junho 05, 2008

BRUNO BORRALHINHO INTERPRETA, COM O VIOLONCELO MONTAGNANA DE GUILHERMINA SUGGIA, A INTEGRAL DAS SUITES DE BACH, NO CCB a 16 e 17 de JUNHO ÀS 21H

BBorralhinho.jpg
PEQUENO AUDITÓRIO DO CCB 21h

INTEGRAL DAS SUITES PARA VIOLONCELO SOLO DE JOHANN SEBASTIAN BACH (1685-1750)

Bruno Borralhinho | violoncelo

Dia 16 de Junho
Suite nº 1 em Sol maior, BWV 1007
Suite nº 4 em Mi Bemol maior, BWV 1010
Suite nº 5 em Dó menor, BWV 1011


Dia 17 de Junho
Suite nº 2 em Ré menor, BWV 1008
Suite nº 3 em Dó maior, BWV 1009
Suite nº 6 em Ré maior, BWV 1012


O jovem e virtuoso violoncelista português Bruno Borralhinho, membro da prestigiada orquestra alemã Dresdner Philharmonie, interpreta a Integral das Suites para violoncelo solo de Bach em dois recitais, apresentando-se com o violoncelo Montagnana de Guilhermina Suggia.

"As Suites para Violoncelo Solo de Bach representam sem margem para dúvidas um auge no repertório do instrumento e uma herança absolutamente fascinante da inspiração e génio do compositor alemão. Dos vários manuscritos que chegaram até aos nossos dias, nenhum foi escrito pela mão do próprio criador e as constantes contradições e perguntas que vão surgindo sobre qual a versão mais autêntica, tornam as Suites para Violoncelo Solo ainda mais especiais. Verdades absolutas para essas perguntas teimam em não aparecer. E a imaginação e inspiração do intérprete e do ouvinte são certamente as melhores respostas para decifrar estas maravilhosas obras de arte que, pela sua beleza e requinte natural, conquistaram um lugar eterno na História da Música."
Bruno Borralhinho

Publicado por vm em junho 5, 2008 10:30 AM
Comentários