dezembro 30, 2004

As sem-razões do amor

Eu te amo porque te amo
não precisa ser amante
e nem sempre sabe sê-lo
Eu te amo porque te amo
Amor é estado de graça
e com amor não se paga
Amor é dado de graça,
é semeado no vento,
na cachoeira, no eclipse
Amor foge a dicionários
e a regulamentos vários
Eu te amo porque não amo
bastante ou demais a mim
Porque amor não se troca,
não se conjuga nem se ama
Porque amor é amor a nada,
feliz e forte em si mesmo
Amor é primo da morte
e da morte vencedor
Por mais que o matem (e matam)
a cada instante de amor.
   
(Carlos Drummond de Andrade)

Publicado por Mulher em 10:35 PM | Comentários (3) | TrackBack

dezembro 28, 2004

Fera

Venha minha fera!
Venha possuir tua menina...
Sinto sede de teu corpo,
Desejo ardentemente ser possuída...
Quero sentir tua língua percorrendo
meu corpo.
Quero que este tesão se expanda.
Que eu me torne somente sua.
Quero me entregar para você!
Meu menino, meu homem safado...
Vem, se enrola em meu pescoço
Me ame, me possua, me satisfaça.
Leva contigo este tesão que me enlouquece.
Quero pertencer somente a você.
Quero me deliciar de teus carinhos.
Sentir teu sexo invadindo meu corpo,
Gemer em teus braços...
Ah menino safado que me enfeitiça!
Vem e satisfaça tua fêmea que te ama.
Diga dentro de meu ouvido que me pertence
assim como te pertenço!
Vem menino de minha vida...
Solta esta fera presa em teu peito.
Possua tua menina que te espera ansiosa.
Deixe-me chorar de prazer sentindo
você dentro de mim!

Publicado por Mulher em 10:20 PM | Comentários (4) | TrackBack

ALMA GÊMEA

Um dia, no silêncio da rede,
minha alma encontrou outra,
que divagava, quem sabe
à procura da minha...
só sei que, em pouco tempo,
nossas almas se reconheceram
e descobriram que nunca mais
poderiam se separar...
Pois uma havia sido enviada
à outra como um presente
Um presente divino
Que Deus, em sua infinita
bondade, nos enviou
Posso falar com toda certeza,
que uma alma não vive sem a outra,
são almas irmãs, irmãs de alma,
irmãs de coração , irmãs de LUZ...
Almas gêmeas que tiveram
a felicidade de se encontrar
e se reconhecer...
Te amo, minha alma gêmea,
você é, com certeza o Ser Especial
que ilumina minha vida...

Publicado por Mulher em 01:15 AM | Comentários (3) | TrackBack

dezembro 27, 2004

COMO ESQUECER VOCÊ?

Eu queria ao menos fingir
que te esqueci...
tentar nos braços de outro ser feliz
Mas é impossível...
Seu rosto não sai da minha mente
nem tão pouco seu olhar doce saliente
e impossível esquecer alguém como você
que me fez feliz de tantas maneiras...
que me enlouquecia com sua paixão
seu fogo...seu tesão!
Que me tomava nos braços docemente
me beijava os lábios...
e com sua língua quente..
me mordiscava os seios...
me deixando num frisson...
num desejo enfurecido...
que só me acalmava
quando seu sexo dentro do meu
me levava a mil orgasmos de prazer.
onde só existia no mundo...
nossos corpos cheios de volúpia....
famintos de prazer e de languidez....
Como esquecer alguém,como você,
que até nos momentos de nossas rusgas...
logo você me olhava ...
me sorria...
me acariciava
com seu jeitinho especial,meigo....
e tudo voltava ao normal, como é
a vida de um casal,
amante...feliz.
Queria pedir ao vento,que levasse
esse meu lamento...
e um beijo...
lá onde você está agora meu amor,
e te dizer que ainda te amo...
e te amarei sempre,
por toda a minha vida
ate o dia de nosso reencontro...
porque essa é a razão do meu viver!

ARNEYDE T. MARCHESCHI

Publicado por Mulher em 11:55 PM | Comentários (3) | TrackBack

dezembro 25, 2004

FÊMEA DO PRAZER

Vem...!
Jogue-me na parede,
Puxe meus cabelos,
Desnude minha nuca,
Aperte-a...
Vem...!
Passe sua língua em meu pescoço...
Sugue,
Lamba,
Morda.
Vem...!
Beije minha boca,
Sinta meus lábios,
Minha língua,
Minha saliva lasciva.
Desça por meu corpo,
Procure meu colo macio,
Meus seios com mamilos excitados.
Vem...!
Faça-me estremecer,
Arrepiar,
Gritar,
Uivar,
Gemer em deleite.
Vem...!
Invada meu sexo com mãos e boca,
Deixe-me enlouquecida,
Estremecida,
Excitada,
Umedecida.
Vem... Excite-me,
Faça-me mulher.
Faça-me sua fêmea do prazer,
Sua fêmea do sexo.

Hoje não estou nada bem, olha para o k me havia de dar... deve de ser o espírito Natalicio :-S

Publicado por Mulher em 10:30 PM | Comentários (5) | TrackBack

Que se dane a razão!!!

Você me chega suado,
com este teu jeito safado,
e olhar de quem se diz apaixonado.
A pele transpirando desejo,
poros exalando teu cheiro de homem.
Meu corpo na espera,
une-se ao teu,
num abraço envolvente,
e beijos ardentes.
Tuas mãos maliciosas
me exploram com a ternura
de um amante sensível.
A entrega é inevitável,
diante de um coração
fragilizado...e apaixonado!
Neste momento sou tua,
e me rendo à sedução...
Que se dane a razão!!

Para alguém especial...

Publicado por Mulher em 10:28 PM | Comentários (3) | TrackBack

dezembro 23, 2004

A evolução do Homem

Eu avisei k hoje tava mázinha ;), esta é para alguns homens... eheheheh!

Publicado por Mulher em 10:55 AM | Comentários (3) | TrackBack

Descrever o amor

"Tentei descrever o amor, do ponto de vista da razão,
subvertendo o que a natureza humana dele pretende:
um fim para o desejo, para a desordem dos sentidos,
para a falta de entendimento de quem vive solitário.
Não sei o que descrevi:
se esse conjunto de emoções que se concentra no instante da paixão,
transformando a alma numa fogueira feita de mágoa e alegria;
se o instante em que toda a percepção é absorvida por ti,
mesmo que tu me peças que não perca juízo e coração,
ambos envoltos na estranha tormenta que os teus olhos desencadeiam.
Em tudo isto, é certo que reina
a cegueira que nasce desta contradição entre tormento e júbilo.
Saber que me amas, como eu te amo,
são os dois pratos da balança em que ambos pesamos a relação que nos envolve.
Um trabalho de equilíbrio,
sustentando a esquiva memória que se torna presente em cada novo contentamento, obriga-me a repartir o que me dás por mim e por ti,
para que nada sobre do que nos junta.
É que o amor é isto que se consome
até esse nada de que renasce;
e o próprio nada é tudo o que dele sai.
Os teus lábios que se fecham quando me olhas,
e os teus olhos que se abrem se me falas;
as tuas palavras que me distraem do que dizes;
e o que dizes quando as minhas palavras te distraem.
Assim estive algum tempo a descrever o amor;
até que o amor me descreveu,
e ambos nos tornámos claros
um para o outro, como o amor descreve."

