janeiro 24, 2007

Bom dia mundo

Se eu morrer um dia
no coração de alguém,
quero um funeral
de rosas sem espinhos,
num dia claro e azul
Se eu morrer um dia
no teu coração,
não quero ser depositado
numa vala comum,
quero um canto só para mim
Não quero cortejo nem banda.
Não quero bandeira.
Quero apenas que alguém grite;
Ele morreu aqui; mataram-no no olhar,
nas palavras e até nas orações.
Venham ver.
Ele morreu aqui e aqui jamais será recordado.
Morreu aqui para nascer mais além,
onde seu amor não terá fim.
E assim ele morreu de amor,
Morreu perto, nasceu longe
mas ainda pensa em mim.

Publicado por Nuno Teixeira em 02:21 AM | Comentários (6) | TrackBack

janeiro 23, 2007

Notícias de Fundo deste lado do mundo

A Livraria Almedina estádio Cidade de Coimbra organiza dois ciclos para os quais peço a vossa atenção.

O ciclo Para "Que Servem os Blogues?" começa já amanhã dia 23 pelas 21h com a temática "A Opinião nos Blogues".
Participação de Paulo Gorjão, professor na Universidade Lusíada (bloguitica.blogspot.com) e de Rui Ângelo Araújo ex-director da Periférica.
Este Ciclo termina a 20 de Março onde será abordada a temática "Para lá dos Blogues" na perspectiva de Clara Almeida Santos, professora na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra e Francisco Amaral Professor na Escola Superior de Educação de Coimbra (intima.blogspot.com).

O Ciclo sobre Fotografia começa na Quinta-Feira dia 25 onde se vai abordar o Fotojornalismo.
Com:
Adriano Miranda, repórter fotográfico do Público
Sérgio Azenha, repórter fotográfico free-lancer

Mais informações em almedina.net

Publicado por Nuno Teixeira em 03:04 PM | Comentários (0) | TrackBack

janeiro 19, 2007

Melodias de fundo

quando o mar estronda
sob o vento forte
meu coração ateu ganha medo
quando o mar me ronda
com a voz da morte
crédula em bruxedo
peço lavada em lágrimas
peço fervorosamente
peço para poupar a gente


quando o céu pesado
num troar medonho
vem acordar em mim os temores
quando sinto o fado
a domar o sonho
crédula em agoures
peço lavada em lágrimas
peço fervorosamente
peço para poupar a gente
peço

Clã, Lágrima de Moça

Publicado por Nuno Teixeira em 11:35 AM | Comentários (1) | TrackBack

Sensações do outro lado do mundo

Adoro a côr que o céu apresenta a esta hora.
Aquele azul escuro, com influências do manto negro da noite e que tenta ser empurrado pela força da manhã.
Ouvem-se os primeiros ruídos, como se existisse um concurso para saber quem vai ser o primeiro a dar sinais de vida.
Faz-me sempre lembrar as viagens que fazia com os meus pais em criança, quando tinhamos de acordar cedo para ir a qualquer parte do mundo.


Bom dia mundo.
Voamos?

Publicado por Nuno Teixeira em 07:43 AM | Comentários (0) | TrackBack

janeiro 18, 2007

Crónicas de fundo do outro lado do mundo

[...]Por isso, aceitei o destino que me era estendido, sem lágrimas nem arrependimentos. Da mesma maneira que tinha aceite o seu amor: um sol inesperado, no Outono morno dos dias.
E, pela última vez, beijei-lhe os cabelos; e ali, no restolho, debaixo de um sol que começava a minguar, ofereci-me o seu corpo e dei-lhe o meu, para sempre. Mas, sem que soubesse porquê, o seu olhar sorridente já me cantava hinos de adeus.

Possidónio Cachapa, O Verde Reflexo Das Videiras (Segura-te ao meu peito em Chamas)

Publicado por Nuno Teixeira em 05:32 PM | Comentários (2) | TrackBack

janeiro 17, 2007

Onde estão os heróis?


Serve-me a foto de Rosenthal contextualizada pelo último filme de Clint Eastwood, "As Bandeiras dos Nossos Pais", para reflectir.
Ainda existem heróis?
Não, não. Tirando os futebolistas e o Scolari.
Ainda existem heróis?
E se existem, onde estão os heróis do nosso tempo?
Será que todos nós, somos potenciais heróis?

Voamos?

Publicado por Nuno Teixeira em 04:11 PM | Comentários (1) | TrackBack

janeiro 15, 2007

Notícias de fundo


No Promises faz-nos acreditar no amor.

Aquele amor a que chamam platónico mas que pelo contrário, nos envolve em vários actos de felicidade.
É tão puro como aquele toque com a sensibilidade certa. Ou o abraço que nos envolve em segurança e que mais tarde recordamos com um sorriso.
O novo disco de Carla Bruni tem toda essa sensibilidade.

A não perder de ouvido.

Voamos?

Publicado por Nuno Teixeira em 08:16 PM | Comentários (3) | TrackBack

Será?

Deixaremos este mundo tal e qual como o encontrámos quando a ele viemos.

Voltaire

Publicado por Nuno Teixeira em 06:14 PM | Comentários (965) | TrackBack

janeiro 13, 2007

parece...

...que lá vou ter de começar tudo outra vez.
Porque há aquele silêncio ou aquela poeira no ar.
Aqueles mesmos jogos de bastidores onde tudo se decide e tudo se controla sem se saber muito bem o que se decide ou controla.
Apenas se sente aquele odor.

