janeiro 27, 2004

Lágrima do Coração

Ver-te partir, a relação na indefinição
Fria, distante, levas o meu coração

Nunca como neste momento
Senti que te ia perder
Agonizo num tormento,
Impotente, sem nada a fazer

Nem sequer um beijo,
Apenas um frio adeus
Afastas-te, e eu vejo
Os lábios que, um dia, foram meus
Fogem, e eu ardo de amor e desejo...

Quero parar a tua marcha,
Abraçar-te, tocar-te, beijar-te...
Uma pergunta, enquanto o meu coração racha:
Deixas-me, simplesmente, amar-te?

Broken-Heart.jpg

Publicado por aShBuRn em janeiro 27, 2004 09:39 PM
Comentários

Eu axo k ela deixa, tu até es bom rapaz... =))

Afixado por: Sweet_Lust em janeiro 28, 2004 11:41 PM

Ou então não... =P

Afixado por: aShBuRn em janeiro 29, 2004 12:56 AM

Isto lembra uma grande música de um grande intérprete português, tão importante que agora nem me lembro do nome dele mas que tinha uma música mais ou menos assim: "Vais partir, por aquela estrada, vais partir vais partir vais partir". Será que é o Tony Carreira?

Afixado por: HeartLess em fevereiro 1, 2004 05:54 AM

Sinceramente, a unica coisa que posso dizer com toda a certeza é que não sou eu... Nem é copiado! =P Quanto ao resto... Quem souber, que diga... =D

Afixado por: aShBuRn em fevereiro 1, 2004 11:52 PM

gostava de inventar...palavras

inventos são...versos
poemas que eu e tu lês
todos nós os consumimos
poucos recordam quem os fez


linhas, curvas, rabiscos
uma descrição a acompanhar
três anos para uma patente
montes de dinheiro a gastar.


fernando nogueira gonçalves www.invento.web.pt

Afixado por: fernando nogueira gonçalves em fevereiro 2, 2004 10:31 PM

Mto lindo...
beijo

Afixado por: Soul em fevereiro 5, 2004 10:04 PM