« dezembro 2005 | Entrada | fevereiro 2006 »

janeiro 31, 2006

Os pendões que anunciam esta exposição ficavam mesmo bem na minha sala

Publicado por [Renegade] às 11:41 PM | Comentários (2)

janeiro 29, 2006

O Fax

fax.jpg

Anda por aí a circular na net um suposto Fax da Presidência Conselho de Ministros, obviamente falso, na linha das notícias d' "O Crime", ou d' "O Diabo", onde o Soares aprece sempre a pisar a bandeira portuguesa; o Manuel Alegre a deixar o seu batalhão abandonado e sem munições no meio da selva; o Cunhal a soldo do KGB...

Os blogs de direita deram todos grande destaque ao fax.. Sempre com a mesma conversa: "Não sei se será mesmo verdade, mas se fôr é uma vergonha, mais uma prova que a esquerda, etc, etc, etc, etc."

No entanto, fiquei bastante espantado por encontrar o mesmo tipo de post num blog de esquerda.

PS: Nos comentários, tentei chamar a atenção do André Levy para a merda que tinha feito, mas esqueci-me que, naturalmente, os comentários têm sempre que passar pela revisão prévia, não vá aparecer "opiniões mais complicadas"...

Publicado por [Saboteur] às 04:00 PM | Comentários (8)

janeiro 28, 2006

Algo está mal

Jeronimo_Sousa.jpg

Não percebo como é que não há nenhum militante do PCP a questionar-se (ou pelo menos a sentir-se incomodado) com os elogios constantes ao seu Secretário-Geral, vindos de todos os quadrantes da Direita (da mais civilizada à mais filha-da-puta).

Este é mais um exemplo entre outros.

Publicado por [Saboteur] às 05:07 PM | Comentários (4)

À atenção da classe operária e das suas "vanguardas"

Associações homossexuais unem-se para conseguir casamento de Teresa e Lena

"Há uns tempos, Teresa e Lena deram um beijo na rua e foram regadas com uma mangueira por um vizinho. Marisa, a filha biológica de Lena, nunca mais esqueceu a "humilhação" e só sonha com o dia em que as suas duas mães possam casar.

É isso que Teresa e Lena vão tentar fazer na próxima quarta-feira, numa conservatória de Lisboa. "Elas têm a coragem que falta aos nossos políticos", afirma o advogado Luís Grave Rodrigues, que ofereceu os seus serviços para tentar casar as duas mulheres. As associações de defesa dos direitos de gays e lésbicas elogiam a iniciativa e prometem apoiar o casal de lésbicas, numa altura que entregaram uma petição exigindo à Assembleia que reconheça no Código Civil o casamento entre pessoas do mesmo sexo, que já a igualdade de direitos é reconhecida pela Constituição.

Teresa e Lena, 28 e 35 anos, respectivamente, vivem juntas há quase quatro anos e querem casar-se. "Queremos ter os mesmos direitos do que os outros. Não queremos ser companheiras. Queremos ser um casal", resumem, em conversa com o PÚBLICO. Em concreto, Teresa e Lena querem poder pedir um empréstimo em conjunto, partilharem os mesmos direitos como mães em relação a Marisa e não serem barradas à entrada de um hospital porque a sua união não é reconhecida pelo Estado português, nem terem de arranjar subterfúgios na escola para poderem acompanhar o percurso de Marisa - Lena é "a mãe", enquanto Teresa é a "encarregada de educação"."
Público hoje

Publicado por [Renegade] às 02:06 PM | Comentários (1)

janeiro 26, 2006

zero vírgula seis


Graças a estes dois candidatos tivemos uma campanha eleitoral que se tornou num espaço político importante e interessante.

Este candidato mostrou-nos, independentemente das suas opções, que a generosidade sempre esteve presente na maneira como viveu a política. Subscrevo o que se escreve neste blogue.

Incomodou-me a bazófia deste candidato. E por falar em cidadania havia uma série de pré-candidatos que não o chegaram a ser justamente porque esta é uma corrida impossível para quem não tem máquinas partidárias oleadas.


Não percebi a relação entre o Carrefour e este candidato.

Publicado por [Operation Wolf] às 11:44 PM | Comentários (2)

Fidel oferece 150 mil cirurgias a norte-americanos pobres

"Oferecemos cirurgias para 150 mil americanos pobres, que não têm dinheiro para cuidar da vista", disse Fidel na televisão cubana, durante um programa no qual lançou duros ataques contra o governo do presidente americano, George W. Bush.

