janeiro 04, 2006

Emaranhado


Publicado por castafiore às 01:12 AM | Comentários (18) | TrackBack

dezembro 29, 2005

Mar


Publicado por castafiore às 10:29 PM | Comentários (0) | TrackBack

dezembro 21, 2005

Estruturante

Publicado por castafiore às 11:40 PM | Comentários (4) | TrackBack

dezembro 12, 2005

Ninguém escreve ao coronel...

Aqui parece-me mais uma realidade do que o fabuloso livro do Gabriel García Marquez, cuja leitura recomendo vivamente.

Publicado por castafiore às 11:19 PM | Comentários (3) | TrackBack

dezembro 06, 2005

Teia ... de aranha? - 8

Publicado por castafiore às 10:47 PM | Comentários (1) | TrackBack

dezembro 04, 2005

Curva

Publicado por castafiore às 09:29 PM | Comentários (1) | TrackBack

dezembro 03, 2005

Aproximação

Publicado por castafiore às 01:38 AM | Comentários (1) | TrackBack

dezembro 02, 2005

Caminhos-22

Publicado por castafiore às 11:56 PM | Comentários (0) | TrackBack

novembro 30, 2005

Alvéolos

Publicado por castafiore às 11:41 PM | Comentários (1) | TrackBack

novembro 27, 2005

À espera-9

Publicado por castafiore às 03:19 PM | Comentários (1) | TrackBack

novembro 24, 2005

Pegadas

Publicado por castafiore às 11:34 PM | Comentários (167) | TrackBack

novembro 20, 2005

Marés


Publicado por castafiore às 04:52 PM | Comentários (3) | TrackBack

novembro 17, 2005

Teia ... de aranha? - 7


Publicado por castafiore às 11:46 PM | Comentários (1) | TrackBack

novembro 07, 2005

Ruas, ruelas e ... transitos...

... ainda em Santiago...

Publicado por castafiore às 10:01 PM | Comentários (0) | TrackBack

novembro 02, 2005

Caminhos-20


Publicado por castafiore às 10:27 PM | Comentários (2) | TrackBack

outubro 30, 2005

De baixo para cima

Publicado por castafiore às 07:30 PM | Comentários (3) | TrackBack

outubro 28, 2005

Incoerência

... ainda em Santiago de Compostela.

Publicado por castafiore às 12:12 AM | Comentários (1) | TrackBack

outubro 16, 2005

Teia ... de aranha? - 6


Publicado por castafiore às 07:24 PM | Comentários (0) | TrackBack

outubro 14, 2005

Há nomes lixados...

Santiago de Compostela, zona histórica.

Publicado por castafiore às 01:10 AM | Comentários (2) | TrackBack

outubro 12, 2005

Caminhos-18

Publicado por castafiore às 10:38 PM | Comentários (2) | TrackBack

outubro 03, 2005

À tona de água-7


Publicado por castafiore às 11:57 PM | Comentários (0) | TrackBack

setembro 25, 2005

O jardim

"O jardim, como todos os jardins de Ain Krorfa, era na verdade um pomar. Debaixo das laranjeiras havia pequenos canais que corriam de uma fonte construída numa das extremidades de um planalto artificial. As palmeiras mais altas ficavam na extremidade oposta, perto do muro que bordejava o leito do rio; debaixo de uma delas estava estendido um grande tapete de lã, vermelho e branco. Sentaram-se aí, enquanto um criado trazia lume e uma maquineta para fazer chá. O ar estava pesado do odor da hortelã que crescia junto aos canais. (...)."

(Paul Bowles, O Céu que nos protege)

Publicado por castafiore às 08:39 PM | Comentários (0) | TrackBack

setembro 23, 2005

Silêncio

"Eu remava num lago. Era uma gruta abobadada sem luz do sol, mas estava claro, havia uma luz transparente e homogénea que irradiava da pedra azul-pálida. Embora não se sentisse nem uma ponta de vento, as ondas subiam, mas não tanto que isso pudesse representar qualquer perigo para o meu barco, pequeno, mas sólido. Eu continuava a remar calmamente entre as ondas, mas quase nem pensava nos remos, estava todo concentrado em absorver ao máximo o silêncio que dominava o lugar, um silêncio como nunca o tinha sentido em toda a minha vida. Era como um fruto que eu nunca tivesse comido mas fosse o mais suculento de todos. Agora, tinha os olhos fechados e sorvia-o. Mas não sem alguma perturbação. O silêncio era ainda total, mas sentia-se uma perturbação contínua; qualquer coisa ainda sustinha o ruído, mas ele estava à porta, a rebentar de vontade de entrar subitamente. Rodei os olhos na direcção daquele que não estava ali, soltei um dos remos da amarração, pus-me de pé no barco que baloiçava, ameaçando o vazio com o remo. Mas o silêncio persistiu e eu continuei a remar."

(Franz Kafka, Parábolas e Fragmentos)

Publicado por castafiore às 11:50 PM | Comentários (0) | TrackBack

setembro 19, 2005

À espera-7

Publicado por castafiore às 11:56 PM | Comentários (1) | TrackBack

setembro 16, 2005

I was here...

... durante grande parte das minhas férias...

Publicado por castafiore às 02:30 PM | Comentários (3) | TrackBack

setembro 03, 2005

Uma cidade sem horizontes-15

Londres, novamente. Edifíco nas dockland.

Publicado por castafiore às 01:00 PM | Comentários (0) | TrackBack

agosto 29, 2005

Uma cidade sem horizontes-14

Barcelona, zona do porto.

