« É SÓ MUDAR AS DATAS | Entrada | OVER REACTING »

julho 12, 2004

ORGULHO SELECTIVO

É extraordinário que Portugal tenha organizado um Campeonato Europeu de Futebol que incluiu a construção de 10 estádios mais os respectivos acessos em dois ou três anos a tempo e a horas de merecer os mais comovedores elogios da UEFA?
Ainda mais extraordinário é a Casa da Música que tem 20.000m2 de área de construção e foi projectada para ser inaugurada durante o evento Porto Capital Europeia da Cultura 2001 estar há seis-anos-seis em obras de Santa Engrácia.
A data (mais uma ) prevista para a inauguração da ciclópica obra será Abril de 2005 com abertura ao público em Setembro do mesmo ano, alvitram agora os astrólogos de serviço perscrutando com rara concentração os efeitos iridizantes provenientes da refração da diáfana luz do Norte através da superfície de uma réplica em cristal da bola oficial do Euro.
Até lá, melómanos, agarrem-se. Agarrem-se aos auscultadores.
Perguntar-se-á: não há vergonha no Porto, no Governo, entre os vários agentes que intervêm na obra?
Não interessa porque tudo faz sentido.
O futebol é uma prioridade nacional.
A nossa razão de existência, o nosso orgulho.
E a cultura? Mais Casa da Música menos Casa da Música, mais Casa menos Música alguém sente a falta de alguma coisa?

Publicado por tchernignobyl às julho 12, 2004 10:10 PM

Comentários

A questão é que para a cultura não há prazos... para o futebol sim. O português trabalha bem (enfim, mais ou menos) sobre pressão.
E, para além disso, as prioridades são outras. Lá fora a nossa reputação fica manchada se um evento visto por milhões de pessoas em todo o mundo corre mal, ao passo que se um mamarracho qualquer para meia dúzia de diletantes se pavonearem a assistir a uma ópera não é concluído, está todo o mundo nas tintas.

Publicado por: Horácio em julho 12, 2004 11:40 PM

"Mais Casa da Música menos Casa da Música, mais Casa menos Música alguém sente a falta de alguma coisa?
"

É o monumento a imbecilidade de Carrilho e sus muchachos.
Eu sinto falta da antiga rotunda da boavista e do projectado para aquele local interface de transportes públicos envergonhadamente remetido (e espartilhado) para as traseiras do mercado pelo executivo do PS.
Falta? Falta do dinheiro que poderia ter sido usado em algo mais útil ou então na construção do "Calhau disforme" numa outra parte da cidade. Se for verdade que o "Calhau disforme" servirá para atrair público para quê entupir mais a zona da Boavista? Deviam era ter colocado o "Calhau disforme" em Campanhã ou melhor em São Pedro da Cova, para ver se tapavam o buraco.

Publicado por: Do Porto em julho 13, 2004 12:19 AM

não percebo qual o teu problema com o atraso: é tudo uma questão de prioridades. basta olhar para o frenesim com que o JMS escreveu aqui sobre futebol e a apatia com que (pouco) escreveu sobre música...

Publicado por: Alexandre Monteiro em julho 13, 2004 11:08 AM

outro dia ouvi dizer que predominantemente os mais pobres votam no ps.
então eu pensei , burro e pobre como sou, para o ps e o pc quantos mais pobres mais votos !

se houver mesmo muitos pobres o ps ganha a maioria.

viva a pobreza bamos comelos

Deus Vitorino expilica pra mim ?

Publicado por: Afonso Henriques em julho 13, 2004 01:39 PM

Alexandre cuidado com os torcicolos.
Uma forma tão arrevesada de arranjar pretexto para criticar o Zémário porque se entusiasmou (e tu não?) com o Euro pode fazer-te mal ao pescoço.
Até porque para criticares o Zémário não precisas de grande pretexto e até soa mais escorreito na forma desde que não tenhas assunto.
Agora se queres falar da Casa da Música tenta não misturar alhos com bogalhos.

Publicado por: tchernignobyl em julho 13, 2004 11:29 PM

Ó amigos, e o futebol não é cultura? Vão a um qualquer livrelho de introdução à antropologia ou sociologia ver o significado de cultura, se faz favor. Só vos vai fazer bem. Tb acho que é uma vergonha a casa da música ainda não estar terminada, mas, p.f., não tragam o Euro2004 para a discussão com argumentos que futebol "não é cultura". Se me disserem que não é cultura elitista, vá lá...

Publicado por: Francisco Curate em julho 14, 2004 11:39 AM

tche, não fui eu que puxou a brasa ao Euro e à casa da Música no mesmo post.... ;o)

por mim, estou-me nas tintas para os dois "eventos". mas isso sou eu.

Publicado por: Alexandre Monteiro em julho 14, 2004 01:23 PM

E o Chouriço do Vitorino que espetou com cara de mau a brutal nega ao PS !!!!!?????!!!!!
Ia meter-se na mixórdia ?
Sabe Deus o que saberá ele !!!

A esquerda resvala inexoravelmente .
No futuro ,( sei lá daqui a uns 200 anos) só vai haver PP e PSD.
Depois aparece o PS, uma sombra esqualida , uma curiosidade.
E o PC e o BE não passarão de fósseis há muito extintos.

Publicado por: Afonso Henriques em julho 14, 2004 07:13 PM

alexandre o problema não é a "convivência" dos dois eventos no mesmo post.
é a maneira como se estrutura um comentário.
mas talvez seja apenas uma questão subjectiva.

Publicado por: tchernignobyl em julho 15, 2004 09:49 AM