« Notícias da Grécia | Entrada | Asians do it better »

outubro 06, 2009

"Profilaxia da memória"

O Irmão Lúcia, no seu blog, relembra como foi corrido da Câmara, para ser substituído por um batalhão de jotas.

O período PSD na CML foi fértil nestes procedimentos. A direita chegou lá convencida que a CML era um ninho de comunas que era necessário desinfectar. Ainda me lembro de ler cartas do leitor inflamadas a criticar a CML por promover concertos com o Mano Chao, que incitava os jovens ao consumo de droga, ou da AE do IST a fazer manifestações nos Paços do Concelho a exigir mais segurança na cidade…

Muitas das chefias foram substituídas após 2001, muitos técnicos foram para a prateleira, muita gente nova entrou para a câmara e para as empresas municipais. Muitos dos recibos verdes que foram agora integrados nos quadros da câmara após o acordo PS/BE, são, ironicamente, dessas fornadas laranjas.

Enfim…

O Irmão Lúcia dedica o post dele aos colegas que ficaram no desemprego com ele por essas alturas. Eu dedico o meu a todos aqueles que dizem que é indiferente ganhar o Costa ou o Santana.

bettencourt.jpg

Publicado por [Saboteur] às outubro 6, 2009 11:44 PM

Comentários

Claro, porque com o Costa não há ca boys, isso é só do papão...o Santana, és ridiculo!

Publicado por [Bertinoti] às outubro 7, 2009 11:18 AM

Esperneia e chama-me nomes à votade, mas a realidade não se altera conforme os teus desejos.

O que aconteceu no mandato do Santana com as clientelas não aconteceu neste mandato de 2 anos.

Quanto muito podes dizer: "foi por falta de dinheiro para contratar" ou "foi poque agora está toda a gente muito mais atenta a essas coisas e ele não se ía queimar". São opiniões válidas. Mas o que é certo é que, por exemplo, neste momento de vespera de eleições não estão assessores de vereadores a passarem para a câmara e para as empresas municipais, não estão Concelhos de Administração de empresas municipais a fazerem contratações e promoções em barda, etc, etc.

Publicado por [Saboteur] às outubro 7, 2009 12:13 PM

tu não eras do Bloco de Esquerda?

Publicado por [Anónimo] às outubro 7, 2009 12:41 PM

C, G, T, P... unidade sindical! C, G, T, P... unidade sindical! C, G, T, P... unidade sindical! C, G, T, P... unidade sindical!

Publicado por [Carvalho da Silva] às outubro 7, 2009 12:43 PM

Era e sou.

E mais: Não sou como aqueles militantes tipo Nobel da Litratura, que apoiam um partido diferente daquele a que estão inscritos.

Na Freguesia de Sacavém o Bloco não concorre e apoio a CDU.

Agora o facto de ser militante (ou aderente, como se diz no Bloco), não me retira nem a capacidade de pensar pela minha própria cabeça e muito menos a capacidade de ver a realidade como ela é.

No meu post faço referência ao facto do Pedro Vieira e muitos outros terem sido corridos da câmara para serem substituidos por jotinhas. Ide ao blog dele ver os recortes de jornais.

Faço referência ao fartar vilanagem que foram os 6 anos de PSD na Câmara e nas Empresas municipais. Não sabem? Ainda bem que há o Spectrum para vos informar. Faço referência a como neste mandato, graças a um acordo PS/BE (sem ele nunca teria sido conseguido isso, não me venham com histórias da carochinha) foram sim, integrados no quadro da câmara, trabalhadores que estavam a recibos verdes. Na resposta ao Bertinoti, ainda desenvolvo mais.

António Costa não é igual a Santana. Constatar isso é ter os pés assentes na terra, não é deixar de ser aderente do Bloco de Esquerda.

[Leio com satisfação nos jornais que Francisco Louçã «não rejeita a possibilidade de Luis Fazenda vir a assumir uma pasta na vereação da Câmara de Lisboa caso seja convidado pelo presidente eleito». Creio que ele se estava a referir a Anónio Costa e não a Santana, claro.]

Publicado por [Saboteur] às outubro 7, 2009 01:05 PM

Numa empresa municipal com a qual estou muito familiarizada não entrou ninguém durante o mandato do Costa "indicado" pela câmara. Uma coisa que não é hábito porque, desde os primórdios - dos tempos da CDU com pelouros - sempre houve recrutamentos pouco claros e vergonhas ainda maiores, sobretudo em época pré-eleitoral.

Publicado por [Joystick] às outubro 7, 2009 04:06 PM

Essa declaração do Louçã é só para sacar votos

Publicado por [Anónimo] às outubro 7, 2009 04:32 PM

O que mais fode é que até com Santana ainda se leva com uns tipos de nome mafioso (bertinotis e o c.) que têm a lata de comparar Santana e o seu séquito de inúteis com propensão para o saque, para o crime e para as incompetências perdulariamente criminosas, com outros autarcas.

Ide-vos visitar na prisão que é onde malta de V. laia devia estar.

Publicado por [Anónimo] às outubro 9, 2009 08:29 PM

É. Há sempre uns canalhas a quererem convencer-nos que os políticos são sempre iguais. Curiosamente, depois votam nos Santanas, nos Isaltinos, nas Fátimas Felgueiras e nos Ferreiras Torres. Uns que roubam e outro que desperdiça esbanja e traz a quem deixe roubar.

Publicado por [Anónimo] às outubro 9, 2009 11:32 PM

That's way more clever than I was epxetcing. Thanks!

Publicado por [Lakisha] às maio 26, 2011 06:15 AM

Comente




Recordar-me?

(pode usar HTML tags)