« ENTRE UM E OUTRO... | Entrada | ENCONTROS DO TERCEIRO GRAU EM BEJA »

abril 24, 2005

OS DILEMAS DO SUCESSO

Como se não bastasse ao Ricardo Araújo Pereira a ignomínia de ver o seu sketch do "falam, falam" glosado por Santana Lopes, consta que a moção da Juventude Popular ao congresso do PP se intitulou, imaginem, «Ah e tal porque é Jovem»...

Publicado por José Mário Silva às abril 24, 2005 11:50 PM

Comentários

Nota: O sketch em questão não é original do gato fedorento. Tecnicamente, o "sketch" foi algo que o MARCO proferiu no confessionário (lembram-se do big breda 1?)

Publicado por: Irreligious em abril 25, 2005 12:16 AM

Nota: Tecnicamente, o Irreligious é um aldrabão. Sem ser tecnicamente, também.
Aqui está o que disse o Marco:

Publicado por: Sinatra em abril 25, 2005 02:24 AM

“E é quando eu vejo que o tempo ‘tá apertar pá, e que há aí palhaços pá, que falam falam, falam falam, falam falam, falam falam pá, mas eu não os vejo a fazer nada, pá... Eh pá, já me começo… sei lá pá, começo-me a… realmente já a dar cabo da cabeça, não é… Se calhar é do cansaço pá, pode ser também... pode ser que seja do cansaço né? Eu tenho calma, pá, este palhaço, este monte de merda deve ter a mania da perseguição ou o caralho, pá, eu pá, já nem o vejo bem, eu já nem o ando a ver bem, pá. É que eu já nem sequer consigo olhar direito para ele, pá. Eu tenho impressão que eu espirro um bocado com mais força e que ele escangalha-se todo, o rapaz, pá.
Se há aqui alguém que ‘tou chateado, ‘tou chateado é c’o Telmo, pá, eu ‘tou chateado é mêmo c’o Telmo... que é um gajo que faz atletismo, que faz isto, faz aquilo e ainda não o vi a fazer 100m por ninguém, pá, eu ando aqui, eu ando todo arrebentado, caraças, pá, eu fiz 15Km, fiz 19,5Km, fiz 15Km e hoje fiz 15Km, pá e amanha não há Km por fazer, pá? E ninguém se preocupa em fazer Km hoje, pá? Então mas só eu é que penso, pá? Olha… Olha que foda-se!...”

Agora o sketch do Gato:
"Meu amigo, isto que aconteceu é muito simples, meu amigo. O que aconteceu é que chego aqui e sou logo confrontado com certas e determinadas situações. Hum! E eu digo: "então como é que é?", e os gajos: "ah! e tal!", e eu:"ah! e tal não!". Então eu venho lá de baixo e dizem-me não sei quê. Chego cá acima e afinal parece que não! Em que é que ficamos? E os gajos: "ah! não sei que mais e o camandro" e eu: "mau!, queres ver que a gente tem de se chatear"... porque isto não pode ser! Eu sou um gajo que está aqui a trabalhar, eu quero trabalhar. Hum? E sou... e dizem-me, como eu aqui ouvi, dizem-me: "ah! não sei quê", mas o que é isto? Que é isto? Isto não se faz! Porque eu sou um gajo... dou-me bem com toda a gente, sim senhor!, dou-me bem, por mim está tudo bem e fazem-me isto! E há gajos por aí que fazem trinta por uma linha e depois passa tudo incólume, que é coisa eu eu não percebo! É que eu assim não venho... deixo de vir aqui, vou fazer a minha vida para outros sítios. Sítios onde inclusivamente malta me diz "ah! pá e tal, sim senhor". É para lá que eu vou, deixo de vir para aqui, pá! Hum! Porque quando eu vejo que há aí palhaços, pá!, que falam, falam, falam, falam, falam, falam, pá! e eu não os vejos a fazer nada, pá!, fico chateado. Concerteza que fico chateado pá! 'Tá a percerber? Hum!"

Há uma frase em comum. Com uma simples pesquisa no Google desmascara-se um mentiroso.

Publicado por: Sinatra em abril 25, 2005 02:29 AM

Sinatra: fantástico!

Publicado por: PM em abril 25, 2005 09:11 AM

isto é o que eu chamo fazer história de arte em tempo real.
por outro lado é pena. olha se o irreligious tivesse apresentado a sua tese daqui a vinte anos e não houvesse internet?
teriamos debate para vinte anos...ou mais, tema para livros...
quantos doas apaixonantes debates académicos a que assistimos muitas vezes não se baseiam am casos semelhantes?

Publicado por: tchernignobyl em abril 25, 2005 09:16 AM

Boa, Tcher.

Quanto debate académico não é pura falta de informação! Acordaste lúcido, meu.

Publicado por: fernando venâncio em abril 25, 2005 09:56 AM

E viva a Política Fedorenta!
se é que alguma vez não o foi...)

Publicado por: PM em abril 25, 2005 09:59 AM

o 25A põe-me sempre de olho aberto pá

Publicado por: tchernignobyl em abril 25, 2005 11:15 AM

Ainda bem que o dizes. É que depois fiquei com remorsos. Aquela podia ser a lucidez do despertar... mas também a lucidez da espertina. Afinal tinhas dormido. Como a normalidade do mundo. Como um justo, quiçá.

Publicado por: fv em abril 25, 2005 11:31 AM

ah caro vanâncio, tomara eu poder dizer que o meu sono foi o dos justos! sou demasiado imperfeito e provavelmente ainda mais aos meus próprios olhos para dar tal garantia...
mas lá que foi profundo foi, embora não prolongado. poucas vezes me deito antes das duas da manhã.

Publicado por: tchernignobyl em abril 25, 2005 11:41 AM

Venâncio, isto não é sono, é dislexia

Publicado por: tchernignobyl em abril 25, 2005 11:42 AM

Isso de 'dislexia' é auto-elogio encapotado. Deves saber, pelas estatísticas, que os disléxicos têm sempre um IQ confortável... O mal está, depois, nas ligações aos tentáculos.

Publicado por: fv em abril 25, 2005 11:51 AM

seja, estou então disposto a dar esse avanço ao resto dos camaradas

Publicado por: tchernignobyl em abril 25, 2005 02:36 PM

O sketch do Gato Fedorento tem efectivamente uma CITAÇÃO do programa Big Brother. Não é plágio. É um jogo de cumplicidade por partilha do mesmo imaginário de cultura popular. É para um gajo se sentir identificado ao descobrir.

Publicado por: Rui Gago em abril 25, 2005 03:32 PM

Exacto. É uma caricatura. E toda a caricatura contém uma citação.

Quando - discreto exemplo - se imita a voz do Cavaco, «citam-se» os harmónicos do seu aparelho fonal, não desfazendo.

Publicado por: fv em abril 25, 2005 03:42 PM