19 de maio, 2002

o melhor seria...

o melhor seria não ter que entender nada. não compreender nada. não sermos obrigados a ouvir o ruído dos outros, que para eles não existe. compreender é um esforço esgotante, porque depois de comprender são os outros que não entendem para que nos demos ao trabalho. entender custa-nos dor e sofrimento porque é incompreensível a percepção que temos dos outros... parece que gostamos de dar a outra face apenas e só porque sim!.. mas não, não gostamos e nem a oferecemos para levar as bofetadas que nos dão.. era para receber um beijo, porque, afinal, fizemos o esforço de compreender e entender... os outros é que não percebem nada. os outros.. aqueles que nos apelidam de os outros, são a maioria de massa cinzenta parada: atónita quando lhe puxam os cabelos, chorosa quando a Sra. chora lágrimas de sangue.

Escrito por jm às 02h28...




Comentários