[Nuno Júdice]

Publicado por Mulher em 10:15 AM | Comentários (0) | TrackBack

Os Neurónios dos Homens

No cérebro de um homem estava um neurónio sozinho. Um dia, um outro neurónio passa por lá. O neurónio solitário diz:
" Olá ! "
O neurónio que passeava pelo cérebro responde:
" Olá, como é que vai a vida? "
" Tudo bem, tirando o facto de que me aborreço aqui sozinho.
Sabes, és o primeiro neurónio que vejo passar aqui depois de décadas ..."
" Mas ... espera aí ... há muito tempo que estás aqui? "
" Bem, desde sempre. Sempre estive aqui ... sozinho ... muito só..."
" Mas ... és parvo ou quê ? Desce até o pénis ... estamos todos lá!!! "

ehehehe!!! hoje tou mázinha ;)

Publicado por Mulher em 10:10 AM | Comentários (3) | TrackBack

Preparação da festa de Natal no trabalho

DE: Patrícia Gomes - Directora de Recursos Humanos
PARA: Todos os Funcionários
Data: 1º de Dezembro
Assunto: Festa de Natal
Tenho o prazer de informar que a festa de Natal da empresa será no dia 23 de Dezembro, com início ao meio-dia, no salão de festas privativo da Churrascaria Grill House. O bar estará aberto com várias opções de bebidas. Teremos uma pequena banda tocando canções tradicionais de natal...sinta-se à vontade para se juntar ao grupo e cantar!
Não se surpreenda se nosso Vice-Presidente aparecer vestido de Pai Natal! A árvore de Natal terá suas luzes acesas às 13:00. A troca de presentes de um amigo secreto pode ser feita a qualquer momento, entretanto, nenhum presente deverá exceder 1000$00, a fim de facilitar as escolhas e adequar os gastos a todos os bolsos. Este encontro é exclusivo para funcionários. Nesta ocasião, nosso Vice-Presidente fará um discurso bastante especial.
Feliz Natal para vocês e suas famílias.
Patrícia
------
DE: Patrícia Gomes - Directora de Recursos Humanos
PARA: Todos os Funcionários
Data: 2 de Dezembro
Assunto: Festa de Final de Ano
De maneira alguma nosso memo datado de 1º de Dezembro pretendeu excluir nossos funcionários judeus! Reconhecemos que o Chanukah é um feriado importante e que costumam coincidir com o Natal mas isso não aconteceu este ano. De qualquer forma, passaremos a chamá-la de "Festa de Final de Ano". A mesma política se aplica a todos os outros funcionários que não sejam cristãos e àqueles que ainda celebram o Dia da Reconciliação. Não haverá árvore de Natal. Nada de canções de natal nem coral. Teremos outros tipos de música para seu entretenimento. Felizes agora ?
Boas festas para vocês e suas famílias,
Patrícia
------

DE: Patrícia Gomes - Directora de Recursos Humanos
PARA: Todos os Funcionários
Data: 3 de Dezembro
Assunto: Festa de Final de Ano
Com relação ao bilhete que recebi de um membro dos Alcoólicos Anónimos solicitando uma mesa para pessoas que não bebem álcool... você não assinou seu nome! Fico feliz em atender o pedido, mas se eu puser uma placa na mesa "Exclusivo para AA", vocês não serão mais anónimos... Como faço então?
Esqueçam a troca de presentes. Nenhuma troca de presentes será permitida, uma vez que os membros do sindicato acham que 1000$00 é muito dinheiro e os executivos acham que 1000$00 é muito pouco para um presente. NENHUMA TROCA DE PRESENTES SERÁ PERMITIDA, certo?
Patrícia
------
DE: Patrícia
PARA: Todos os Funcionários
Data: 7 de Dezembro
Assunto: Festa de Final de Ano
Nossa, que grupo heterogéneo somos!!! Eu não sabia que no dia 20 de Dezembro começa o mês sagrado do Ramadão para os muçulmanos, que proíbe comer e beber durante as horas do dia. Lá se vai a festa!!! Agora sério, entendemos que uma refeição nesta época do ano seja um problema sem precedentes para a crença de nossos funcionários muçulmanos..... Talvez a da Churrascaria Grill House possa assegurar o serviço de buffet até ao fim do dia - ou então, embalar tudo para que vocês leve para casa na marmita. O que vocês acham disso? Novidades: Neste meio tempo, consegui que os membros do Vigilantes do Peso sentem o mais longe possível do buffet de sobremesas e a mulheres grávidas sentem-se o perto possível dos banheiros; Homossexuais podem sentar-se juntos. Mulheres homossexuais não têm que se sentar com homens homossexuais, que terão sua própria mesa e sim, haverá um arranjo de flores no centro da mesa dos homens homossexuais. Para as pessoas que pediram permissão para trocarem de roupa, nenhuma troca de roupa será permitida. Teremos assentos mais altos para pessoas baixas. Comida com baixa caloria estará disponível para os que estão de dieta. Nós não podemos controlar a quantidade de sal utilizada na comida, desta forma, sugerimos para estas pessoas com pressão alta provar o gosto primeiro. Haverá frutas frescas de sobremesa para os diabéticos - o restaurante não dispõe de sobremesas sem açúcar. Nossas profundas desculpas. Esqueci-me de alguma coisa?
Patrícia
------
DE: Patrícia Gomes - Directora de Recursos Humanos
PARA: Todos os Funcionários $%&"$%
Data: 7 de Dezembro
Assunto: Festa de Final de Ano do C$%*#!!!
Vegetarianos!?!?!??! Sim, vocês também tinham que dar sua opinião de #$%*# ou reclamar de alguma coisa!!! Nós manteremos o local da festa na Churrascaria Grill House; quem não gostar, EXPLODA! Então, como alternativa, vocês podem sentar-se quietinhos na mesa mais distante da "churrasqueira da morte" - como vocês se referiram de forma bastante depreciativa ao utensílio, e vocês terão a porcaria da sua mesa de saladas, incluindo tomates hidropónicos da casa do c$%*#!!! & arrozinho grudento para comer de pauzinho mas aqueles (naturalmente haverão...) que não concordarem em usá-los podem enfia-los em outro lugar...
Mas como vocês devem saber, os tomates, eles também têm sentimentos! Os tomates gritam quando vocês os fatiam. EU mesma os ouvi gritar! Eu estou a ouvi-los gritar agora mesmo!!!!!
HÁ!!!! Espero que vocês todos tenham um péssimo final de ano!
A Vaca
------
DE: Jonas Bispo - Director de Recursos Humanos Substituto
PARA: Todos os Funcionários
Data: 14 de Dezembro
Assunto: Patrícia Gomes e Festa de Final de Ano
Tenho a certeza que falo por todos desejando para a Patrícia um rápido restabelecimento para sua crise de stress e continuarei a encaminhar as suas mensagens para ela no sanatório. Por conta deste facto, a directoria decidiu cancelar a Festa de Final de Ano e dar folga remunerada para todos na tarde do dia 23 de Dezembro.
Boas Festas!
Jonas

Publicado por Mulher em 10:05 AM | Comentários (0) | TrackBack

Não Lavei...

