novembro 26, 2008

MUSEU DA MÚSICA - ( ESTAÇÃO DE METRO "ALTO DOS MOINHOS") - 27 de NoVEMBRO - 19 H - AVONDANO ENSEMBLE

view.jpg
.:: AVONDANO ENSEMBLE ::.

Quinta-Feira, 27 de Novembro // 19:00 h

O Avondano Ensemble apresenta a partir do Museu da Música o seu projecto discográfico e editorial em torno da figura do compositor português do século XVIII, João Baptista André Avondano. Esta apresentação contará com um pequeno concerto transmitido em directo via Internet pela Beira TV (http://www.beiratv.pt). A entrada é livre.

Será uma oportunidade rara para conhecer a música de um compositor desconhecido do grande público e, simultaneamente, apreciar as qualidades de dois instrumentos históricos de referência do Museu da Música: o violoncelo Stradivarius ‘Rei D. Luís’ (1725) e o cravo de Joaquim José Antunes (1758).


MUSEU DA MÚSICA

Estação do Metropolitano Alto dos Moinhos

Rua João de Freitas Branco

1500-359 LISBOA

PORTUGAL

Tel: (351) 21 771 09 90 / Fax: (351) 21 771 09 99 / e-mail: mmusica@ipmuseus.pt

site: www.museudamusica-ipmuseus.pt / blog: http://museu-musica.blogspot.com


--------------------------------------------------------------------------------

Publicado por vm em 02:24 PM | Comentários (0)

novembro 24, 2008

TEATRO-CINE DE TORRES VEDRAS - SEXTA-FEIRA - 28 DE NOVEMBRO - 21, 30H

Temporada DARCOS 2008 *

Insustentável Leveza

SEXTA-FEIRA, 28 de Novembro, 21h30h
Teatro-Cine de Torres Vedras

Violoncelista convidado
Mats Lidström

Programa:

W.A. Mozart
Adagio e fuga em dó menor K.426 e 546
(transcrição para 2 violoncelos e piano de Mats Lidström)

N. Côrte-Real
Volupia op.42 estreia absoluta
(para 2 violoncelos e piano)

intervalo

F. Schubert
Quinteto de cordas em dó maior, op. póstumo 163
– Allegro ma non troppo
– Adagio
– Scherzo – Trio Andante sostenuto
– Allegretto
– Più Allegro


Ensemble Darcos
Violinos - Gael Rassaert e Ana Pereira
Viola – Reyes Gallardo
Violoncelos – Filipe Quaresma e Mats Lidstrom
Piano – Helder Marques
Direcção Artística - Nuno Côrte-Real


* A Temporada DARCOS 2008 é uma série de concertos que se realizam no
Teatro-Cine de Torres Vedras, e cuja direcção artística está a cargo do
compositor Nuno Côrte-Real. Maioritariamente constituída por música de
câmara, a Temporada DARCOS 2008 conta com a presença de comentadores de renome nacional, músicos convidados nacionais e internacionais, encomendas a compositores portugueses, ensaios abertos ao público, e criação vídeo original. Da música interpretada destaca-se o romantismo alemão com compositores como Schubert ou Brahms, o modernismo francês com Debussy ou Ravel, e uma especial e regular presença de obras de Nuno Côrte-Real, revisitadas ou escritas a propósito. E claro, a presença estrutural do mestre Beethoven

Publicado por vm em 11:58 PM | Comentários (0)

novembro 18, 2008

"ASSOBIAR EM PÚBLICO" de JACINTO LUCAS PIRES

assobiar em publico.bmp
JACINTO LUCAS PIRES

lança o seu novo livro

ASSOBIAR EM PÚBLICO

Quarta-feira, dia 19 de Novembro,
às 18h30,
convidamo-lo a assistir ao lançamento do livro Assobiar em Público de Jacinto Lucas Pires (vencedor do Prémio David Mourão-Ferreira). Está prevista a apresentação de Carlos Vaz Marques, jornalista da TSF.

O evento decorrerá na livraria Pó dos Livros (Av. Marques de Tomar 89A, Lisboa).

Publicado por vm em 06:56 PM | Comentários (1)

novembro 11, 2008

CD À VENDA - " QUATTRO SONATE E DUE DUETTI PER DUE VIOLONCELLI", de JOÃO BAPTISTA ANDRÉ AVONDANO

Avondano.jpg
Compositor e violoncelista português, João Baptista André Avondano fez parte da Orquestra da Real Câmara e estudou em Paris em 1769 com Jean-Pierre Duport, tendo publicado nessa cidade e em Lyon estas Quattro Sonate e Due Duetti per due Violoncelli dedicati a Sua Maestà Il Re di Portugallo dal Sig.r Gio: Batista Andrea Avondano.

Na gravação deste CD duplo foram utilizados dois instrumentos históricos do Museu da Música: o violoncelo Stradivarius “Rei de Portugal” (1725) e o cravo Antunes (1758).

O Avondano Ensemble desenvolveu este projecto tendo como base o único exemplar conhecido destas obras, que se encontra na Staatsbibliothek de Berlim com a referência KH.M. 122 – Rism A 2946 e dos vários manuscritos aí existentes.
A publicação em partitura contém uma edição crítica, com uma versão em notação actualizada e a realização harmónica do baixo contínuo, para além de um fac-simile da edição original.

Publicado por vm em 06:20 PM | Comentários (0)