de Mendelssohn.

29 Mai. Concerto no Orphéon Portuense, colaborando na execução de música de câmara de Beethoven, Markus e Schubert.

7 Dez. Concerto no Orphéon Portuense, participando num quarteto que executa música de Saint-Saëns.

14 Dez. Concerto no Orphéon Portuense, participando na execução do Trio, Op. 97 de Beethoven. Exposição da música de Câmara de Beethoven.

12 Fev. Terceira colaboração nas sessões acima referenciadas.

do livro "GUILHERMINA SUGGIA- A Sonata de Sempre" de Fátima Pombo

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (0)

junho 26, 2004

CALENDÁRIO DE CONCERTOS

1892
Primeira apresentação em público na Assembleia de Matosinhos, acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.


1895
14 Ago. Concerto no Clube da Foz, tocando Au Bord de Ia Mer - Rêverie de Offenbach e Gavotte de David Popper.

12 Out. Concerto infantil no Grémio de Matosinhos. Guilhermina Suggia interpreta Air de ballet du XVIIeme siècle de Offenbach, acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.


1896
22 Mai. Sarau no Teatro Gil Vicente. Interpreta L' Étoile du Nord, de Lee, acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia, e Andante com Variações (Hino austríaco) de Haydn, integrada num quarteto de cordas.

22 Set. Concerto no Clube de Leça. Interpreta Valsa Brilhante de Lee e Arlequin et Papillon de Popper, acompanhada ao piano pela sua irmã Virgínia.


1897
12 Fev. Concerto no Orphéon Portuense.

13 Mar. Concerto no Orphéon Portuense, interpretando o 1° tempo da 1a Sonata de Beethoven.

27 Mar. Concerto no Orphéon Portuense, integrada num quarteto que interpreta música de Haydn (7ºQuarteto) e num trio que executa música de Dvorak.

O5ABR. Concerto no Orphéon Portuense, integrada num quarteto com piano que interpreta música de Beethoven e Max Bruch

Do livro “GUILHERMINA SUGGIA-A Sonata de Sempre” de Fátima Pombo

Publicado por vm em 12:00 AM | Comentários (0)