E continuamos a voar, enquanto os loucos decidem a nação e seus filhos.

Bom dia mundo

Publicado por Nuno Teixeira em 12:30 AM | Comentários (767) | TrackBack

janeiro 12, 2007

Fim de semana aqui tão perto

Algumas notas de destaque relativamente a esta semana.
A começar pelo desporto.
O Futebol Clube do Porto despediu-se da Taça de Portugal frente ao modesto Atlético. Um filme que nunca se tivesse visto antes.
O problema está em ter sido o Futebol Clube do Porto. Clube que desperta os mais diversos ódios porque infelizmente o primeiro clube de muita gente é o ódio de estimação ao F.C. Porto.
Acho que a conquista das taças europeias não mereceram tanto alarido como esta derrota. Afinal trata-se do Futebol Clube do Porto, um clube de pequena dimensão tendo em conta outros colossos europeus que dizem arrastar os tais 6 milhões de simpatizantes, com ou sem kit sócio.
Houve um debate na RTP sobre os jovens portugueses. Os novos problemas e desafios. Os ideais as lutas do agora.
O problema destes debates não é propriamente a apresentação de uma conclusão, porque não existe uma conclusão mas várias. O problema reside tão só na politização destes debates e como tal lá estavam os pequenos boys partidários.
O problema de base da juventude portuguesa actualmente é sem dúvida o desconforto e a consequente desilusão e comodismo face à actual situação do país onde a vida profissional se pauta pela injustiça.
Os jovens tem cada vez menos oportunidades para mostrarem das suas capacidades tendo em conta que os lugares para as ditas oportunidades são entregues como nós sabemos, a familiares, conhecidos e afins daqueles que detém um pequeno poder neste país. E a tendência é tipo efeito bola de neve. Os jovens que têm a oportunidade de estabilizar a vida mais cedo, mais rapidamente se distanciam de todos os outros e mais facilmente conseguem chegar mais longe e como tal fazem depois pelos que lhe estão próximos o mesmo que fizeram por eles. É tipo uma entrega de testemunho. E não será exagerado se disser, que aqui começam as desigualdades sociais, tendo em conta que o país está entregue a uma dúzia de famílias poderosas e mais uns quantos boys de segunda linha.
Nenhum jovem por mais empreendedor e ambicioso que seja, se safa sem uma ponta de sorte ou sem a mão amiga. Os que conseguem por mérito são cada vez menos e a esses os meus parabéns por isso.

Notas de fim de semana.
O Fim-de-semana promete sol mas mesmo assim há um frio teimoso e irritante.
Para as leituras recomendo;
Cemitério de Pianos de José Luis Peixoto da Bertrand.
Do autor de Kafka à Beira Mar, o livro Crónica do Pássaro de Corda de Haruki Murakami. Uma proposta da Casa das Letras.

Deve estrear no final deste mês ou então até meados Fevereiro (digo eu).
Um título a não esquecer:
East Of Bucharest.

A todos um excelente fim-de-semana.

Voamos?

Publicado por Nuno Teixeira em 03:51 PM | Comentários (3158) | TrackBack

Hoje...

...sugestões de fim de semana Dom Quixote.

Publicado por Nuno Teixeira em 02:04 PM | Comentários (54) | TrackBack

janeiro 11, 2007

Pensamento do dia

Uma destas noites discutia-se em "conversa de café" sobre as verdade da compatibilização das pessoas relativamente às relações interpessoais. Relações de amizade, profissionais e claro está... as amorosas.
A conclusão:
As pessoas relacionam-se bem ou mal tendo em conta as igualdades e as diferenças mas também a maneira coerente de cada um dos perfis na gestão de conflitos e na coerencia de cada um dos indivíduos quando estes são colocados frente a determinados factores.
Mais.
Alguém falou na importância da "mesma canção". E esta hein?
Será mesmo importante essa mesma canção? Os gostos iguais ou pelo menos compativeis e a capacidade de abertura aos gostos do outro (quando não muito díspares). Será?

Publicado por Nuno Teixeira em 08:23 PM | Comentários (8) | TrackBack

janeiro 08, 2007

Aqui deste lado do mundo.
Ficam os fantasmas como se fossem notícias de fundo.
Mas vivem-se os dias e contornam-se os fantasmas, aprendemos a ignora-los e seguimos em frente. Ao som de uma melodia, que por si só, é tão mais coerente que os vivos que a fizeram, quanto mais fantasmas.

Temos estradas que não usamos.
Somos loucos.
Lindos e soltos
Voamos.

Publicado por Nuno Teixeira em 02:37 PM | Comentários (1058) | TrackBack

Bom dia mundo


"Embora lave o medo
que há do fim
a chuva apaga o fogo
que há em mim
Ouço a voz de quem
me quer tão bem
E fico a ver se a chuva
a ouvirá também..."

Ornatos Violeta

Bom dia mundo.
Voamos?

Publicado por Nuno Teixeira em 01:47 AM | Comentários (10) | TrackBack

janeiro 04, 2007

A não perder de ouvido

Os Dinamarqueses Tiger Baby estão de volta com Noise Around Me.
A sensualidade em torno da musica de dança. Simplesmente genial e envolvente.

Publicado por Nuno Teixeira em 12:49 AM | Comentários (3) | TrackBack

janeiro 02, 2007

UM ANO EM IMAGENS

O ano 2006 em imagens...
Segundo o New York Times.

Publicado por Nuno Teixeira em 06:57 PM | Comentários (1) | TrackBack