junho 29, 2004

Realidade

"A nossa realidade é o que não conseguimos nunca."

(Álvaro de Campos)

Publicado por castafiore às 11:16 PM | Comentários (3)

Você não pode morrer sem saber que...

... O nome completo do Pato Donald é Donald Fauntleroy Duck...

Publicado por castafiore às 11:08 PM | Comentários (0)

3.ª Pergunta Impertinente

Se a "caixa negra" nunca se danifica com a queda do avião, porque é que todo o avião não é feito do mesmo material que a "Caixa Negra"?

Publicado por castafiore às 11:02 PM | Comentários (2)

junho 24, 2004

Refrescar

Publicado por castafiore às 12:00 AM | Comentários (2)

junho 23, 2004

Se eu morrer

Se eu morrer, sobrevive-me com tanta força pura
que despertes a fúria do pálido e do frio,
de sul a sul levanta teus olhos indeléveis,
de sol a sol que soe tua boca de guitarra.

Não quero que vacilem teu riso nem teus passos,
não quero que agonize minha herança de alegria,
não chames o meu peito, estou ausente.
Na minha ausência vive como numa casa.

É uma casa tão espaçosa a ausência
que através das paredes passarás
e no espaço suspenderás os quadros.

É uma casa tão transparente a ausência
que eu, já sem vida, te verei viver
e se sofres, amor, morrerei novamente.

(Pablo Neruda, "Cien Sonetos de Amor")

Publicado por castafiore às 01:03 AM | Comentários (0)

junho 22, 2004

Penumbra

Na penumbra dos ombros é que tudo começa
quando subitamente só a noite nos vê
E nos abre uma porta nos aponta uma seta

para sermos de novo quem deixámos de ser

(David Mourão-Ferreira, in "Do tempo ao coração")

Publicado por castafiore às 12:25 AM | Comentários (0)

Lei de Potter

A quantidade de críticas suscitadas por uma questão é inversamente proporcional ao verdadeiro valor da questão.

(in - "A lei de Murphy" - volume I, Arthur Bloch)

Publicado por castafiore às 12:00 AM | Comentários (0)

junho 21, 2004

Tempos Modernos

Publicado por castafiore às 10:55 PM | Comentários (0)

junho 20, 2004

A arte de amar

"A arte de amar é exactamente a de ser poeta."

(Cecília Meireles)

Publicado por castafiore às 01:47 AM | Comentários (0)

Passional

Tenho no coração
espuma de muitas águas,
flores de muitos países
e solidões sonhadas.
Seca o mar, seca as fontes,
vê e corta todos os ramos das árvores!
Pois se o meu coração quiser,
outro mundo dele brotará.
E aquele que tanto soube amar,
montanhas erguerá!

(Frederico García Lorca, in "Alguns Poemas de Juventude")

Publicado por castafiore às 01:42 AM | Comentários (0)

2.ª Pergunta Impertinente

Se alguém tentar falhar e conseguir, foi um fracasso ou um sucesso?

Publicado por castafiore às 01:30 AM | Comentários (0)

junho 16, 2004

Vergonhoso!

Data: dia 15 de Junho de 2004; local: Tribunal de Setúbal; assunto: mais 3 mulheres sentam-se no banco dos réus acusadas da prática de um crime: o de aborto. Dados pessoais: uma, com 76 anos, parteira, é acusada de o ter facilitado às outras duas.

Face à lei, o Estado tem de as julgar. Não invejo, sob forma alguma, os juízes que formam o referido Tribunal, com a certeza porém, que se fosse eu que me encontrasse na sua posição seguramente pediria escusa de desempenhar tal papel.

Moralmente acho mais criminoso quem condena estas situações do que quem é condenado; civicamente acho vergonhoso que se perca tempo dos tribunais e gaste dinheiro dos contribuintes a dar continuidade a estes processos e em termos humanos julgo ser uma das maiores farsas e uma das maiores demonstrações possíveis de hipocrisia.

Creio ser caso para dizer: “aquele que nunca pecou que atire a primeira pedra”; qual de nós tem a arrogância de se considerar superior a estas mulheres para se atrever sequer a acusá-las????

Que a vergonha de situações como esta se abata sobre todos nós enquanto não tivermos a coragem moral para assumir uma postura honesta face a este problema sem nos refugiarmos nos tradicionais argumentos, lugares-comuns e dogmas da Igreja Católica!