O presidente de Cuba ofereceu também o envio de um avião cubano para buscar os pacientes americanos na Flórida (EUA).

Folha de S. Paulo Online
23/01/06

Publicado por [Operation Wolf] às 11:37 PM | Comentários (2)

janeiro 23, 2006

MORRER NA PRAIA

O Fascismo é uma minhoca, não é?

Cavaco ganhou à primeira. Até na última hora foi sobranceiro, manteve-se em casa com as persianas abertas, do voyarismo dos jornalistas fica a imagem de Sto. António, e algumas espreitadelas do Sr. Professor em mangas de camisa – a imagem era da cintura para cima, mas, de certeza, que tinha pezinhos de lã. Que se infiltra na maçã, não é?

Lá isso é!

Depois de uma campanha supostamente “suprapartidária” a máscara caiu. Bandeiras do PSD, discursos de regozijo do anão com um “speech impediment” e do proto-obeso do Outro Partido, até tias tiritando colares de pérolas e argolas de ouro na varanda do Centro Cultural de Belém: “Os detrás batam palmas, os da frente chocalhem os jóias!”

Aprende a nadar, companheiro

Durante esse mesmo tempo eu sustinha o fôlego como que para não perturbar a descida contínua da percentagem de votação: 53,4%, 53,3%, 53,1%, 52%, 51%, 50,9%, 50,8%... 50,6%. A apneia de nada valeu, Cavaco ganha por seis décimas, e a esquerda morre na praia.

Maré alta, maré alta

Alegre tem mais de 20%, se não soube fazer nada de jeito durante a campanha não será agora que saberá o que fazer com mais de 1 milhão de votos. Sócrates, o Tacticista, não suportou ver que o corpo de Alegre, inerte na areia (como os outros), tinha nadado mais e toca de impedir o directo da extrema unção. Louçã, à bela maneira pcpiana, não perdeu: A LUTA CONTINUA, CAVACO PARA A RUA! Eu não votei no Jerónimo mas foi o único que disse o que tinha de ser dito: “As hesitações e posicionamentos do PS e do seu Governo desde a primeira hora contribuíram para ampliar as possibilidades eleitorais de Cavaco. As ambiguidades que desde sempre marcaram a posição do PS, a notória falta de empenhamento posta na campanha eleitoral associada ao baixar de braços e à resignação patenteada pela direcção do PS jogaram a favor do desfecho final.” O resto não se ouviu, o Cavaco saía da casa em cortejo triunfal, com seguranças de óculos escuros, auriculares e corridas ao lado do presidente-móbil como nos filmes e isso é mais importante do que a oratória dos vencidos.

Publicado por [Joystick] às 04:11 PM | Comentários (12)

janeiro 21, 2006

Censurados

Só aos 29 anos comprei o álbum que ouvi mais vezes em toda a minha vida.

Publicado por [Saboteur] às 11:58 PM | Comentários (9)

janeiro 18, 2006

A propósito do Epitáfio do Precário

Então é assim:

Era uma vez um trabalhador precário da Vodafone que trabalhava das 6 à 1 da manhã, ao mesmo tempo que continuava os seus estudos de História.

vodafone.jpg

Este trabalhador estava inscrito numa mailling list, criada em 2001, com o objectivo de um grupo de camaradas do PCP trocarem ideias sobre o que se estava a passar no seu Partido, e na política em geral… mas sobretudo, com o objectivo de não perderem contacto, agora que iam cada vez menos a reuniões do Partido, de onde eram, antes, militantes de todos os dias.

Passaram-se 5 anos e já não se sabia muito bem quem era afinal da mailling list ou não. São muito poucos, aqueles que ainda escrevem para a mailling list (um comentário, uma boca de muito de vez em quando), apesar da maioria nunca se ter desinscrito de facto.

Passados tantos anos, era portanto fácil escrever para a mailing list, pensando que se estava a escrever para os 4 ou 5 do costume que reagem às bocas e não para um grupo de 20 ou 30 pessoas que recebe os mails.

