« ENERGIA E EQUIDADE - JÁ QUE A MADALENA INSISTE... | Entrada | DE QUEM ME SINTO MAIS LONGE (POLÍTICA E IDEOLOGICAMENTE) NA REPÚBLICA PORTUGUESA »

abril 27, 2005

CÍRCULOS

No poema do Leonard Cohen que o Pedro Mexia traduziu (como parte da sua campanha para ver o Nobel da Literatura entregue ao canadiano) há uma enumeração daquilo em que certos países são "melhores". Algumas das premissas afiguram-se bastante lógicas: por exemplo, o México tem as melhores águias, Israel a melhor auto-paródia e a Inglaterra a melhor Fleuma. Outras são surpreendentes: a Índia ser a pátria do melhor gelado, a Itália da melhor névoa ou, sobretudo, Marrocos dos melhores Judeus. Mas o que me intrigou mesmo foi a especialidade que Cohen supostamente encontrou em Portugal. Círculos. «Portugal tem os melhores Círculos».
Em que estaria o autor de «Songs of Love and Hate» a pensar? Nos compassos dos descobridores e nas rotas para Oriente? Na mania muito nossa de voltar sempre ao princípio das coisas e recomeçar tudo do zero? Nos discursos do Jorge Sampaio? Nas rotundas que os autarcas lusos plantaram a eito na paisagem?
Todas as exegeses deste verso misterioso do Leonard, especialmente as estapafúrdias, são muitíssimo bem-vindas.

Publicado por José Mário Silva às abril 27, 2005 10:27 AM

Comentários

Círculos aqui deve querer dizer buracos. Há muitos, a começar pelo do Tunel do Marquês...

Publicado por: ZeroAesquerda em abril 27, 2005 11:18 AM

Cá para mim são os círculos que ficam nas toalhas das boas tascas depois de se levantar o copo de vinho.

Publicado por: zangalamanga em abril 27, 2005 11:21 AM

cheira-me mais a círculos do meio-campo e semi-círculos da grande área, vai mais com a nossa natureza de 11 contra 11

Publicado por: Pedro Vieira em abril 27, 2005 11:27 AM

É uma gralha. Onde se lê "círculos" deve ler-se "circos"...

Publicado por: The Bird @ frangosparafora.blogspot.com em abril 27, 2005 11:59 AM

parece-me que ele se referirá ao círculo Eça de Queiróz, Grémio Literário e outros destes círculos de gente grada...ou então não terá querido antes dizer "melhores circos"?!

Publicado por: antónio borges em abril 27, 2005 02:48 PM

O círculo aqui deve ser entendido como símbolo do orgão sexual feminino, logo Cohen acha que Portugal tem os melhores. [Porra, que agora fui mesmo machista...]

Publicado por: francisco curate em abril 27, 2005 10:36 PM

Nem gastei uma caloria com o enigma. Cohen está a referir-se aos "círculos viciosos", cujo símbolo pátrio são as infinitas rotundas que o poder autárquico erigiu como mecanismo totalitário de condicionamento do trânsito das ideias.

Publicado por: Valupi em abril 28, 2005 02:07 PM

Folgo em saber que por vezes concordas comigo, Valupi.
;)

Publicado por: José Mário Silva em abril 28, 2005 04:34 PM

Não. Cohen refere-se aos círculos que deixamos no chão quando andamos à nora a pensar como resolver a vida até ao fim do mês. Quanto muito, condescendo, serão os círculos filosóficos, tipo os nihilistas da Buraca e os habermasianos da Rinchoa.

Publicado por: tb em abril 28, 2005 10:28 PM

Foi só um aprofundamento da tua associação original, Zé (o que explica o gasto nulo das calorias, pois tu já tinhas feito o trabalho todo); de resto, a melhor das explicações até agora. E concordo amiúde contigo, se queres mesmo saber – se o assunto não for a Igreja, bem entendido... ;)

Já agora, porquê o desaparecimento dos emails dos comentaristas? Just curious.

Publicado por: Valupi em abril 29, 2005 12:53 AM

O "desaparecimento" dos e-mail, Valupi, não sei a que se deve. Ultrapassa-me. Talvez seja uma actualização da plataforma do Movable Type, mas não estou certo.

Publicado por: José Mário Silva em abril 29, 2005 09:17 AM