Não lavei os seios pois tinham o calor da tua mão.
Não lavei as mãos pois tinham o cheiro do teu corpo.
Não lavei o corpo pois tinha os rastros dos teus gestos;
tinha também, o meu corpo, a sagrada profanação do teu olhar
que não lavei.
Nem aqueles lençóis, não os lavei, nem os espelhos,
que continuam onde sempre estiveram:
porque eles nos viram cúmplices,
e a paixão, no paraíso, parece que era.
Lavei, sim, lavei e perfumei a alma, em jasmim,
que é tua, só tua, para te esperar
como se nunca tivesses ido a nenhum lugar:
donde apaguei todas as ausências que apaguei ao teu olhar.

(Bruna Lombardi)

Para ti "minha" Shana (sabes bem porquê) ;)

Publicado por Mulher em 10:00 AM | Comentários (4) | TrackBack

dezembro 22, 2004

EU QUERO MAIS...

Eu quero mais...
Muito mais...
Quero mais que palavras,
Sonhos eróticos,
E fantasias em lençóis solitários.
Eu quero mais...
Muito mais...
Eu quero te ver,
Tocar-te,
Sentir-te quente,
Suado,
Enlouquecido,
E rijo em perfeita ereção.
Eu quero sentir teu cheiro.
Cheiro doce,
Incandescente.
Cheiro de homem selvagem,
E quente.
Eu quero mais...
Muito mais...
Eu quero sentir teu gosto,
Tua boca,
Tua língua indecente.
Eu quero ouvir tua voz,
Dizendo-me poesias e chavões ao ouvido.
Eu quero ouvir teus gemidos roucos e incontidos,
Gemidos soltos,
Quando te delicio com mãos e línguas.
Ah...
Eu quero mais...
Muito mais...
Eu quero te dar prazer,
Eu quero te ter...
Quero que sinta minha pele arrepiada,
Meu cheiro,
Meu gosto,
Meu sexo...
Quero que aperte meus seios,
Puxe meus cabelos,
E morda meu pescoço e nuca desnudos.
Eu quero te ver ensandecido,
Alucinado,
Descontrolado de prazer,
E por prazer.
Eu quero mais...
Muito mais...
Eu quero meu corpo no teu,
Minha língua na tua,
Sugando,
Lambendo...
Eu quero mais...
Muito mais...
Eu quero te enlaçar entre pernas,
Cavalgar em teu corpo,
Apoiar-me em teu peito,
E deixar que invada meu sexo húmido.
Ah...
Eu quero mais...
Muito mais...
Eu quero ir mais fundo,
No teu mundo,
Em êxtase profundo.

Socorro, k hoje tou possuída... :-(

Publicado por Mulher em 01:10 PM | Comentários (5) | TrackBack

Poema de la Despedida

Te digo adiós si acaso te quiero todavía
Quizas no he de olvidarte... Pero te digo adiós
No se si me quisiste... No se si te quería
O tal vez nos quisimos demasiado los dos.

Este cariño triste y apasionado y loco
Me lo sembré en el alma para quererte a tí.
No se si te amé mucho... No se si te amé poco,
Pero si sé que nunca volvere a amar así.

Me queda tu sonrisa dormida en mi recuerdo
Y el corazón me dice que no te olvidaré.
Pero al quedarme solo... Sabiendo que te pierdo,
Tal vez empiezo a amarte como jamás te amé.

Te digo adiós y acaso con esta despedida
Mi más hermoso sueño muere dentro de mí.
Pero te digo adiós para toda la vida,
Aunque toda la vida siga pensando en tí

(Dilene Maia)

Publicado por Mulher em 10:00 AM | Comentários (3) | TrackBack

dezembro 21, 2004

Lágrima

Uma Lágrima ...
Pelo beijo que eu não te dei,
Pelo afago que eu sufoquei,
Pelos sonhos que malbaratei,
Pelo encontro que em vão sonhei.
Pelo beijo que não me roubaste,
Pelo afago que me recusaste,
Pelo encontro que tu evitaste,
Pelo sonho que tu não sonhaste.

Uma Lágrima ...
Pela mão que não entrelacei,
Pelo olhar que jamais cruzei,
Pela valsa que eu não dancei,
Pela música que não entoei.
Pela mão que não apertaste,
Pelo olhar que tu desviaste,
Pela dança que tu não dançaste,
Pela canção que não escutaste.

Uma lágrima ...
Pela espera da festa...sem festa,
Pela espera do gozo...sem gozo,
Pela espera da vida...sem vida,
Pelo ápice do fim...sem fim.
Uma lágrima enfim,
Sem festa...pela fresta que tu me fechaste,
Sem gozo...pois no meio do caminho declinaste,
Sem vida...foste minha luz e te apagaste,
Sem fim...começaste a amar e não terminaste!

(Fátima Irene Pinto)

Publicado por Mulher em 01:55 PM | Comentários (6) | TrackBack

dezembro 20, 2004

EVA e DEUS

Um dia, no jardim do Éden, Eva disse a Deus:
- Deus, tenho um problema!
- Qual é o teu problema, Eva?
- Deus, sei que criaste-me e deste-me este maravilhoso jardim, todos estes maravilhosos animais e esta serpente tão graciosa, mas ... não sou feliz.
- Porquê, Eva? - disse a voz lá de cima.
- Deus, estou sózinha e não aguento comer mais maçãs.
- Bem, Eva, nesse caso, tenho uma solução.
Criarei um homem para ti...
- O que é um homem, Deus?
- Um homem será uma criatura defeituosa, com muitos atributos negativos.
Mentiroso, arrogante, vaidoso; em resumo, fará da tua vida um inferno.
Mas... será maior, mais rápido e irá caçar e matar animais para ti. Terá
um aspecto estúpido quando ficar excitado, mas, para que não tequeixes, criá-lo-ei com o objectivo de satisfazer as tuas necessidades físicas. Será patético e sentirá prazer em coisas infantis, como lutar e dar pontapés numa bola. Não será muito inteligente e vai precisar do teu conselho para pensar adequadamente.
- Parece óptimo - disse Eva com um sorriso irônico.
- Porém...
- Qual é o problema, Deus? -
- Bem... irás tê-lo com uma condição.
- Qual, meu Deus?
- Como te disse, ele será orgulhoso, arrogante e egocêntrico... Assim terás que deixá-lo acreditar que eu o fiz primeiro.

Esta é a melhor explicação que alguma vez li... eheheh!!!

Publicado por Mulher em 07:44 PM | Comentários (3) | TrackBack

O meu orgulho

Lembro-me o que fui dantes. Quem me dera
Não me lembrar! Em tardes dolorosas
Eu lembro-me que fui a Primavera
Que em muros velhos fez nascer as rosas!

As minhas mãos, outrora carinhosas,
Pairavam como pombas... Quem soubera
Porque tudo passou e foi quimera,
E porque os muros velhos não dão rosas!

São sempre os que eu recordo que me esquecem...
Mas digo para mim: «Não me merecem...»
E já não fico tão abandonada!

