« A FRAGATA NO VÃO DE ESCADA | Entrada | O PRESIDENTE MÁRIO SOARES »

agosto 31, 2005

A MONA DE CARMONA

carmona.bmp

Depois de dar sangue, o candidato do PSD à principal autarquia do País promete dar a cara por Lisboa, naquela que é provavelmente a mais arrojada campanha eleitoral de sempre. Ou seja, quebrando todos os princípios do marketing político e da estética, Carmona Rodrigues, em vez de atrair os votantes (coisa fácil e banal), prefere assustá-los.
É de homem.

Publicado por José Mário Silva às agosto 31, 2005 02:29 PM

Comentários


Todavia, a sua campanha tem um lindíssimo cartaz - o que mostra uma Lisboa "para todos", com cidadãos de várias proveniências étnicas e culturais ao lado do candidato. Ninguém, antes dele, parece ter tido a coragem de fazer algo do género. Faço-lhe aqui uma pequena vénia, só por isso.

Publicado por: Pedro Jorge em agosto 31, 2005 03:25 PM

Não, ZM. Ele quer "dar a cara" a ver se depois pode arranjar outra.

Publicado por: LR em agosto 31, 2005 03:42 PM

Sempre são melhores que o cartaz do "Skip" !!

Publicado por: Mr X em agosto 31, 2005 04:45 PM

Eh! Realmente estes políticos são uns feios do caraças! Será que há um fio condutor entre fealdade e política?

Não incluindo a Joana Amaral Dias claro...

Publicado por: zangalamanga em agosto 31, 2005 05:16 PM

Jorge Sampaio, aquando da sua segunda candidatura à presidênçis da república, disse a mesma coisa e, os esquerdalhos foram todos a correr votar nele, sem sequer discutir ou perguntar, porquê?

Publicado por: José Tim em agosto 31, 2005 05:28 PM

Este comentário anterior, feito por um tal de TIM.
Que redutivismo, que passadismo essa de esquerdalhos.
Que cheiro a mofo, a ultra-nacionalismo barato, daquele de autocolismo.
Mas vindo de alguém com nome de distribuidora de sinal telefónico móvel, que mais se poderia esperar?

Publicado por: critico em agosto 31, 2005 05:46 PM

O mais interessante, caro Zé Mário, é que ele diz querer dar a cara por Lisboa... agora. Carmona parece nunca ter sido responsável por um desvario contínuo de 4 anos, nesta autarquia, escondendo na pré-campanha que esteve com Santana... E escondendo com esta mensagem que, afinal, antes, nunca deu a cara pela Lisboa que terá governado.

Publicado por: Marujo em setembro 1, 2005 01:18 AM

O caganço do "crítico", vê-se mesmo que é de um panasca de esquerda.

Publicado por: José Tim em setembro 1, 2005 12:36 PM

A dar a cara ou a mona?

Publicado por: Lobistico em setembro 1, 2005 11:51 PM