« LÁ EM CIMA ESTÁ O ALELUIA, ALI EM BAIXO ESTÁ O QUÁQUÁQUÁ | Entrada | É PORTUGUÊS? NÃO GOSTO »

fevereiro 12, 2005

HÁ QUE RECONHECER ALGUMA LUCIDEZ AO HOMEM

"No comício socialista neste auditório estava também muita gente, mas sem este entusiasmo, sem esta alegria, sem esta loucura."
Nuno Fernandes Thomas, mostrando ao seu chefe o que é falar a verdade

Publicado por Jorge Palinhos às fevereiro 12, 2005 08:26 PM

Comentários

É muito longo,tanto para escrever,como para o traduzir. Chama-se Pierre Assouline é escritor e jornalista,os seus comentarios habitualmente vem no jornal Le Monde.Eu quase todos os dias leio os jornais estranjeiros,como os jornais ca de casa estâo monopulisados pouco os leios,e depois gosto de os (confromtar)para saber se as escrituras de uns diferem muito umas das outras. O seu blog La Republica dos Livros. Esta um artigo que se chama,La mort était leur métier,os comentarios sâo d'uma extrema realidade.PS Em Espanha abre uma exposiçâo sobre os jovems pintores onde o pais HÔTE é o MÉXICO,nâo vejo o nome de Portugal nâo existe jovems??

Publicado por: calhordus em fevereiro 13, 2005 12:48 PM

Pois, pois.. só há alegria no BE. Maior é o cego que não quer ver...

Publicado por: polittikus em fevereiro 13, 2005 09:43 PM