abril 25, 2007

Ainda Boris Yeltsin

Do Expresso online retirei o texto a seguir descrito onde se lêm as reacções de notáveis líderes mundiais:

"Devemos agradecer ao homem que faleceu o começo de toda uma nova e importante época. Nasceu uma Rússia democrática, um estado livre aberto ao mundo. Um estado onde o poder pertence realmente às pessoas.”
Vladimir Putin, Presidente Russo.

“Expresso as minhas mais profundas condolências à familiar do falecido, que levou a cabo grandes feitos para o bem do país, mas que também esteve por trás de graves erros.”
Mikhail Gorbachev, antigo Presidente da União Soviética.

“Ele arriscou a vida para impedir um golpe de estado, a seguir levantou a Rússia dos seus graves problemas económicos e políticos, tornando-se um importante aliado dos antigos adversários da Guerra Fria, tornando o país membro do G8.”
Bill Clinton, antigo Presidente norte-americano

“Ele desempenhou um papel chave na dissolução da União Soviética, ajudando na fundação da liberdade na Rússia, tornando-se no primeiro líder russo a ser eleito democraticamente na história do país.”
George W. Bush, Presidente norte-americano.

“Ele foi um homem notável que percebeu a necessidade de reformas económicas e sociais na Rússia, desempenhando assim um papel muito importante na história do país.”
Tony Blair, primeiro-ministro britânico.

“Ele colocou toda a sua energia, toda a sua generosidade e toda a sua determinação na transformação da Rússia, tentando assim construir um estado democrático, restaurar as liberdade e os direitos humanos, e reconstruir a economia.”
Jacques Chirac, Presidente Francês.

“Eu nunca esquecerei a forma como ele presidiu à retirada das tropas russas da Alemanha. Por isto os alemães estar-lhe-ão sempre gratos.”
Helmut Kohl, antigo Chanceler alemão.

“A memória do seu contributo na reconstrução de uma nova Rússia e o seu papel na Europa e no mundo está muito presente no nosso país, tal commo o papel que teve nas novas relações diplomáticas da Rússia com a Polónia.”
Lech Kaczynski, Presidente polaco.

“Sem Boris Yeltsin, a Rússia continuaria debaixo do manto comunista e os estados bálticos não seriam livres. Ele merece ser honrado como um patriota e um libertador.”
Margaret Thatcher, antiga primeira-ministra britânica.

“Com grande coragem pessoal ele teve o mérito de defender a liberdade. A Comissão envia as condolências à família do senhor Yeltsin, às autoridades russas e ao povo da Rússia.”
Durão Barroso, Presidente da Comissão Europeia.

“É realmente terrível. Quero dizer que ele foi o meu mentor e a Rússia perdeu o seu maior reformista. Ele ajudou milhões de russos a serem livres, incluindo eu. Ele ajudou-me a compreender a liberdade em detrimento da escravatura.”
Boris Berezovsky, antigo oligarca russo exilado em Londres.

Publicado por Manuel Marques em 06:17 PM

Boris Yeltsin

Morreu um homem que, mesmo bêbado, conseguia ver mais longe e melhor que a maioria dos pc's portugueses, a começar pelo Jerónimo que apenas se referiu a Yeltsin com um esgar e que não falava porque se tratava de um morto. Boa patada, à comunista, semelhante à que se passou no parlamento russo onde os comunistas não respeitaram o minuto de silêncio. em homenagem a Yeltsin.
Não tarda muito que, à semelhança de França, essa cambada desapareça.
Sobre este tema o blogue "desesperada esperança" escreve um texto que merece ser lido.

Publicado por Manuel Marques em 03:18 PM

abril 23, 2007

"Torre Bela" um documento inesquecível

Avivar a memória é um acto que poderá vir a traduzir-se em reflexóes que ajudem à prudência e até mesmo à sobrevivência.
Os meus cumprimentos ao blogue "Máquina Zero" pelo post que nos trouxe.

