abril 06, 2008

"ALGUÉM ACUDA AO SALÃO NOBRE DO CONSERVATÓRIO NACIONAL, POR FAVOR!" - ASSIM ESTÃO AS TRASEIRAS DO PALCO DO SALÃO NOBRE

traseiras palco 2.jpg
A petição "Alguém Acuda ao Salão Nobre do Conservatório, por favor!" que recolheu 5043 assinaturas foi entregue no dia 11 de Fevereiro na Presidência da República, no dia 18 do mesmo mês na Assembleia da República e Gabinete do 1º Ministro e Ministério da Educação e no dia 19 no Ministéria da Cultura e Câmara Municipal de Lisboa.

No dia 5 de Março fomos informados pela Assembleia da República de que a petição tinha sido aceite e que tinha sido entregue à Comissão de "Ética, Sociedade e Cultura" (presidida pelo Deputado Luís Marques Guedes) para efeitos de apreciação e parecer.

No dia 14 de Março os peticionários foram convocados pela Deputada Matilde de Sousa Franco, relatora da petição, a comparecer perante a Comissão para serem ouvidos pela mesma, no dia 27 do mesmo mês.
Assim foi. Estiveram presentes os 3 peticionários responsáveis pela petição (Virgílio Marques, Paulo Ferrero -do Forum Cidadania Lisboa - e a Prof Leonor Lucena) bem como 2 Vice-Presidentes do Conselho Executivo da Escola de Música do Conservatório Nacional de Lisboa (Prof Ana Mafalda Pernão e Prof Jorge Sá Machado) e ainda Glória de Matos, Professora Aposentada da Escola de Teatro do Conservatório Nacional.

Segundo informação da Deputada Relatora todos os partidos tinham sido convocados a estarem na reunião. Lamentavelmente nem 1 só deputado esteve presente, o que mostra a importância dada às questões do nosso património.

De acordo com a lei das petições da Assembleia da República, todas as petições que lhe sejam dirigidas e que tenham mais de 4000 subscritores, desde que tenham um parecer favorável da comissão que a apreciou, serão obrigatoriamente discutidas em plenário.

Pareceu-nos que a Senhora Deputada Relatora Matilde Sousa Franco é uma pessoa conhecedora e informada do Salão Nobre do Conservatório Nacional.
Depois do seu parecer, que esperamos seja favorável a esta causa, ser entregue ao Senhor Presidente da AR, este terá 30 dias para agendar a discussão em plenário.

Foi entregue a cada um dos Grupos Parlamentares da AR uma pasta com documentação sobre o Convento dos Caetanos/Conservatório Nacional/Salão Nobre do Conservatório Nacional e várias fotografias reveladoras da sua importância e do seu mau estado.

Perante a indiferença dos deputados na defesa dum património que, provavelmente, não conhecem sequer, corre-se o risco de tudo ficar como está.
Teremos que prosseguir a luta pelo restauro duma obra importantíssima, evitar que este Salão caia e seja transformado num Hotel de Luxo que parece ser o que "está a dar".
Foi entregue também uma pasta igual às que foram entregues aos GP no Gabinete do Vereador Arq Manuel Salgado e na "Unidade de Projecto de Bairro Alto e Bica".

Publicado por vm em abril 6, 2008 12:05 PM
Comentários

Governo de merda. Se fosse para abrir um bordel ou uma igreja da IURD já estava um mimo!

Afixado por: KLATUU o embuçado em abril 7, 2008 02:52 AM

Desejo que não seja uma luta inglória, mas no actual estado das coisas não posso ficar muito optimista.

Afixado por: Paulo em abril 7, 2008 02:54 PM

Autoriza-me a que dê nota desta situação no meu blog?

Afixado por: Fernando Vasconcelos em abril 8, 2008 11:58 PM

Não precisa da minha autorização. Faça o favor! É obrigação de qualquer cidadão fazer o que estiver ao seu alcance pela preservação do nosso património.

Afixado por: Vm em abril 9, 2008 12:44 AM

E como estavamos a prever, estamos em Agosto, as discussões já tiveram lugar, e tudo continua na mesma. Ninguém ainda se lembrou de começar a recuperação.

Afixado por: ana Mafalda Pernão em agosto 12, 2008 09:34 PM