« WALLY: VERSÃO PAPAL | Entrada | OPERAÇÃO BADALO DOURADO EM CURSO »

março 24, 2005

PAPEL BRANCO COM MANCHAS DE NICOTINA

«Afirmar que fumar facilita o trabalho é certamente fazer uma observação errónea. Pelo contrário, interrompe-o pura e simplesmente. Talvez o facilite a quem não é um verdadeiro fumador, mas o verdadeiro fumador, quando fuma, não faz mais nada. Um jornalista francês afirmou que, cegando, um fumador perderia o vício; é falso. Mantegazza engana-se de outro modo, quando crê poder ajudar o fumador a libertar-se do vício com alguma prescrição farmacêutica. O vício de fumar é tão complexo que a farmacopeia é impotente para o conseguir vencer. No verdadeiro fumador, fumam os olhos, o estômago, os pulmões e o cérebro; cada órgão do viciado é viciado.»

Italo Svevo, «Últimos Cigarros — Sobre o Prazer e o Vício de Fumar» (101 Noites)

[A minha recensão sobre este notável pequeno livro pode ser encontrada aqui]

Publicado por José Mário Silva às março 24, 2005 05:15 PM

Comentários

Schmucks have opinions like that! So why did I enjoy a fag while reading this cheap crap? Pharmacopeia is good at just one thing: killing people and making money.Tobacco(not the poisons the industry mixes with it) make us, men, virile and against oppressive governments. Sissies drink coca cola and brush their teeth with fluoride twice a day to make them obedient robots. Do yourselve a favour:light a snout, revise your recension and watch the smoke go up in spirals.

Publicado por: Cigarra em março 24, 2005 09:39 PM