março 21, 2004

algumas considerações

Passado que é um mês depois da abertura deste “blog” parece-nos oportuno fazer determinadas considerações.
Assim, e apesar de GUILHERMINA SUGGIA ser quase uma desconhecida no seu próprio país, o número de leitores parece-me bastante razoável, não obstante o número de comentários feitos no próprio “blog” ser pequeno. Era desejável haver uma maior participação. Tenho apesar disso recebido quer pessoalmente quer por email várias manifestações de amigos, conhecidos, desconhecidos. A todos que o fizeram agradeço aqui publicamente.
Aparte os louvores que são feitos, as críticas fundamentais centram-se em duas questões:
1- Intervenções demasiado longas, tornando o “blog” muito massudo. Chegando mesmo a ser sugerido que os textos sejam sintetizados. Ora bem, quando pensámos fazer esta página, não pensámos fazer uma coisa aborrecida, mas também não pensámos fazer uma coisa leve que conquistasse facilmente muitos leitores. Queremos, acima de tudo, que seja uma fonte de informações o mais completa possível acerca de GUILHERMINA SUGGIA. Quando “descobrimos” uma crítica ou uma entrevista num jornal da época será inteiramente reproduzida. Caberá a quem lê decidir se começa no princípio e acaba no fim das mesmas. Não temos também a preocupação de fazer um retrato cronológico. As intervenções serão referentes a vários períodos da sua vida, ou mesmo depois da sua morte, sem a preocupação de começarmos em 1885 (ano em que nasceu) e irmos por aí em diante.

2-Há falta de imagens. Outra das críticas que mais nos chegam. É um facto. Estamos a tentar resolver esta lacuna que se deve exclusivamente a questões de ordem informática.
Pensávamos ser mais breves, mas razões alheias à nossa vontade levam-nos a que tal aconteça.

Por último gostaríamos muito de pedir a todas as pessoas que tenham gravações, fotografias, programas, informações acerca de SUGGIA, que conheçam pessoas que tenham assistido a actuações suas, que nos contactem.

Melhores saudações
VM

Publicado por vm em março 21, 2004 02:25 PM
Comentários