« OS TEXTOS DO LUÍS (REESCRITO) | Entrada | AS CARRAÇAS »

outubro 21, 2005

O OUTRO TEXTO DO LUÍS

Espero que quem me lê seja suficientemente maduro para não ir em jogadas de vitimização. Eu não tive nenhum problema com os textos anteriores. Achei graça aos "Soarettes" - era o Luís no seu melhor. Concordei, inclusive, com o texto do "Lello e os parasitas", e tive ocasião de o manifestar nos comentários. Não me revi no "Não o escondam, não..." por ele revelar simplesmente uma embirração pessoal do Luís, quiçá mesmo uma raiva ou um ódio. E nada mais do que isso. Mas, enfim, esses sentimentos ficam com quem os manifesta.
Aproveito para esclarecer que nunca me revejo em textos cujo único fito seja o achincalhamento. É possível que ao manifestar esta minha posição agora eu esteja a ser parcial, pois já houve outras ocasiões em que se assistiu ao achincalhamento de outras pessoas (nomeadamente de Pedro Santana Lopes). Embora ache que, independentemente das respectivas ideologias, há uma diferença abissal, enquanto políticos e estadistas, entre Mário Soares e Pedro Santana Lopes, nunca apreciei que se achincalhasse ninguém. Tive ocasião de o manifestar diversas vezes nas caixas de comentários. Da mesma forma, nunca aceitei que as mesmas caixas de comentários servissem de veículo de propagação dos boatos mais mesquinhos. Foi por estas razões - pelo achincalhamento, pela ofensa, pelo boato - que sempre fomos (aqui falo no plural) apagando os comentários que sistematicamente os continham, nomeadamente os da RIAPA.
Dito tudo isto, reafirmo que o único texto que efectivamente constitui para mim um problema é o que eu linkei - "A PRIMEIRA QUINTA-FEIRA COM SOARES EM BELÉM". Nenhum dos outros. E, coerentemente, reafirmo o que escrevi acerca deste texto: não é para isto que eu ando todos os dias a apagar comentários da RIAPA. É tudo o que tenho a dizer.

Publicado por Filipe Moura às outubro 21, 2005 02:19 PM

Comentários

Olha: vais mesmo ter um problema sério comigo é se não tratas de retirar imediatamente o texto que eu escrevi do teu post.
Ficas avisado.

Publicado por: Luis Rainha em outubro 21, 2005 03:29 PM

Pois e, Luis, mas entao nao venhas dizer que foi pelo meu post que tu o retiraste. Este texto, que neste momento esta aqui em cima, em particular. Vamos la a ser homenzinhos.
Os teus textos desaparecem dentro de momentos.

Publicado por: Filipe Moura em outubro 21, 2005 03:40 PM

"não é para isto que eu ando todos os dias a apagar comentários da RIAPA. É tudo o que tenho a dizer."

Antes de ver este post ia mandar-te um mail a aconselhar-te a pedir desculpas ao Luis. Coisa que custa pouco quando facilmente se verifica que não temos razão e que dissémos as coisas de cabeça quente. Lido este post não há mesmo mais nada a dizer, Filipe.

Publicado por: Monty em outubro 21, 2005 03:48 PM

Nao tenho grandes memorias dos acontecimentos passados netse blogue há uns meses mas palpita-me que já vi este filme.

Publicado por: hDn em outubro 21, 2005 03:53 PM

Filipe:

O texto do Luís Rainha é um exercício de achincalhamento ou de humor? Repara que te estou a fazer a pergunta mas o mais provável é que vote no mesmo candidato que tu, mais ainda se há coisa de que estou certo é que não vou votar no mesmo candidato que o Luís Rainha (pelo menos na primeira volta).

Publicado por: tagarela em outubro 21, 2005 04:34 PM

Gostava apenas de comentar a jogada do Luis Rainha em vitimizar a serie comlpeta de textos quando na verdade se tratava de apenas um. Os outros nao tinham qualidade (no mau sentido) para se misturarem com a rabula de que se estava a falar.

Ao apagar os textos:

1 - vitimizou-se

2 - atacou a critica (ou ate mesmo o critico) que lhe tinha sido dirigida, pois implica que o "embirranco" tinha motivacao politica. "O Filipe apoia o Mario, por isso e que mandou a boca".

E isso nao me parece nada honesto. Realmente o nivel do texto estava a leguas do que normalmente se faz por aqui. E se alguem abre a boca sobre isso, ha que ser bom desportista.

Publicado por: Andrew em outubro 21, 2005 06:11 PM

sim o texto estava a léguas do que normalmente se faz por aqui. aliás estava muito mais próximo do nível que ja se fez por aqui, por exemplo aqui: http://bde.weblog.com.pt/arquivo/010537.html

Aliás, tal como a prestação do Luis Rainha dos últimos dias também tem estado mais perto do que ele já nos tinha acostumado (velhos tempos) e que o Filipe fez novamente o favor de estragar. Obrigado Filipe.

Publicado por: aguilar em outubro 21, 2005 09:05 PM

ah, e vejam a recepção que o post acima linkado teve: nem mesmo a Quitéria conseguiu jamais acumular tão eloquentes rejeições de uma só vez.

Publicado por: aguilar em outubro 21, 2005 09:12 PM

«Inclusive» não leva assento, fum fum perdão acento.

Publicado por: manuel resende em outubro 22, 2005 01:43 AM

Como dizia um humorista brasileiro que agora me escapa o nome, "A Esquerda só se une quando está na cadeia". Deixem-se de criancices.

Publicado por: JB em outubro 22, 2005 01:20 PM