Sinto que valho mais, mais pobrezinha:
Que também é orgulho ser sozinha,
E também é nobreza não ter nada!

(Florbela Espanca)

Publicado por Mulher em 12:21 AM | Comentários (2) | TrackBack

Reflexão

Publicado por Mulher em 12:10 AM | Comentários (2) | TrackBack

dezembro 19, 2004

Mientes tan bien

Image Hosted by ImageShack.us

Que te quedaras conmigo una vida entera
que contigo adiós invierno sólo primavera
que las olas son de magia y no de agua salada
yo te creo todo y tú no me das nada
tú no me das nada.
Que si sigo tu camino llegaré hasta el cielo
tú me mientes en la cara y yo me vuelvo ciego
yo me trago tu palabras tú juegas un juego
y me brilla el mundo cuando dices luego,
cuando dices luego.
Cuando dices siento, siento que eres todo
cuando dices vida yo estaré contigo
tomas de mi mano y por dentro lloro.
Aunque sea mentira me haces sentir vivo
aunque sea falso el aire, siento que respiro
mientes tan bien
que me sabe a verdad todo lo que me das
y ya te estoy amando,
mientes tan bien
que he llagado a imaginar
que en mi amor llenas tu piel
y aunque todo es de papel
mientes tan bien.
Cuando dices siento…

(N. Schajris/ L. García)

Publicado por Mulher em 11:50 PM | Comentários (5) | TrackBack

dezembro 18, 2004

Beijo

Esta é uma das cenas que mais gosto do meu filme preferido, com o "meu" actor favorito.

Publicado por Mulher em 10:40 PM | Comentários (3) | TrackBack

Ser feliz

Quantas vezes nós pensamos em desistir,
deixar de lado o ideal e os sonhos;
Quantas vezes batemos em retirada
com o coração amargurado pela injustiça;
Quantas vezes sentimos
o peso da responsabilidade
sem ter com quem dividir;
Quantas vezes sentimos solidão,
mesmo cercado de pessoas;
Quantas vezes falamos sem ser notados;
Quantas vezes lutamos por uma causa perdida;
Quantas vezes voltamos para casa com
a sensação de derrota;
Quanta vezes aquela lágrima teima em cair,
justamente na hora em que precisamos
parecer fortes;
Quantas vezes pedimos a Deus
um pouco de força,
um pouco de luz;
E a resposta vem, seja lá como for:
um sorriso, um olhar cúmplice,
um cartãozinho, um bilhete, um gesto de amor;
E a gente insiste;
Insiste em prosseguir, em acreditar,
em transformar, em dividir,
em estar, em ser;
E Deus insiste em nos abençoar,
em nos mostrar o caminho:
Aquele mais difícil,
mais complicado, mais bonito.
E a gente insiste em seguir,
por que tem uma missão...
SER FELIZ!

Publicado por Mulher em 10:35 PM | Comentários (2) | TrackBack

Se algum dia...

Se algum dia, esmagada pelo tédio,
eu te pedir o Sol como remédio à minha inquietação,
sorri como se eu fosse uma criança,
e não digas que não.
Se algum dia, em noites de platina,
eu te pedir a Lua que ilumina do céu a nossa rua
e me deixa extasiada, boquiaberta,
as minhas mãos nas tuas mãos aperta
e promete-me a Lua!
E se ainda, perdido no horizonte,
o meu olhar partir de monte em monte e apetecer o mar,
tu que sabes, vês e podes tudo,
abrindo tuas asas de veludo,
finge que o vais buscar!

(Virgínia Victorino)

Publicado por Mulher em 04:50 PM | Comentários (2) | TrackBack

Momentos de Glória

Por vezes o mundo é nosso. Não há motivo; afinal até corre tudo mal, afinal os problemas adensam-se sem parecerem ter um fim, mas quando nos perdemos de nós, aquele momento está lá. Pois, ele há alturas assim…
Aquele minuto surgido de um nada em que desviamos a mente da realidade e de repente estamos no cume de uma montanha e num grito conseguimos só com a alma abraçar o mundo inteiro. Fugimos! Agora sabemos como dar as boas vindas ao primeiro raio de sol, sabemos sentir real a brisa imaginada, sabemos atentar no murmúrio das folhas que se agitam ou muito simplesmente deixamo-nos perder na beleza esquiva daquela única flor que como que nos cumprimenta num aceno. Abandonados a um mundo só nosso, permitimo-nos experimentar a frescura agitada de uma enorme queda de água.
De olhos bem abertos, sonhamos a primavera perfeita; encostamos o nosso cansaço a uma árvore em flor, e deixamo-nos embalar pelo esvoaçar apressado de um bando de pássaros coloridos. Repousamos a nossa mente num ribeiro saltitante, percorremos sem pressa o caminho verde e viçoso, ou tocamos a frescura de uma folha orvalhada. Rebolamos na relva fresca.
Rasgamos caminhos; serpenteamos a nossa solidão por estradas de paisagens nunca vistas, sempre ao som de uma música calma. Sem esforço, subimos ao topo do mundo e deixamo-nos afagar pela neve branca e calma; na ravina abrimos as asas sem medo, e em completa liberdade olhamos lá de cima a grandiosidade e perfeição da vida. Voamos! Percorremos sem pressas a imensidão mais rica e inebriante, ou percebemos o sentido da vida no reflexo silencioso de um lago de águas límpidas.
Sem dar por isso, viajamos até à ilha mais exótica; perdidos na plenitude de um universo quente de gentes afáveis e cores garridas, bamboleamo-nos irremediavelmente ao som contagiante de uma salsa. Se cansados, recostamo-nos na sombra de uma palmeira e esquecemo-nos numa visão azul de ondas mansas e águas transparentes; refrescamos os pés num passeio à beira mar, ou recordamos talvez um qualquer fim de tarde no reflexo vermelho de um pôr-do-sol vibrante.
Somos até capazes de nos perder num horizonte sem fim. Olhamos o céu, elegemos uma estrela e definimos o nosso destino. Sem dar por isso, estamos num mundo de explosões de brilho e cor, auroras boreais, nébulas, constelações ao alcance da nossa mão, planetas de cores estranhas ou a ser recebidos por seres completamente diferentes…
Na imaginação uma vontade de mudar, de não repetir, de viver uma outra vida, de vestir uma outra pele! Há quem lhes chame sonhos, há quem lhes chame desvios, há quem lhes chame evasões, há quem lhes chame loucuras; eu chamo-lhes muito simplesmente os grandes momentos de glória…

Publicado por Mulher em 04:45 PM | Comentários (4) | TrackBack

dezembro 17, 2004

Pensamento

Publicado por Mulher em 02:55 PM | Comentários (4) | TrackBack

dezembro 16, 2004

Metade ideal

Amei-te porque em ti, minha impetuosidade encontrou refreio
Porque tua doçura retemperou a intrepidez dos meus anseios
E tua serenidade mesclou de paz meu turbilhão.
Aprendi contigo que o silêncio, as vezes é de ouro
Na tua quietude descobri mais um tesouro
E na tua disciplina, a sábia voz de um pai ou um irmão.
Amei o encanto da tua fala, a magia do teu sorriso
Amei o teu retrato, a tua prudência e até a tua timidez
Amei o teu jeito único
E mil vezes eu te amaria outra vez.
Humana, também amei o invólucro que aninha teu ser
E assim, amei teu corpo, teus olhos, teu cheiro
Amei em ti o que não morre, e o que em ti, há-de perecer.
Já não questiono se tua ausência é um bem ou um mal
Apenas submeto-me passiva, ao traçado do meu destino
Que aparta-me de ti e me priva da minha METADE IDEAL.

