« Feira do Livro Manuseado | Assírio & Alvim | Entrada | Lab 11 | Ana Borralho e João Galante »

abril 27, 2005

O Jogador | Dostoievski

dostoievski.jpg

Ao contrário da maioria dos portugueses que tiveram a colecção Livros RTP a decorar
as estantes durante décadas, eu nem sabia da existência dela.
Agora que todas as pessoas conseguiram erradicar esta presença no lar,
comecei a fazer a colecção. Este comprei por 2 euros na feira do livro da Rua Anchieta.
"O Jogador" foi escrito em 1866 e é um romance de carácter biográfico.
Na altura D. viajava precisamente pela Alemanha para fugir a credores da sua terra natal
e tinha a obsessão compulsiva do jogo a acompanhar a epilepsia.
Tal como o autor, a personagem principal, Alexei Ivanovich, vive atormentada por impulsos
e toda a acção decorre numas termas faustosas alemãs com o perverso nome de Roletemburgo.
À volta de Alexei Ivanovich inúmeros personagens em tensão à espera do desfecho inevitável.
È impressionante como um livro escrito em 1886 continua actual.

Publicado por s* às abril 27, 2005 12:01 PM

Comentários

Um óptimo romance de Dostoievsky de uma colecção que já não via há mesmo muito tempo. Engraçado como o layout da capa também continua bem actual.

Publicado por: amnésia às abril 28, 2005 07:31 PM

Concordo, infelizmente não aparece o nome do designer na colecção. Um dia destes faço uma secção no blog dedicada aos grandes designers anónimos.

Publicado por: s* às abril 29, 2005 02:36 PM

há vários por 1 euro no alfarrabista do principe real. mesmo no jardim. e nas feiras do livro do cais do sodré encontras mais a 1 euro tb. mas o mil folhas é agora a colecção rtp para as novas gerações.

Publicado por: Tiago às maio 5, 2005 04:09 PM

Tive a felicidade de ter a colecção RTP a "decorar" a prateleira de minha casa. O jogador, Fiesta e O retrato de Dorian Gray foram três dos livros desta colecção — não me recordo agora de mais — que tive oportunidade e o prazer de ler precocemente… Mítico!

E aproveitando o post … Obrigada pela menção ao meu blog :-)!

Publicado por: Ana Lúcia Pinto às maio 7, 2005 12:13 PM

Tiago, obrigada pelas sugestões. e sim, é verdade que o mil folhas é o substituto da colecção RTP. Já prevejo pessoas daqui a umas décadas a resgatar a colecção nos alfarabistas!

ALP: Passo no ilustrare regularmente desde o início e gostava de dar os meus sinceros parabéns, já fazia falta!

Publicado por: s* às maio 9, 2005 07:35 PM

A minha mãe tem essa colecção dentro dum armário...

Publicado por: Ana [Lua] às maio 21, 2005 05:26 PM