« O FIM DE UM PESADELO ESTÚPIDO | Entrada | TRÊS MESES »

maio 11, 2005

VARGEM FRESCA

O mesmo ex-ministro do Ambiente que andava a construir uma casa grande de mais na Arrábida (lembram-se?) e a apelar aos levantamentos populares em Coimbra, fechou os olhos ao abate de 2605 sobreiros numa herdade em Benavente, em benefício dos interesses imobiliários de um grupo privado e das manobras corruptas do ex-tesoureiro do seu partido (CDS/PP). É pelos menos isto que indicia a investigação em curso por parte do Ministério Público. A confirmar-se o que o DN hoje noticia, só podemos tirar uma conclusão: Nobre Guedes, se por um lado estava contra a co-incineração de resíduos perigosos, em nada se opunha à co-incineração dos princípios éticos básicos de quem se dispõe a servir o Estado (e não a servir-se dele).

Publicado por José Mário Silva às maio 11, 2005 10:35 AM

Comentários

Embora seja irrelevante este meu preciosismo geoestratégico, penso que o apelo ao levantamento popular foi feito em Coimbra, não em Santarém.

No fundo, estas ilegalidades que Nobre Guedes terá cometido são todas muito coerentes e politicamente intencionais, não nos esqueçamos que foi esse senhor que redigiu o programa político do PP no tempo do Monteiro, onde defendia a extinção (mais uma expressão do ambientalismo centrista) do Ministério do Ambiente, ora, todos os atropelos feitos à lei e ao meio-ambiente feitos enquanto ele foi ministro, tinham como objectivo a preparação da sua própria demissão e, consequentemente, a extinção do seu ministério. O homem planeou tudo, só não contou com a dissolução da AR em Dezembro, tirando isso, as contas até batiam certo e hoje ele estaria a demitir-se, amanhão ou na sexta Santana Lopes anunciaria o fim do Ministério do Ambiente.

Publicado por: MBP em maio 11, 2005 12:07 PM

Para o Zé Mário, bom, bom, era no tempo do Esatline. O homem vibra com a Internacional, mas tenta fazer-se passar por poeta com sentido do humano.

Publicado por: Miguel Noronha em maio 11, 2005 01:16 PM

Tens razão, MBP. Vou emendar.

Publicado por: José Mário Silva em maio 11, 2005 01:21 PM

Quem é o Esatline, Miguel Noronha? Não conheço. Mas se querias dizer Estaline, o déspota odioso que destruiu o que ainda havia de socialista no projecto soviético, podes ficar descansado que não o detestas mais do que eu.
Já agora, o facto de detestar Estaline e todos os déspotas da sua laia, não me impede (muito pelo contrário) de vibrar com a "Internacional".
Uma coisa não tem rigorosamente nada a ver com a outra, mas tu não percebes isso, pois não, Miguel?
Mais uma coisa: já reparaste que o teu comentário descabido, anacrónico e primário só serve para erguer uma desajeitada cortina de fumo para esconder a realidade que te incomoda?

Publicado por: José Mário Silva em maio 11, 2005 01:29 PM

Epá, ele queria mesmo dizer era «Esaltine», o tipo de Oeiras. Não era o tema do tópico corrupção e tráfico de influências....hummm?

Publicado por: Adaúfe em maio 11, 2005 02:21 PM

Adaúfe, essa fez-me rir às gargalhadas!!!! :-DDDD

Publicado por: João Almeida em maio 11, 2005 02:33 PM

Boas notícias. O choque que mais falta faz a Portugal é o da investigação policial. Só que o indício ainda não é a prova, a notícia não é a justiça.

O mais provável é não haver um único político no poder que resista ao tráfico de influências e quejandos. Ou deveremos chamar-lhe tráfego de influências?

Publicado por: Valupi em maio 11, 2005 05:15 PM

Valupi, esta é a prática corrente dos «Partidos de poder», PS, PSD e do PP. O relacionamento promiscuo entre o poder político e os grupos económicos penso que não é novidade para ninguém, aliás, as campanhas eleitorais faraónicas não são obra (?!!!) do «Espirito Santo».

Publicado por: Adaúfe em maio 11, 2005 06:07 PM

Adaúfe, dá que pensar. Se um Governo do Bloco de Esquerda (imaginemos o impossível) seria um exemplo de integridade. Há boas razões para acreditar que sim, pelo idealismo que adivinhamos nos protagonistas. E ainda melhores razões para esperarmos prevaricações, pelo que tem de irreparável a natureza humana.

O certo é que quando se conhece de perto as juventudes políticas do PS, PSD e CDS se lê exuberante nos rostos a segurança de se estar num aparelho, o qual cuida e vai promovendo carreiras num enlace melífluo entre empresariado e Estado. A corrupção, como escreveu um humorista, não passa de uma outra forma de distribuição da riqueza, afinal.

Publicado por: Valupi em maio 11, 2005 07:37 PM

Valupi,

Não desperdice piano de cauda com tocadores de pífaro de cena politico-pastoril. Começa pelo JMS a informar-nos sobre o Estaline e a esquecer que esse bigodes esteve em Ialta a combinar com Rusevelt e Xurxill(ambos brilhantes candelabros da machonaria) como é que se poderia organizar a divisão do Mundo depois da guerra, e mais uma guerra na Korea e mais outra no Vetnam (ganha pelos americanos, ao contrário do que a esquerda inocente acredita) de modo a que parecesse tudo natural e a criar na cabeça das pessoas que o objectivo do comunismo era por fim ao imperialismo maldito. Depois continua com outro rapazo menor a pensar no poder económico como influenciador da política tipo "como acontece em todo o lado". Isto enjoaria se não fizesse rir por ser tão velho e tão tristemente batido. Nada de novo na frente mais ocidental da Europa. Sinceramente, Valupi, não perca tempo.

Publicado por: Mr. Smith em maio 11, 2005 11:07 PM

Ai os americanos ganharam a guerra do Vietname? Essa é boa.

Publicado por: Jose Mário Silva em maio 12, 2005 01:05 AM

Mr. Smith, o seu íntimo convívio com a "pulpeuse" Madalena já começa a fazer das suas. No caso, das dela. Dia virá em que os aventais maçónicos despertarão menos interesse que um estendal de atoalhados na Brandoa.

Publicado por: Valupi em maio 12, 2005 02:11 PM

«...é preferivel um virtuoso tocador de pífaro a um mau executante em piano de cauda,..»

Camilo Castelo Branco

Presunção e água benta...

Publicado por: Adaúfe em maio 12, 2005 03:47 PM

Nao estao a desculpar o Nobre Guedes com a hipotetica corrupcao generalixada dos politicos, pois nao? Espero que nao!
Por uma razao:

Ainda que o Al Coelhone seja o animal mais corrupto da Criacao,
O lugar do Nobre Guedes continua a ser na prisao!

Publicado por: Filipe Castro em maio 13, 2005 01:17 AM