« QUE O DIA TE SEJA LIMPO | Entrada | JÁ NÃO HÁ LÍDERES DO PROLETARIADO »

fevereiro 12, 2005

O CICLO

Morreu Arthur Miller.


I saw the things that I love in this world. The work and the food and the time to sit and smoke. And I looked at the pen and I thought, what the hell am I grabbing this for? Why am I trying to become what I don’t want to be . . . when all I want is out there, waiting for me the minute I say I know who I am.

Morte de um Caixeiro-Viajante

Publicado por Jorge Palinhos às fevereiro 12, 2005 11:22 AM

Comentários

Logo de seguida veio-me ao espirito Stefan Zweig,ele suisidou-se ums dias antes de eu nasçer,tal como Arthur éra judeu éra um dos escritores que eu mais admiro,a sua sencibilidade,creio que mesmo que uma parte dos que o creticaram tivessem motivos para isso..devia ser insuportavel viver em tais condiçôes!Vou continuar a ler os seus livros enquanto puder.nâo so a eles mas tambem aos amigos que conheçêram a linda VIENA

Publicado por: calhordus em fevereiro 12, 2005 03:15 PM