Mas adiante na história:

No meio das eleições Autárquicas, quando o Ruben de Carvalho aparecia na TV todos os dias, este trabalhador da Vodafone escreveu o seguinte mail para a tal mailling list:

“Recebi um e-mail do Ruben de Carvalho na mailbox de apoio ao cliente, a elogiar a qualidade da Vodafone. Chama-se RUBEN LUIS TRISTÃO CARVALHO SILVA pelo que não há possibilidade de haver confusões.

Será que o camarada se vendeu ao capitalismo para estar agora a elogiar multinacionais?
Alguém quer o número dele e saber para onde é que faz chamadas?”

Uma piadinha, para amigos, portanto… Para receber de volta um mail com qualquer coisa tipo “lol”.

Acontece que passado 1 mês, este trabalhador da Vodafone, é chamado à Direcção: Ruben de Carvalho tinha feito uma queixa formal à multinacional e só o despedimento da pessoa em causa poderia acalmar a sua ira.

Não me espanta que haja ainda maluquinhos, 5 anos depois do 16º Congresso do Partido, a procurarem vingança contra os seus ex-camaradas… foi uma atitude desprezível ir bufar ao outro, mas é a vida…

Espanta-me e mete-me nojo é como é que o Ruben de Carvalho decidiu investir tempo e energia a foder um gajo que só disse uma piadinha inocente e que, para além do mais, pertence àquela esmagadora maioria que precisa de vender a sua força de trabalho para viver.

Publicado por [Saboteur] às 11:26 PM | Comentários (12)

Era só mais uma semaninha...

morrer_na_praia.jpg

Publicado por [Saboteur] às 09:11 PM | Comentários (3)

janeiro 17, 2006

Paranormalidades

A D. Matilde sabe porque sabe – disse-lhe o fogo-fátuo de Sousa Franco – que se o marido fosse vivo não só votaria Soares como viveria enojado com Manuel Alegre.

Vários fantasmas e vultos constam de fotografias de tomada de posse de órgãos autárquicos, sem que tenham, de facto, sido eleitos. Quem o diz é o porta-voz da Comissão Nacional de Eleições, que só hoje entregará os resultados finais das eleições para o poder local, afirmando que existem “muitos erros na atribuição de mandatos”, pela má aplicação do método de Hondt nas mesas eleitorais.

Publicado por [Joystick] às 11:54 AM | Comentários (6)

janeiro 13, 2006

1,5% de aumento+congelamento carreiras+aumento idade de reforma não é para tod@s

De acordo Com O Correio da Manhã, Maria Monteiro, filha do antigo ministro António Monteiro e que actualmente ocupa o cargo de adjunta do porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros vai para a embaixada portuguesa em Londres.
Para que a mudança fosse possível, José Sócrates e o ministro das Finanças descongelaram a título excepcional uma contratação de pessoas especializado. Contactado pelo jornal, o porta-voz Carneiro Jacinto explicou que a contratação de Maria Monteiro já tinha sido decidida antes do anúncio da redução para metade dos conselheiros e adidos das embaixadas. As medidas de contenção avançadas pelo actual governo, nomeadamente o congelamento das progressões na função pública, começam a dar frutos. Os sacrifícios pedidos aos portugueses permitem assegurar a carreira desta jovem de 28 anos que, pesar da idade, já conseguiu, por mérito próprio e com uma carreira construída a pulso, atingir um nível de rendimento mensal superior a 9000 euros.

É desta forma que se cala a boca a muita gente que não acredita nas potencialidades do nosso país, os zangados da vida que só sabem criticar a juventude, ponham os olhos nesta miúda.

A título de curiosidade, o salário mensal da nossa nova adida de imprensa da embaixada de Londres daria para pagar as progressões de 193 técnicos superiores de 2ª classe, de 290 Técnicos de 2ªclasse ou de 290 Assistentes Administrativos. O mesmo salário daria para pagar os salários de, respectivamente, 7, 10 e 14 jovens como a Maria, das categorias acima mencionadas que poderiam muito bem despedir-se, por força de imperativos orçamentais. Estes jovens sem berço, que ao contrário da Maria tiveram que submeter-se a concurso, também ao contrário da Maria já estão habituados a ganhar pouco e devem habituar-se a ser competitivos.

A nossa Maria merece.

Também a título de exemplo, seriam necessários os descontos de IRS de 92 portugueses com um salário de 500 Euros a descontar à taxa de 20%.