(Fátima Irene Pinto)

É por todos estes motivos e mais alguns... que eu gosto de ti.
Beijo grande "meu" Leão

Publicado por Mulher em 11:00 PM | Comentários (3) | TrackBack

Você é Alegria

Você que foi alegria, quando em minha vida só tristeza sentia.
Você que me encantava, quando de tudo falava...
Você, que com seus belos sonhos, me fazia sonhar junto, 
pensando que poderia construir um novo futuro.
Me fazia voltar a ser criança!
Me fez voltar a adolescência... sonhava e agia como se ainda fosse. 
Aos poucos você  foi  conquistando meu coração, devagarzinho,
foi tomando conta do meu pensamento, da minha 
vida... e eu adorava isso...
Você querido, que pra mim será sempre meu meninão brincalhão, 
principalmente quando o assunto for vida!
Aprendi com você que viver é lindo!
Você querido vive como se o amanhã não existisse, 
e me fez viver assim também... que delícia!!!
Você!!! Todo carinhoso... fez despertar em mim desejos tão 
escondidos... conseguiu devolver a essência da minha vida, 
quando a coragem eu havia perdido.
Você amor que sempre me encanta com esse seu jeitinho 
de ser desde a primeira vez que nos encontramos.
Você, pessoa real, num mundo irreal, como 
poucas encontrei em minha vida!

Petit Jolie

Para ti...

Publicado por Mulher em 10:30 AM | Comentários (3) | TrackBack

UMA VEZ PERGUNTARAM A UM BUDA:

"O que mais o surpreende na humanidade?"
E ele respondeu:
Os homens que perdem a saúde para juntar dinheiro e depois perdem o dinheiro para recuperar a saúde. Por pensarem ansiosamente no futuro, esquecem o presente, de tal forma que acabam por nem viver no presente nem no futuro.
Vivem como se nunca fossem morrer e morrem como se nunca tivessem vivido . . ."

Publicado por Mulher em 09:56 AM | Comentários (1) | TrackBack

IF I KNEW

If I knew it would be the last time
That I'd see you fall asleep,
I would tuck you in more tightly
and pray the Lord, your soul to keep.

If I knew it would be the last time
that I see you walk out the door,
I would give you a hug and kiss
and call you back for one more.

If I knew it would be the last time
I'd hear your voice lifted up in praise,
I would video tape each action and word,
so I could play them back day after day.

If I knew it would be the last time,
I could spare an extra minute
to stop and say "I love you,"
instead of assuming you would KNOW I do.

If I knew it would be the last time
I would be there to share your day,
Well I'm sure you'll have so many more,
so I can let just this one slip away.

For surely there's always tomorrow
to make up for an oversight,
and we always get a second chance
to make everything just right.

There will always be another day
to say "I love you,"
And certainly there's another chance
to say our "Anything I can do?"

But just in case I might be wrong,
and today is all I get,
I'd like to say how much I love you
and I hope we never forget.

Tomorrow is not promised to anyone,
young or old alike,
And today may be the last chance
you get to hold your loved one tight.

So if you're waiting for tomorrow,
why not do it today?
For if tomorrow never comes,
you'll surely regret the day,

That you didn't take that extra time
for a smile, a hug, or a kiss
and you were too busy to grant someone,
what turned out to be their one last wish.

So hold your loved ones close today,
and whisper in their ear,
Tell them how much you love them
and that you'll always hold them dear

Take time to say "I'm sorry,"
"Please forgive me," "Thank you," or "It's okay."
And if tomorrow never comes,
you'll have no regrets about today.

Publicado por Mulher em 09:55 AM | Comentários (5) | TrackBack

dezembro 15, 2004

Safa!

Um tipo chega a casa e apanha a mulher na cama com outro.
Aponta-lhe uma arma e leva-o para a garagem.
Na bancada de ferramentas prende-lhe o sexo no torno e aperta até o homem
não a poder tirar, e deita a manivela do torno fora.
Pega num serrote e mete-o mas mãos do homem.
Este assustado pergunta:
- Pra que é que eu quero o serrote?
O homem responde:
- Tu é que sabes... eu cá vou pegar fogo à garagem!

Publicado por Mulher em 05:36 PM | Comentários (6) | TrackBack

MEU NOME É MULHER

No princípio eu era a Eva
Nascida para a felicidade de Adão
E meu paraíso tornou-se trevas
Porque ousei libertação.

Mais tarde fui Maria
Meu pecado redimiria
Dando à luz Aquele que traria a Salvação
Mas isso não bastaria
Para eu encontrar perdão.

Passei a ser Amélia
A mulher de verdade
Para a sociedade
Não tinha a menor vaidade
Mas sonhava com a igualdade.

Muito tempo depois decidi:
Não dá mais!
Quero minha dignidade
Tenho meus ideais!

Hoje não sou só esposa ou filha
Sou pai, mãe, arrimo de família
Sou caminhoneira, taxista, piloto de avião
Policial feminina, operária em construção.

Ao mundo peço licença
Para atuar onde quiser
Meu sobrenome é Competência
O meu nome é Mulher!!!!

(Autor Desconhecido mas, certamente, um sábio)

Publicado por Mulher em 12:53 PM | Comentários (2) | TrackBack

Beijo

Beijo é carimbo
é selo na alma,
que prende e liberta
que agita e acalma,
que o corpo desperta,
pra louca viagem.
Sem passaporte!
É corpo em transporte,
é sonho , é miragem...
Sentidos em alerta !!!
Paladar, olfato, tato,
aperitivo do ato,
incêndio de fato ...
Entrega total.
Sanidade louca,
remédio na boca...
Dosagem fatal!
Entrega gostosa
fonte milagrosa,
salivas trocando
inesgotável tesão.
É paixão !
Eterno ritual !
É o infinito
chegando.
É princípio,
é o final !!!!

M.Fasciotti 99

Publicado por Mulher em 12:50 PM | Comentários (1) | TrackBack

dezembro 14, 2004

"Malandra, quem me dera ser como tu!!!"

Resolvi "roubar" este texto para memória futura...esta "declaração de amor" merece ser recordada!! Mai nada!!

"Malandra, quem me dera ser como tu!!!"
- Ora foda-se, gajas, não queiram trocar o vosso inferno pelo meu!
Ah pois, não vejam só os copos que bebo, olhem só os trambulhões que eu dou, ah pois é!!!
“Malandra, se eu fosse como tu! Eu só queria ser como tu!!!”
- Uiui, isto não é para quem quer, pá, é para quem pode, mai nada!!!
“Ai se eu conseguisse ser como tu!!!”
- O caralho, vos digo, isto não são só rosas, “cadê” o resto???
“Mas eu quero!!!”
- Uma merda, sabem lá o que querem!!!
“Eu admiro-te!!!”
- Ai, ka lindo, pois!!! Queres “comprar” os meus “reinos” d’ansiedade???