Publicado por Manuel Marques em 12:25 AM

abril 20, 2007

Pina Moura

É socialista, aceitou o convite para presidir à Media Capital portanto controlador da TVI.
A Media Capital é controlada pela espanhola Prisa, defensora da ideologia socialista.
O Blasfémias escreve muito bem sobre aquele tema.
Já era tempo de os socialistas terem uma televisão!

Publicado por Manuel Marques em 11:00 PM

abril 19, 2007

Sócrates e a UnI

Ouvi a conferência de imprensa na UnI, transmitida pela RTP, e as "bombásticas" declarações que ali foram proferidas.
Fiquei a saber que a UnI não sofreu degradação pedagógica, e que «a excelência do ensino da UnI é testemunhada não só pelo actual primeiro-ministro, pelo ministro da tutela e pelos alunos com 100 por cento de admissão nos exames da Ordem dos Engenheiros em Civil e elevada percentagem de aprovação nos exames à Ordem dos Advogados, sendo a segunda melhor universidade do País».
Também fiquei a saberque «José Sócrates foi convidado para leccionar uma disciplina na UnI, facto que declinou, segundo as suas palavras, com manifesto desconsolo. Foi um brilhante coordenador de um ciclo de conferências na UnI na área do ambiente no ano lectivo de 1997, sendo ainda hoje lembrado por todos os seus alunos. Em cerimónia de entrega de diplomas, proferiu uma oração de sapiência com elevada eloquência. A ligação do engenheiro José Sócrates com a UnI terminou nesse momento»
Bombástico!

Publicado por Manuel Marques em 12:13 AM

abril 17, 2007

O texto para a cadeira de inglês

Veja o que o SOL apurou.
E a conferência de imprensa foi adiada!!!!! pr'amanhã?

Publicado por Manuel Marques em 08:33 PM

A Frase

António Barreto no "Público" sobre os diplomas de Sócrates:
"As feridas de carácter não cicatrizam"

Publicado por Manuel Marques em 07:26 PM

abril 14, 2007

Veteranos de Guerra

É crime ter lutado pela Pátria?Todos os governantes, após o 25 de Abril, esqueceram-se da dívida que têm para com ex-combatentes

Publicado por Manuel Marques em 11:51 PM

abril 12, 2007

O 1º Ministro na TV

O dia de hoje é rico em comentários à prestação televisiva do 1º Ministro.
Cito o "blasfémias"
Cito o "sobre o tempo que passa"
Depois de tudo quanto se passou chegamos ao resumo da estória:
1.Sócrates passou por cima das "insinuações" e disse claramente que as dúvidas processuais não lhe dizem respeito pois são assunto da universidade.
2.A entrevista foi monótona, de fraco conteúdo e os entrevistadores com ar de debutantes.
O entrevistado mostrou uma irritação mal contida.
3. A oposição manifestou-se com uma no cravo e outra na ferradura revelando o lider Marques Mendes que não tinha os pés assentes na terra.
4. Registo o que alguns comentaristas apregoaram alto e bom som: "O Público está a fazer um serviço a Belmiro e a RTP está a fazer um serviço a Sócrates" -o que é preciso é animar a malta-

Publicado por Manuel Marques em 04:46 PM

O fax

Amar-ela é um blogue que visito com frequência.
Desta vez transcreve um fax digno de registo. Quero acreditar que aquele documento é real.
Belos empresários!!!!

Publicado por Manuel Marques em 01:32 PM

Reiniciando

Resolvi reactivar o "ensaio" nele compilando o que outros blogues observam sobre o momento que passa.
É um exercício que servirá à memória futura para relembrar o passado!

Publicado por Manuel Marques em 01:14 PM

4 brasileiros em portugal

Do blogue "máquina zero" divulgo esta informação pelo conteúdo que ela carrega.
Se calhar o Brasil ficou a ganhar com a exportação.

Publicado por Manuel Marques em 12:53 PM