Novamente, a nossa Maria merece.
(no e-mail)

Publicado por [Operation Wolf] às 08:42 PM | Comentários (4)

janeiro 12, 2006

Sarilho Institucional

Cavaco_Sarilho.JPG

Publicado por [Joystick] às 02:27 PM | Comentários (8)

janeiro 11, 2006

Nasceu há 100 anos

hofmann.jpg

Criou o LSD aos 31.


Publicado por [Saboteur] às 11:16 PM | Comentários (2)

janeiro 07, 2006

Epitáfio precário

vodafone.jpg

Dos tubarões fugi eu
os tigres matei-os eu
devorado fui eu
pelos percevejos.

B. Brecht

Publicado por [Rick Dangerous] às 06:13 PM | Comentários (9)

janeiro 06, 2006

Eh pá, que fixe, abriu a caça ao PEPAP

"Despacho conjunto n.o 1038/2005.—Importando dar cumprimento
ao disposto nos n.os 1 e 2 do artigo 5.o do Decreto-Lei n.o 326/99,
de 18 de Agosto, sobre o número máximo de estagiários a recrutarpara a 1.a edição do Programa Estágios Profissionais na Administração
Pública e a respectiva distribuição por ministérios;
Considerando o levantamento das carências de recursos humanos
e das condições internas de cada organismo ou serviço para acolhimento
e acompanhamento dos estagiários oportunamente efectuado;
Encontrando-se o Programa Operacional da Administração Pública
perto de atingir as condições mínimas que lhe permitam financiar
o programa de estágios:
Determina-se o seguinte:
1—O número máximo de estagiários a recrutar no âmbito da
1.a edição do Programa Estágios Profissionais na Administração
Pública, cujo processo de recrutamento e selecção se inicia em 2005,
é 3068.
2—O contingente de estagiários fixado no número anterior é distribuído
pelos diferentes ministérios nos termos do mapa anexo ao
presente despacho conjunto, que dele faz parte integrante.
3—Compete à secretaria-geral ou ao departamento de cada ministério,
superiormente designado para o efeito, sob proposta dos restantes
organismos e serviços e orientação do ministro respectivo, distribuir
o número de estagiários por cada organismo ou serviço do
correspondente departamento governamental."

ver aqui Rápido, que são só 3000.

Publicado por [Renegade] às 01:28 AM | Comentários (6)

janeiro 04, 2006

Geração Cartão Jovem II

Não desisto. A ideia de ter o país ainda mais cinzento com o Cavaco como símbolo da república atemoriza. E nada me convence que não é obra do cavaquismo o abandono a que tem estado votado o Spectrum. Aliás, se podemos dizer que somos filhos de Abril podemos dizer também que a velha ama foi o tio de Boliqueime. Dos tempos da cabra-cega, para a maioria de nós porque há os que ainda jogam, à entrada retumbante na faculdade onde nos esperava o Tonecas da franja.
Numa entrevista aqui há tempos Mª João Avilez perguntava a Cavaco do que se arrependia de ter feito como primeiro-ministro. Respondeu que sim, que tinha cometido um erro, que preferia não ter feito. Inspira-se. O feriado do Carnaval. não ter dado o feriado de Carnaval à função pública. Respira-se. Sim, é verdade, é este o homem que se apresenta (agora mais comedido sem comer o bolo-rei em público. Ainda sobre o tema da pastelaria o meu voto vai seguramente para Mário Soares depois de o ter visto comer elegantemente um pastel de nata durante uma entrevista).
Antes de Cavaco havia teatros, com Cavaco houve o Filipe La Feria : o homem nunca mais parou. Antes de Cavaco a Alexandra Lencastre era uma boa actriz depois entregou-se à gula das tv`s privadas e hoje faz operações às rugas e novelas para a TVI. Antes de Cavaco ninguém estava muito interessado em renovar a mobília lá de casa, hoje a casa tornou-se um túmulo enfeitado de móveis da Habitat (Ikea na versão recente) donde não se sai porque, para além dos grandes cafés terem fechado, não há nada de facto irrecusável para planear, mudar. Se não posso ir ali mudar o mundo posso ficar aqui a mudar tudo no jogo da Playstation.

Publicado por [Operation Wolf] às 11:46 PM | Comentários (4)

janeiro 02, 2006

2005

wasted.jpg

Publicado por [Saboteur] às 01:24 AM | Comentários (2)