Publicado por castafiore às 12:27 AM | Comentários (0)

junho 15, 2004

Animais selvagens

Hoje de madrugada, na praia da Oura, no Algarve, uns quantos cidadãos Ingleses, adeptos da selecção do seu país, vestidos com o equipamento oficial, e em profundo estado de embriaguês, envolveram-se em cenas de pugilato com elementos da GNR, que terminaram cerca das 6 horas da manhã com a prisão de diversos deles.

Nessa mesma praia, amigos meus que lá se encontram a passar férias, informam-me que durante o dia, o areal se encontra invadido por esses mesmos indivíduos, que desde manhã cedo até ao fim da tarde jogam futebol, de garrafa de litro de cerveja na mão, completamente bêbados, enquanto gritam insultos aos outros veraneantes e vomitam à beira-mar.

A zona central de Albufeira onde se concentram bares e restaurantes está parcialmente destruída, 50 pessoas estão hospitalizadas, os hotéis cancelaram as folgas de todos os seus seguranças privados que, armados, patrulham as ruas ao lado da polícia, aconselhando as pessoas a não sair depois do jantar e a tomarem precauções redobradas na 5.ª feira que vem, data do próximo jogo da selecção inglesa. Estado de sítio numa tentativa de salvaguardar a integridade física dos turistas que se apanham sem querer no meio destes distúrbios.

Na madrugada do passado sábado, diversos adeptos da mesma selecção foram presos na fronteira de Vila Real enquanto tentavam entrar ilegalmente no país já depois de lhes terem apreendido os passaportes, com o objectivo concreto de impedir a respectiva entrada!

Dois dias antes em Lisboa, aquando do desfile das marchas populares na Avenida da Liberdade, registaram-se os incidentes que todos vimos.

Na véspera, os primeiros adeptos Ingleses a chegarem a Lisboa invadiram a Praça do Rossio e penduraram bandeiras e panos e outros acessórios transformando aquela praça num verdadeiro circo; chamaram-lhe o colorido próprio das celebrações…

Eu chamo-lhe selvajaria! Desde há muito que está provado que os adeptos Ingleses não se sabem comportar no estrangeiro, tendo mesmo chegado a praticar actos de homicídio no tristemente célebre Heisel Park. Em função disso a Inglaterra esteve interdita de jogar em competições europeias e muitos hooligans ainda hoje não têm autorização para sair do Reino Unido, pelo menos com destino a países da União Europeia.

Desconfio que infelizmente a memória dos Ingleses, à custa do sol Português apanhado em excesso e dos litros da nossa cerveja que têm ingerido, já se deve ter esquecido desses factos. Desconfio que infelizmente será necessário relembrar-lhes outra vez certas normas elementares de civismo, educação e conduta. Para um povo com a “cagança” e arrogância que têm, que olham para todos os outros da forma superior e sobranceira como o fazem, seria talvez útil, quando estão no estrangeiro, aprenderem a portar-se como seres humanos civilizados e não como verdadeiros animais selvagens!


Publicado por castafiore às 11:28 PM | Comentários (0)

Lisboa versus Nova Iorque

No último ano, o custo de vida em Lisboa aumentou a um ritmo superior ao de Nova Iorque, de acordo com um estudo da consultora de recursos humanos Mercer, divulgado esta segunda-feira. Lisboa é a 71.ª cidade do mundo com maior custo de vida, sendo, no entanto, a nona cidade europeia com o custo de vida mais baixo.
A capital portuguesa sobe 23 lugares em relação à listagem de 2003, tendo um custo de vida equivalente a 76,1% do registado na Big Apple. No ano passado, Lisboa tinha um custo de vida de 67,6% face a Nova Iorque, cidade-padrão neste estudo.
A listagem de 250 cidades de todo o mundo é liderada por Tóquio, seguindo-se Londres e Moscovo. O custo de vida na capital nipónica é 30,7% superior ao de Nova Iorque.

Publicado por castafiore às 09:19 PM | Comentários (0)

junho 11, 2004

Mas tá tudo doido ou quê?

A Visão deste semana, na secção "Em foco - Debate" trás o seguinte artigo:

Quotas para homens
"Foi o Presidente do Instituto de Ciências Médicas Abel Salazar, no Porto, a trazer a público a ideia: devem criar-se quotas para homens nos cursos de Medicina. Mas o tema é debatido, há mais tempo, entre parte da classe médica, alarmada com a crescente feminização da carreira. Nos cursos deste ano há mais 1.500 mulheres do que homens. Um argumento dos apoiantes das quotas é que muitos homens não se sentem bem com uma urologista. Outro é que as médicas grávidas não podem fazer cirurgias longas. O Ministro da Saúde manifestou alguma compreensão para com a tese, o que levou algumas feministas a pedir a sua demissão. Mas a polémica ameaça tornar-se séria: estão a ser estudados novos critérios de selecção para entrar em Medicina, para que não conte apenas a nota dos exames. Será que as candidatas mulheres continuarão em maioria?"

