dezembro 26, 2003

Loucura

Insano, perdido num vórtex de dor e sofrimento, encontro-me à deriva nas brumas da loucura, só, desesperado, procurando apenas o apoio do teu braço feito apenas de névoa. Delírios atacam-me a mente, visões de indizíveis horrores turvam-me o raciocínio, o medo ataca-me o coração, monstros rasgam-me a carne do corpo, separando-a dos ossos, em mil milhões de pedacinhos e dão-na a comer aos vermes...
O meu corpo retorna à podridão que lhe deu origem, a minha alma volta às trevas, às suas origens devassas, de onde nunca deveria ter saído, a minha mente vagueia em infinitos devaneios... Sou um louco, sou um projecto de humano, sou apenas uma besta irracional, delirante, louca, completamente insana. Sou um bicho. Sou nada. Sou tudo. Sou eu. Ou não sou?...

Publicado por aShBuRn em dezembro 26, 2003 09:34 PM
Comentários

andas inspirado rapaz!

Afixado por: Putuh em dezembro 26, 2003 09:40 PM

Long time no see por estes lados, caro colega bloguista. =D
De facto, a inspiração tem andado em baixas; hoje, lá me deu... =P Thanks for your complement. =D

Afixado por: aShBuRn em dezembro 26, 2003 09:42 PM

...sou vil, sou reles, como toda a gente,
.........................................
é com a imaginação que eu amo o bem,
meu baixo ser porém não mo consente..(A.Campos)

fizeste-me meditar sobre um poema do A.Campos...

Afixado por: morfeu em dezembro 26, 2003 10:30 PM

É para mim, obviamente, uma honra ter tal "influência" nos meus leitores, ao ponto de me compararem a tal monstro da literatura, quando de facto... Não há comparação. Mas fiquei muitíssimo agraciado. =)

Afixado por: aShBuRn em dezembro 26, 2003 11:18 PM

tás um bocadinho passado, meu.

Afixado por: cândida em dezembro 27, 2003 01:01 AM

Cândida, Cândida... Porque dizes isso? =)

Afixado por: aShBuRn em dezembro 27, 2003 01:03 AM