Bom, agora falo eu de vós, minhas “princesas”!!!
- A “minha” Isa, tão doce, tão romântica, tão apaixonada, tão simples, tão fácil de contentar, aguenta o “mundo” nos seus frágeis braços, ...se aguenta!
- A “minha” Mi, de “Miragem”! Ela própria sabe que “é” uma Miragem, “ganda” capacidade de encaixe, FODA-SE, gaja!!! Ela é a “minha” poetisa eleita, tão “espertinha”, no seu olhar “vago”, vê tudo, sente tudo, intensamente, na sua aparente indiferença! Huumm, gosto MUITO dela!!!
-A “minha” Shana, inteligente, louca de paixão, e ...de tesão, ela é o “meu” raciocínio rápido e também é a “minha” tesão primária! Esta gaja, é FOGO, foda-se!!! O seu olhar "febril" e a sua alma inquieta, são um orgasmo, para mim! Espectáculo!!!
-A “minha” Rute, a “minha” alma simples, insatisfeita e ao mesmo tempo resignada! Sem saber, é um “meu” pequeno equilíbrio, às vezes, quando quero ser “certinha e direitinha”, lembro-me dela!!! Gosto!

E outras...!!!
Estas “gajas” dão-me tanto!!! Mas não sabem!!! Eu, neste meu “altar” d’orgulho, não me permite “confessar-me” muitas vezes, mas estou cá, e estou atenta!!!
Que balda, gajas!!! Aproveitem que eu estou calma!!! lolol

[Foi uma cópia parcial, façam o favor de ir ler o resto...e muito, muito mais! Surpreendam-se em: http://malandra.weblog.com.pt/ e já agora visitem tb http://a-essencia.blogspot.com/ que foi onde fui roubar pela segunda vez este texto :p às "minhas" duas Anas as minhas desculpas pela gracinha, mas, sempre ouvi dizer: ladrão k rouba a ladrão tem cem anos de perdão :-D]

Publicado por Mulher em 06:10 PM | Comentários (7) | TrackBack

Which Sex and the City Vixen Are You Most Like?

You Are Most Like Charlotte!

You are the ultimate romantic idealist
You've been hurt before, but that hasn't caused you to give up on love.
If anything, your resolve to fall in love is stronger than ever.
And it's this feminine optimism that men find most appealing about you.

Romantic prediction: That guy you are seeing (or crushing on)?
Could be very serious - if you play your cards right!

Which Sex and the City Vixen Are You Most Like? Take This Quiz Right Now!

Find the Love of Your Life (and More Love Quizzes) at Your New Romance.
Publicado por Mulher em 01:20 PM | Comentários (1) | TrackBack

A todos um Feliz Natal

"A Família" - escultura de Soares Branco

Publicado por Mulher em 12:31 PM | Comentários (1) | TrackBack

Basta sonhar...

Nada poderá ser esquecido...
Nem o meu amor... nem o seu rancor...
E, antagonicamente, sofremos, 
de formas diferentes...
provenientes... das identidades de motivos.

Tudo está latente... vinculado,
num passado que alfineta o momento.
Pois ainda está presente. Não passou.
Vive na memória... na exatidão... na dor.

A irreflexão desbota o discernimento...
e, pode até dissolver as agruras de um sonho,
mas, nunca poderá convencer,
que o ontem foi um engano...
e que o amanhã nos encontrará.

Esvaíram-se as esperanças!
A felicidade não mais será permitida.
Ousei sonhar o que fosse necessário,
para ver o mundo mais de perto...
antes que todos os sonhos partissem.

Por isso, agora em versos, registro:
“ainda vou voltar a ser feliz”...
Pois meus poemas não são mudos...
e neles, posso até fabricar sonhos...
com os retalhos que ainda restaram
dos moldes da minha imaginação.

Aprendi que nos sonhos tudo acontece.
Até a vida permanece!

Jô Sombra

Publicado por Mulher em 11:15 AM | Comentários (1) | TrackBack

dezembro 13, 2004

Talvez

Talvez tenhamos de encontrar várias pessoas antes de encontrarmos a alma gêmea. E quando isso acontece, o nosso coração transborda de alegria e de reconhecimento.
Quando a porta da felicidade se fecha, abre-se uma outra, mas, muitas vezes,
estamos de tal maneira hipnotizados pela porta fechada que nem sequer vimos
aquela que acabou de se abrir para nós.
Se conseguir sentar-se com um amigo sob um alpendre, em silêncio, e a seguir
voltar a pensar nesse momento como se fosse a melhor conversa que teve, então encontrou um amigo verdadeiro.
É verdade que não apreciamos o que temos no seu justo valor até ao momento
em que nos é retirado. Mas também é verdade que não sabemos o que nos
faltou... Até o possuirmos!
Quando oferece todo o seu amor nunca tem a certeza de que os outros,  por
sua vez, o amarão. Nunca antecipe encontrar-nos outros um amor comparável ao seu.
Deixe simplesmente crescer o amor nos seus corações, e se isso não
acontecer, alegre-se de o sentir crescer dentro de si.
Pense nisto: há outros que o amam, e muito mais do que aquilo que pensa.
Ser atraído pelo outro mal leva um minuto, apreciá-lo leva uma hora, e
amá-lo pode levar um dia... Mas é necessária uma vida inteira para esquecê-lo.
Não procure a aparência, porque é muitas vezes enganadora.
Não procure a fortuna, porque acaba por perder a sua importância.
Procure antes aquele ou aquela que o faz sorrir, porque basta um sorriso para iluminar um dia.
Encontre aquele ou aquela que faz sorrir o seu coração.

Há momentos na vida em que aquele que amamos nos faz tanta falta que gostaríamos de o fazer sair dos nossos sonhos e beijá-lo realmente!
Sonhe o que deseja sonhar, vá onde quiser, seja o que deseja ser... 
Talvez só tenha esta vida para fazer tudo o que tem vontade de fazer...  
Agarre a sua oportunidade!
Que consiga ter venturas suficientes para torná-lo terno, experiências
suficientes para torná-lo forte, pesares suficientes para torná-lo  mais humano, esperanças suficientes para torná-lo mais feliz.
Não se esqueça de se colocar no lugar do outro. Assim, se o que se passa o
magoa, o mesmo se passa, sem dúvida, para o outro.
As pessoas mais felizes não são aquelas que têm o melhor de tudo, são aquelas que tiram o melhor daquilo que lhes é dado.
A verdadeira felicidade existe para aqueles que sabem chorar, sofrer, para
aqueles que procuraram e aqueles que tentaram e voltaram a tentar porque só eles podem apreciar a importância dos aliados, dos amigos, dos amores que passaram pela sua vida.
O amor começa com um sorriso, cresce com um beijo e acaba com uma lágrima.
O futuro mais brilhante vai sempre ao lado de um passado aceite e esquecido, porque não pode sentir-se bem na vida enquanto continuar embaraçado pelos seus fracassos passados e os seus pesares.
Quando nasceu, chorava, e todos à sua volta sorriam. Viva a sua vida de tal
forma que, quando morrer, seja aquele que sorri e que à sua volta todos chorem.

Publicado por Mulher em 10:17 AM | Comentários (1) | TrackBack

Eu Queria...