Apenas uns breves comentários a um texto patético que de certa forma parece dar cobertura à ideia de base, não menos patética:

1 - Quando a situação era a inversa, estranhamente não se ouviram mulheres a pedinchar quotas; deitaram mãos ao trabalho, estudaram e chegaram lá;

2 - Enquanto durante muitos anos a classe médica era integralmente dominada por homens, todas as mulheres do mundo tiveram ginecologistas homens; incomodadas com a circunstância ou não, não deixaram de ter filhos ou cuidar da sua saúde; que sensíveis e púdicos estão os homens de hoje em dia...;

3 - ... e que cavalheiros também....: preocupam-se que uma mulher grávida não possa fazer cirurgias longas mas nada dizem contra os turnos de 8 horas nas linhas de montagem das fábricas...;

E para terminar 2 singelos esclarecimentos para o autor do texto:
- quem terá pedido a demissão não são certamente "feministas", como rapidamente foram catalogadas, mas apenas pessoas lúcidas e de bom senso...
- ... e sim, meu amigo, presumo que mesmo com outros critérios de selecção que não apenas as notas dos exames, as candidatas mulheres continuarão decerto em maioria...

... quando durante séculos se teve de lutar arduamente pelos mais básicos direitos que aos homens foram sempre entregues de mão beijada, não é certamente uma mera diferença numérica, ou novas formas de escolha que fazem a diferença ... é apenas uma questão de integridade!!!

Publicado por castafiore às 11:22 PM | Comentários (1)

junho 09, 2004

Lei de Segal

Um homem com um relógio sabe sempre que horas são.
Um homem com dois relógios nunca tem certeza.

(in - "A lei de Murphy" - volume I, Arthur Bloch)

Publicado por castafiore às 09:36 PM | Comentários (0)

junho 05, 2004

Heresias-3

Publicado por castafiore às 12:43 AM | Comentários (2)

Uma questão de ética

Consideremos um cenário hipotético em que chegou finalmente a altura de eleger o Presidente dos Estados Federados do Mundo Inteiro.

Vou fornecer-lhe os dados principais sobre os 3 possíveis candidatos.

O candidato A está associado a políticos corruptos e consulta astrólogos. Tem duas amantes. Fuma como uma chaminé e bebe entre oito a dez martinis por dia.

O candidato B já foi destituído duas vezes de outras funções, geralmente dorme até ao meio-dia, fumava ópio nos seus tempos de estudante e bebe um quarto de litro de whisky todas as noites.

O candidato C é um herói de guerra condecorado. É vegetariano, ocasionalmente bebe uma cerveja e nunca teve casos extraconjugais.

Agora suponha que com base nestas informações teria de decidir o seu voto. Entre estes três candidatos, qual escolheria (honestamente)?

........

Ora bem, para avaliarmos o perigo que existe na forma como se fazem as perguntas, e, consequentemente, como a informação é manipulada, tenho a informar que:
- O candidato A descreve sumariamente Franklin D. Roosevelt.
- O candidato B traça um rápido perfil de Winston Churchill.


- O candidato C é ... Adolf Hitler....

Publicado por castafiore às 12:32 AM | Comentários (2)

junho 04, 2004

1.ª Pergunta Impertinente

Porque é que Tudo Junto se escreve Separado, e Separado se escreve tudo junto?

Publicado por castafiore às 11:53 PM | Comentários (0)

junho 02, 2004

Fundamentalismos – episódio II

1.º - No passado dia 31/05, entidades oficiais do Ministério da Saúde afirmaram que 85% dos fumadores se inicia na faixa etária dos 11 aos 18 anos e que o tabaco é a porta de entrada para outras dependências como o álcool e a droga...

2.º - Associada a este espírito, a UEFA aderiu a uma campanha a ser divulgada nas escolas secundárias, onde são usadas expressões como “alvo”, “vítima” e “escravo” para designar os fumadores...

3.º - Finalmente, a OMS alerta para o facto de que “os fumadores privam membros das suas famílias de um rendimento essencial – devido ao absentismo por motivos de doença – e impõem-lhes despesas suplementares em cuidados de saúde, criando-se, assim, um ciclo vicioso entre o tabaco e a pobreza"...

