« ILITERACIA FUNCIONAL, GOVERNANTE ACIDENTAL | Entrada | QUESTÕES DE GLÓRIA FÁCIL »

julho 28, 2004

SANTANA CALVIN

Publicado por José Mário Silva às julho 28, 2004 08:43 PM

Comentários

É isso mesmo. E os comunistas também comem criancinhas ao pequeno almoço, almoço e jantar. Pequeno almoço: Flocos da veia jugular; Almoço: miúdos com todos; Jantar: Francesa menor de idade. É por causa desta dieta dos comunistas, que ainda por cima cada vez são mais, que a população Portuguesa está a envelhecer. A população Francesa então... É por isso que dizem que a França representa a velha Europa.

Publicado por: ZeroAesquerda em julho 29, 2004 12:09 AM

Desculpem, isto não era para aqui. Era uma resposta a um tubarão com o fogo no rabo.

Publicado por: ZeroAesquerda em julho 29, 2004 12:11 AM

Mas o comentário do Zeroàesquerda se não vai para o Tubarão pode encaixar noutros casos. Acho que deve ficar, mesmo sem tubarões.

Publicado por: Emiéle em julho 29, 2004 08:49 AM

Eu começo a achar piada ao Tubarão, seus mil heterónimos e inúmeros comentários pueris que para aqui despeja... A sério, leio, sorrio e passo à frente. Já faz parte da rotina diária.

Publicado por: Turra em julho 29, 2004 11:54 AM

Helloooooooooo, I'm back on track ,UUUUUUUUUUUU

Pergunta do dia :

Quem foi o melhor governante (Português ) desde Marquês de Pombal ??

Dou mil contos a quem acertar !!!!!!

Terá sido o anarca do bernardino machado ?
ou o também anarca vasco gongalves ?
ou o semi anarca marocas?
ou o pinguim toninho guterres ?
ou o bafiento salazar ?
ou outro qualquer ?
.

Publicado por: Afonso Henriques em julho 29, 2004 12:20 PM

Foi o Afonso Henriques, que soube desbravar os mares nunca dantes navegados e chegar aos Estados Unidos da América.
Quando lá chegou foi de visita ao Tio Sam e, enquanto este comia o seu cheeseburger, Afonso Henriques foi censurado por estar constantemente a tentar comer as migalhas do santo repasto do Tio Sam: "Fui eu que matei a vaca, acusando-a de armas de destruição massiva. Agora tenho direito ao hamburger e às migalhas; Chega para lá, ó Afonso." O Afonso regressou a Portugal e, como não foi bem recebido, voltou-se para a Europa: "Pode ser que agora em vez de migalhas, eu consiga milho para a minha galinha dos ovos de ouro..."

Publicado por: ZeroAesquerda em julho 29, 2004 01:53 PM