Eu queria poder te chamar, por onde tu estás?
Eu não aguento de tanto esperar
você passar por mim
e não me levar

O seu jeito, um pouquinho singelo,
eu já não aguento mais
Eu queria poder roubar teu beijo
ter teu olho no absurdo
saber teus mistérios
o teu obscuro
onde encontras paz

Um minuto só contigo
eu aprendo tudo
e não te deixo mais

Pode deixar meu corpo guiar as emoções
o que eu não faço de louco contigo?
Até sem pensar

Qual é o teu mundo?
O que queres de mim?
Me beije,
me rompa,
devore tudo,
mas me faça feliz....

(Cristina Galli)

Publicado por Mulher em 10:10 AM | Comentários (2) | TrackBack

dezembro 12, 2004

Pensamento

Publicado por Mulher em 04:15 PM | Comentários (1) | TrackBack

Sonho Contigo

Vejo-te
num passeio sujo
duma rua escura.

Toco-te
beleza fria
sorriso fechado.

Tento quebrar o gelo
cabelos perdidos no vento
sem esperança...

Na terrível órbita
dum tempo...sem tempo.

autor desconhecido

Publicado por Mulher em 04:10 PM | Comentários (2) | TrackBack

dezembro 11, 2004

Fui

Publicado por Mulher em 01:52 PM | Comentários (2) | TrackBack

Para ti, Leão

Publicado por Mulher em 01:04 PM | Comentários (3) | TrackBack

dezembro 10, 2004

A Revolta da Galinha

Deus criou o mundo em 7 dias. No sétimo dedicou-se a ouvir as reclamações.
A primeira a apresentar protestos foi a girafa:
- Porra, Deus! (a girafa, além de feia, sempre foi desbocada). Que
porcaria é esta? Este meu pescoço enorme é ridículo!
- Calma dona Girafa! Tudo foi muito bem pensado. Com esse pescoço comprido, além de a senhora poder comer as folhas mais tenras, do alto das árvores, vai poder perceber a aproximação do inimigo antes dos outros animais e assim se defender.
A girafa ouviu as explicações e ficou convencida de que Deus, afinal,
tivera uma boa ideia.
Logo depois entrou o elefante, injuriado:
- Que raios, Deus! (o elefante também era desbocado).
Eu sou enorme de gordo e tenho esta tromba toda na minha cara. Isto é sacanagem!
Deus, pacientemente, explicou:
- Com esse tamanho todo, nem o Leão, que é o rei da selva, terá coragem de te enfrentar e, além do mais, graças a essa tromba, você é o único animal que pode tomar banho de chuveiro...
O elefante ponderou e chegou à conclusão que Deus tinha razão.
O terceiro bicho da fila era a galinha, que já entrou metendo o pé na
porta:
-Não quero saber de explicações! Ou diminui o tamanho do ovo ou aumenta o tamanho do cú !

Publicado por Mulher em 11:05 PM | Comentários (3) | TrackBack

Lágrimas ocultas

Se me ponho a cismar em outras eras
Em que ri e cantei, em que era querida,
Parece-me que foi noutras esferas,
Parece-me que foi numa outra vida...

E a minha triste boca dolorida,
Que dantes tinha o rir das primaveras,
Esbate as linhas graves e severas
E cai num abandono de esquecida!

E fico, pensativa, olhando o vago...
Toma a brandura plácida dum lago
O meu rosto de monja de marfim...

E as lágrimas que choro, branca e calma,
Ninguém as vê brotar dentro da alma!
Ninguém as vê cair dentro de mim!

Florbela Espanca

Publicado por Mulher em 04:24 PM | Comentários (5) | TrackBack

dezembro 09, 2004

10 Homens e 1 Mulher

Onze pessoas estavam penduradas em uma corda num helicóptero. Eram dez homens e uma mulher. Como a corda não era forte o suficiente para segurar
todos, decidiram que um deles teria que se soltar da corda.
Eles não conseguiram decidir quem, até que, finalmente, a mulher disse que se soltaria da corda pois as mulheres estão acostumadas a largar tudo pelos seus filhos e marido, dando tudo aos homens e recebendo nada de volta e que os homens, como a criação primeira de Deus, mereceriam sobreviver, pois eram também mais fortes, mais sábios e capazes de grandes façanhas...
Quando ela terminou de falar, todos os homens começaram a bater
palmas.......

Nunca subestime o poder e a inteligência de uma mulher...
eheheheheh!!!!!!

Publicado por Mulher em 04:17 PM | Comentários (9) | TrackBack

dezembro 08, 2004

Amanhã pode ser tarde demais

Era uma vez.... um rapaz que nasceu com uma doença incurável.Tinha 17 anos e podia morrer a qualquer altura. Vivia em casa da sua mãe que cuidava dele. Era dificil, e ele decidiu sair nem que fosse uma única vez. Pediu autorização à sua mãe que lha deu. Caminhando no seu bairro ele viu muitas lojas. Passando a frente duma loja de música e olhando para a montra ele reparou numa rapariga muito meiga da sua idade. Foi amor à primeira vista.
Ele abriu a porta e entrou com os olhos fixados nela. Aproximando-se pouco a pouco, chegou ao balcão onde ela se encontrava. Ela olhou para ele e perguntou:" Posso ajudar-te?" Ele pensou que era o sorriso mais bonito que alguma vez vira na sua vida. Sentiu o desejo de a beijar nesse mesmo instante. Disse gaguejando : "sim...ehhh....quero comprar um CD".Sem pensar pegou no primeiro CD que viu e Deu-lhe o dinheiro. "Queres que o embrulhe?" perguntou a rapariga sorrindo. Ele respondeu que sim, acenando com a cabeça e ela foi para as traseiras da loja, voltando com o Cd embrulhado.
Ele pegou no CD e saíu da loja. Voltou para casa,desde então que todos os dias, ele voltou á loja para comprar um CD. Ela embrulhava-os e ele levava-os para casa para os arrumar no seu armario.Ele era timido demais para convida-la para sair e mesmo se tentasse não conseguia. A sua mãe sabendo do que se passava tentou dar coragem ao seu filho para que ele se aventure, e sendo assim no dia seguinte ele encheu-se de coragem e foi até á loja. Comotodos os outros dias, ele comprou um CD,ela foi até as traseiras da loja para embrulhar o CD e enquanto ela o fazia, ele deixou rapidamente o seu numero de telefone no balcão.

 "Rinnngggggggg!!!!!" A mãe atendeu."Estou?" Era a rapariga que queria falar com o seu filho. A mãe inconsolável, começou a chorar enquanto dizia: "Não soubeste? Ele morreu ontem..." A moça ficou silenciosa,apenas se ouvia o choro da mãe. Mais tarde a mãe entrou no quarto do seu filho para se lembrar dele.Começou por abrir o armario para poder olhar para as suas roupas. Ficou muito surpreendida ao encontrar uma montanha de Cd's todos embrulhados. Nenhum estava aberto. Ficou curiosa com tanto Cd decidiu pegar num e abri-lo. Ao faze-lo reparou num pedaço de papel que caíu da caixa de plástico onde viu escrito:
"Olá! Acho-te muito querido! Queres sair comigo? Ass:Sofia".
Emocionada, a mãe abriu mais CD's e dentro de muitos deles encontravam-se muitos papeis dizendo o mesmo. Moral da historia:
Assim é a vida, não esperes demasiado para dizer a alguém especial o que sentes, di-lo hoje. Amanhã pode ser tarde demais. Esta mensagem foi escrita para que as pessoas reflictam, e assim mudar o mundo pouco a pouco. Dá um beijo a alguém que ames e será mágico! Com amor tudo é possível!!