Não me considero uma perita em marketing nem uma psicóloga de massas, e muito menos psicóloga da faixa etária da adolescência; mas ainda me lembro como e o que é que pensava na altura, sei o que é que penso agora, vejo e ouço o que as outras pessoas dizem e, desculpem a presunção, mas não me parece que a campanha seja votada a grande sucesso...

Aliás até vos digo mais: não sou fumadora e de repente até me apeteceu uma valente passa num cigarrinho...

Arre que é demais!

Publicado por castafiore às 12:40 AM | Comentários (0)

junho 01, 2004

É uma empresa Portuguesa com certeza….

A propósito de outro dia ter feito algumas considerações sobre a fabulosa qualidade dos serviços dos CTT nos tempos que correm (Ele há cada coincidência), não posso deixar passar estar oportunidade para salientar uma notícia ontem publicada no Jornal de Negócios, segundo a qual as tarifas dos CTT vão descer já a partir de hoje, dia 1 de Junho; tal descida vem directamente na sequência do incumprimento por parte dos CTT, durante 2003, dos critérios de qualidade a que estão obrigados, pelo que a ANACOM impôs a referida sanção, implicando uma redução de preços superior a 1%.

Imagino que o facto de os CTT demorarem hoje em dia mais tempo a entregar uma carta do que há 10 anos atrás, de acordo com o referido estudo, deve estar certamente relacionado…

Segundo o estudo, apenas 91% das cartas enviadas em correio normal a partir do Continente chegam ao destino no prazo-padrão de 3 dias úteis, contra 97,5% há 10 anos atrás. A grande degradação de serviços é, porém, no correio azul onde 94% das cartas deveriam chegar ao destino no dia seguinte, contra uma realidade de apenas 80,2% ….

Palavras para quê???????


Publicado por castafiore às 11:28 PM | Comentários (0)

Uma campanha alegre

Resumos de uma novela

Episódio I:
Dia 30 de Maio de 2004 – 10.53

Reagindo às declarações de Sousa Franco que se mostrou ofendido pelo líder do CDS/PP lhe ter chamado “pai do défice”, Paulo Portas afirmou, num jantar no passado dia 29/05, que corrigia a sua afirmação: ”De facto não é apenas o pai do défice. É o pai, a mãe, a avó, o gato e o periquito do défice. E a família do défice está para as finanças públicas como a família Adams está para os filmes de terror.”


Cenas dos próximos capítulos:
Dia 30 de Maio de 2004 – 17.44

O cabeça de lista da coligação “Força Portugal” para as eleições Europeias, João de Deus Pinheiro, aceitou o repto lançado por Sousa Franco, cabeça de lista do PS, para estabelecer um pacto de “não-insulto” durante a realização da campanha eleitoral. No entanto, Deus Pinheiro, sublinha que não insultou ninguém nas suas intervenções, pelo que admite que o referido desafio seja lançado a outras candidaturas.

Sobre as declarações do líder da Juventude Popular de Lisboa, João Almeida, num comício, o candidato referiu não se identificar com essas palavras, considerando-as até prejudiciais. De facto, João Almeida referiu-se a Sousa Franco como “o tal senhor careca, com óculos grandes esquisitos” que seria “perseguido por 2 cobradores do fraque” para acusar o candidato socialista de ser “o pai do défice”.


Episódio seguinte…
Dia 30 de Maio de 2004 – 19.09

Depois dos ataques dos dirigentes do CDS/PP a Sousa Franco, o n.º 2 da lista do PS às Europeias, António Costa, afirma que os socialistas recusam entrar no “campeonato do insulto” e refere que “não ganha quem insulta mais”.

António Costa sublinha que nas eleições europeias “não ganha quem insulta mais, ganha quem tem razão, quem tem ideias e consegue transmiti-las ao país e que o país reconhece como tal. Manter-nos-emos no campeonato das ideias, deixaremos Paulo Portas e o PSD no campeonato dos insultos e esperemos que sejam muito felizes nesse campeonato, que não é o nosso. Não alimentaremos essa troca de insultos!”.


No dia seguinte
Dia 31 de Maio de 2004 – 07.49

Horas depois de Deus Pinheiro ter aceite o pacto anti-insulto proposto pelo PS, Ana Manso, da lista da Coligação violou as regras impostas pelo líder ao dizer que “no PS temos um homem sem categoria”.


O que mais irá acontecer....???

Publicado por castafiore às 10:38 PM | Comentários (0)