dezembro 23, 2003

A Gerência deseja aos seus clientes e amigos um Bom Natal e um Feliz Ano Novo.

Publicado por ajr em 12:23 PM | Comentários (2) | TrackBack

É pedir demais?

É pedir demais que o senhor que está sentado na fila da frente não passe metade de "O Regresso do Rei", a terceira parte de "O Senhor dos Anéis", a ler e a escrever mensagens num ecrã florescente? É pedir demais que o senhor que está sentado na fila detrás não faça comentários imbecis ("Olha um porco a arder"; "Frodo, olha para cima")?

Publicado por ajr em 12:20 PM | Comentários (1) | TrackBack

dezembro 12, 2003

Nota Mental

Evitar redundâncias como, por exemplo, ler o Kaos na Repartição de Finanças.

Publicado por ajr em 05:02 PM | Comentários (1) | TrackBack

dezembro 08, 2003

A cultura é uma coisa tão linda, não é?

Fomos ao bailado. Contemporâneo, entenda-se. E por bailado contemporâneo entenda-se também uma coisa que ninguém entende o que é. Havia uma rapariga de cor-de-laranja e um homem de bigode-revolucionário-à-baladeiro-do-25-de-abril. Havia outros dois, mais anódinos.
A coisa chama-se Tok Pisin.
Alguém sabe o que é Tok Pisin?
Claro que não, nem toda a gente teve a magnífica oportunidade de tirar um curso de Línguas e Literaturas Modernas, variante Estudos Portugueses e ter uma cadeira chamada "Crioulos de Base Portuguesa". O Tok Pisin é uma língua, um crioulo falado na Papua Nova-Guiné.
O bailado era acerca da língua? Podia ser. Podia ser acerca de nós (seria?) Papalaguis... eu não sei bem acerca do que era, confesso. Os meus olhos pós-modernos só viram pessoas (bailarinos) em conflito. E aborrece-me que a cultura não seja uma coisa bem disposta e bonacheirona. A cultura é profundamente chata e isso chateia-me porque gostava de ser culta.
Gostava de tirar prazer de coisas incompreensíveis, como se houvesse uma chave para isso.
Hoje, no palco, não notei grande diferença entre as Tentações de Santo Antão do Bosch e o que vi.
É preciso constantemente lembrar a nossa miserável condição humana?
Para quando uma gargalhada sã?

Publicado por Filomena em 12:40 AM | Comentários (1) | TrackBack

dezembro 07, 2003

Tony

E o Tony Carreira? Será que ninguém se lembra dele?
(Dou-me conta de que estou rodeada de pessoas que apreciam os grandes artistas da rádio, tv e disco e da cassete pirata).

Publicado por Filomena em 01:55 AM | Comentários (2) | TrackBack

dezembro 06, 2003

Diálogo na drogaria ou De Insania Lusitanorum

O interior de uma drogaria. Junto à caixa, uma empregada, uma cliente e um incauto à procura de pilhas.

Empregada: Este homem (referindo-se ao cliente que acabou de sair) está sempre a falar e a criticar tudo sem saber nada de nada!

Cliente: É verdade! Eu também não gosto dele! Ele e a mulher são...

Empregada: Uns alcoviteiros!

Cliente: Do pior que há!

Publicado por ajr em 03:43 PM | Comentários (0) | TrackBack

dezembro 04, 2003

Clara

A prosa de Clara Ferreira Alves revisitada com o engenho e a arte de Umbigo. Alguns excertos saborosos (Carlos Pinto Coelho): «na esplanada, olho com desprezo a multidão que seguia uma menina com um guarda-chuva amarelo. Agradeci a Deus não ter feito de mim uma turista. Como Chatwin, sou e serei sempre uma viajante» e «esta semana tive obras em casa. Em Portugal, obras em casa é sinónimo de uma aventura. Uma tempestade doméstica, enfim. Os canalizadores, que disseram que chegavam às nove (“esteja descansada, doutora!”), apareceram ao meio-dia, mal-encarados (“porra, cancelaram a conferência do Derrida na Culturgest!”)».

Publicado por ajr em 06:14 PM | Comentários (1) | TrackBack

De "Como se o orvalho te tivesse beijado"

Fomos felizes de certeza, porque as paredes do coração eram tão finas que se conseguia ouvir do outro lado.

Publicado por Filomena em 05:03 PM | Comentários (0) | TrackBack

O tio Zé

Pois é... o tio Zé parece ter dado um novo colorido a este blog.
Lembra-me o cd que o Zé Carlos tinha e que ouvíamos sempre que íamos a Évora. Reunia grandes êxitos dos anos oitenta. Abri com essa declaração de amor imortal: "como o macaco gosta de banana, eu gosto de ti! Meti a casca debaixo da cama e comi, comi".
O que pouca gente sabia até agora é que me relaciono com familiares do próprio tio Zé...
(Isto anda tudo ligado)

Publicado por Filomena em 05:00 PM | Comentários (1) | TrackBack

dezembro 03, 2003

Clube de Fãs do José Cid

Agradeço ao inestimável Soda Caustica o link para o aparentemente exótico (mas ouvinte de Nick Cave, Morrissey e Elvis Costello) fã número 1 de José Cid...

Publicado por ajr em 10:39 AM | Comentários (6) | TrackBack