Publicado por Mulher em 09:16 PM | Comentários (3) | TrackBack

dezembro 07, 2004

Pensamento do dia

Publicado por Mulher em 06:14 PM | Comentários (5) | TrackBack

dezembro 06, 2004

Sensualidade

Publicado por Mulher em 11:27 PM | Comentários (0) | TrackBack

Fita de medir pau

Vá lá, toca a desbroncar... ;) ehehehehe!

Publicado por Mulher em 11:21 PM | Comentários (7) | TrackBack

dezembro 05, 2004

Encontrei o Nemo

eheheheh!!!!!

Publicado por Mulher em 04:25 PM | Comentários (9) | TrackBack

dezembro 04, 2004

Parabéns Malandra

Desejo-te um dia maravilhoso cheio de coisas boas e as maiores felicidades. Beijo

Publicado por Mulher em 12:00 AM | Comentários (3) | TrackBack

dezembro 03, 2004

Anjinhos e Árvores de Natal

Sabem porque é que as árvores de Natal têm um anjinho em cima?
É uma longa historia ...
Na véspera de um destes Natais, o Pai Natal estava muito aflito porque ainda não tinha embrulhado as prendas todas, tinha uma rena coxa e outra constipada.
Desesperado foi beber um copo, chega à adega e não havia nada.
Voltou à cozinha para comer alguma coisa e os ratos tinham comido tudo.
Para alegrar-lhe a vida, a mulher avisou-o que a sogra ia passar o Natal com eles.
No meio do desespero, tocam-lhe à porta.
Com a pressa de abrir a porta, tropeça e amassa a cara toda, começando a sangrar.
Abre a porta neste lindo estado e aparece-lhe um anjinho dizendo com uma voz angelical:
- Olá Pai Natal! Boas Festas! Venho visitar-te nesta quadra tão feliz, cheia de paz e amor. Trago-te aqui esta árvore de natal. Onde é que queres que a meta?

Publicado por Mulher em 01:00 PM | Comentários (2) | TrackBack

What Kind of Girl Are You?

You Are the Girl Next Door!

You're caring, warm, and the girl that nice guys want to marry. Uncomplicated and simple, you've got an easy going attitude guys love. But this doesn't mean you're dull - far from it! You're a great conversationalist, and you're an expert at living the good life.

What Kind of Girl Are You? Take This Quiz :-)

Find the Love of Your Life (and More Love Quizzes) at Your New Romance.
Publicado por Mulher em 11:27 AM | Comentários (3) | TrackBack

Procuro Palavras

Procuro palavras,
esquecidas do meu vocabulário
que façam justiça da beleza
que de ti irradiou em meus olhos,
fazendo-me sentir a tontura
dos adolescentes apaixonados.

Escrevo-te
carregada de timidez
no receio de perder
um sorriso dos teus lábios
que me alegra o coração

No medo de não mais te ver e ouvir,
no murchar do encanto que floresce.

No apagar da luz
em que iluminei
(mesmo que num só momento de ilusão)
esta escura rotina em que me afogo.

Encontro...
Palavras esquecidas
na gaveta entreaberta,
onde espreito a felicidade.

Autor desconhecido

Publicado por Mulher em 11:00 AM | Comentários (1) | TrackBack

dezembro 02, 2004

O ELEFANTE ACORRENTADO

Você já observou o elefante no circo ?
Durante o espetáculo, o enorme animal faz demonstrações de força descomunais. Mas, antes de entrar em cena, permanece preso, quieto, contido somente por uma corrente que aprisiona uma de suas patas a uma pequena estaca cravada no solo. A estaca é só um pequeno pedaço de madeira. E, ainda que a corrente fosse grossa, parece óbvio que ele, capaz de derrubar uma árvore com sua própria força, poderia, com facilidade, arrancá-la do solo e fugir.
Que mistério!
Por que o elefante não foge ?

Há alguns anos descobri que, por sorte minha, alguém havia sido bastante sábio para encontrar a resposta: o elefante do circo não escapa porque foi preso à estaca ainda muito pequeno. Fechei os olhos e imaginei o pequeno recém-nascido preso: naquele momento, o elefantinho puxou, forçou, tentando se soltar. E, apesar de todo o esforço, não pôde sair. A estaca era muito pesada para ele. E o elefantinho tentava, tentava e nada. Até que um dia, cansado, aceitou o seu destino: ficar amarrado na estaca, balançando o corpo de lá para cá, eternamente, esperando a hora de entrar no espetáculo.
Então, aquele elefante enorme não se solta porque acredita que não pode. Para que ele consiga quebrar os grilhões é necessário que ocorra algo fora do comum, como um incêndio por exemplo. O medo do fogo faria com que o elefante em desespero quebrasse a corrente e fugisse.
Isso muitas vezes acontece conosco! Vivemos acreditando em um montão de coisas "que não podemos ter", "que não podemos ser", "que não vamos conseguir", simplesmente porque, quando éramos crianças e inexperientes, algo não deu certo ou ouvimos tantos "nãos" que "a corrente da estaca" ficou gravada na nossa memória com tanta força que perdemos a criatividade e aceitamos o "sempre foi assim".
Poderia dizer que o fogo para nós seria: a perda de um emprego, doença de alguém próximo sem que tivessemos dinheiro para fazer o tratamento, ou seja, algo muito grave que nos fizesse sair da zona de conforto.
A única maneira de tentar de novo é não ter medo de enfrentar as barreiras, colocar muita coragem no coração e não ter receio de arrebentar as correntes! Não espere que o seu "circo" pegue fogo para começar a se movimentar.
Vá em frente!

Publicado por Mulher em 11:00 AM | Comentários (2) | TrackBack

dezembro 01, 2004

Pense nisso

Você pode não se dar conta, mas é 100% verdade.

Há pelo menos duas pessoas nesse mundo por quem você morreria.
Pelo menos 15 pessoas nesse mundo amam você de algum jeito.
A única razão pela qual alguém lhe odiaria é porque ela quer ser exatamente igual a você.
Um sorriso seu pode trazer alegria a qualquer um, mesmo se esse alguém não gostar de você.
Toda noite, ALGUÉM pensa em você antes de dormir.
Você é o mundo para alguém.
Você é especial e único.
Alguém que você nem sabe que existe ama você.
Quando você comete o pior erro que pode existir, você sempre aprende algo de bom.
Quando você pensa que o mundo virou as costas a você, olhe melhor.
Sempre se lembre dos elogios que recebe. Esqueça-se dos comentários ruins.

"AMIGOS SÃO ANJOS QUE NOS LEVANTAM QUANDO NOSSAS
ASAS ESTÃO MACHUCADAS."

Publicado por Mulher em 03:35 PM | Comentários (3) | TrackBack