Publicado por castafiore às 11:17 PM | Comentários (1) | TrackBack

agosto 13, 2005

Caminhos-15


Publicado por castafiore às 02:05 AM | Comentários (3) | TrackBack

agosto 08, 2005

Um dia de praia-3

... em Santander.

Publicado por castafiore às 08:37 PM | Comentários (0) | TrackBack

julho 27, 2005

Consistência

Publicado por castafiore às 11:58 PM | Comentários (2) | TrackBack

julho 24, 2005

Upside down


Publicado por castafiore às 01:52 AM | Comentários (0) | TrackBack

julho 23, 2005

Haja decência!!!

Aviso à porta de uma Igreja em Santillana del Mar, País Basco, Espanha.

Publicado por castafiore às 11:14 PM | Comentários (4) | TrackBack

julho 21, 2005

Live 8

Bem sei que não é uma notícia muito actual mas não podia deixar passar esta questão sem a mencionar aqui. Uma referência para a Mariza, a única artista Portuguesa a participar no Live 8, através de um convite pessoal do Peter Gabriel, seu admirador incondicional.

Integrada na sessão Africa Calling que decorreu na Cornualha no extraordinário cenário do Eden Project, Mariza cantou e deslumbrou quem a ouviu.

Parece que o "fádôh" começa a ser moda em terras estrangeiras... Uma interessante tendência a seguir e a incentivar agora que Portugal pretende classificá-lo como património mundial junto da UNESCO.

Publicado por castafiore às 12:40 AM | Comentários (3) | TrackBack

julho 19, 2005

Alinhamento


Publicado por castafiore às 11:58 PM | Comentários (0) | TrackBack

julho 17, 2005

Luz ao fundo do túnel


Publicado por castafiore às 08:51 PM | Comentários (5) | TrackBack

julho 15, 2005

Teia ... de aranha? - 4


Publicado por castafiore às 12:29 AM | Comentários (1) | TrackBack

julho 14, 2005

Grafitti



Publicado por castafiore às 12:39 AM | Comentários (3) | TrackBack

julho 12, 2005

O caminho faz-se caminhando


Publicado por castafiore às 01:22 AM | Comentários (3) | TrackBack

julho 11, 2005

Um edifício fantástico! - 3

Outra ainda...

Publicado por castafiore às 11:26 PM | Comentários (0) | TrackBack

julho 06, 2005

Fosforescências


Publicado por castafiore às 11:57 PM | Comentários (4)

julho 03, 2005

Um edifício fantástico! - 2

Mais Gugenheim.

Publicado por castafiore às 11:18 PM | Comentários (1)

junho 28, 2005

Rebuçados XXL


Publicado por castafiore às 11:07 PM | Comentários (2)

junho 27, 2005

Puppy

Esta é outra das minhas paixões de Bilbao. Uma das obras da colecção permanente do Museu Gugenheim, que, ao invés de estar guardada no interior do museu, como seria de esperar, senta-se a guardá-lo na praça principal em frente da entrada, como qualquer bom cão de guarda que se preze. Chama-se extactamente Puppy e trata-se de um cão monumental (repare-se no tamanho comparado com o edifício do museu por trás) cuja estrutura está coberta de relva durante todo o ano e que, graças a um moderníssimo sistema de rega no seu interior, a partir da Primavera, floresce com as mais variadas flôres, criando padrões diferentes todos os anos, de acordo com a opinião do artista.

O autor desta obra de arte da escultura contemporânea é Jeff Koons (sim, o mesmo que se casou com a Cicciolina...). Entretanto o Puppy, tornou-se um exlibris de Bilbao, adorado pelos seus habitantes e pelas centenas, milhares de visitantes do Gugenheim. De diversos pontos da cidade consegue-se avistá-lo devido às suas enormes dimensões, e surgem diferentes enquadramentos muito giros.

Pessoalmente adorei-o também, fotografei-o profusamente e apenas me irritou ligeiramente quando um dia à noite, em plena sessão de fotografias, se ligou sem aviso prévio o muito potente sistema automático de rega ...

Publicado por castafiore às 09:52 PM | Comentários (4)

junho 25, 2005

Um edifício fantástico!

O Museu Gugenheim de Bilbao, claro, conforme declaração de amor previamente efectuada neste blog, na primeira de muitas fotografias que lhe tirei, porque não conseguia decidir qual o ângulo mais fabuloso, qual a melhor perspectiva, qual a ideia mais genial... Sim, admito, fiquei completamente viciada. Até no facto de lhe tocar, naquelas super macias paredes externas compostas por placas de titânio.

Publicado por castafiore às 12:44 AM | Comentários (0)

junho 23, 2005

Stairway to paradise


Publicado por castafiore às 11:07 PM | Comentários (0)

junho 09, 2005

Sagrada família

Deixo-vos mais uma foto (outra anteriormente editada pode ser recordada aqui) daquela que considero ser uma das mais fabulosas e megalómanas obras (primas) de arquitectura, de sempre.

Fica em Barcelona (cidade, também ela, fantástica) e trata-se do Templo da Sagrada Família, ex-libris da cidade e obra/cartão de visita do arquitecto Antonio Gaudí.

Recomenda-se visita sem pressas.

Publicado por castafiore às 12:49 AM | Comentários (2)

Caminhos-13


Publicado por castafiore às 12:37 AM | Comentários (0)

maio 20, 2005

Another world


Tate Modern, Londres.

Publicado por castafiore às 01:38 AM | Comentários (1)

maio 19, 2005

À porta fechada

Publicado por castafiore às 11:18 PM | Comentários (0)