« Medicamentos | Entrada | De passagem »

dezembro 01, 2005

Reformas

Os administradores do Banco de Portugal têm garantida uma pensão de reforma vitalícia correspondente ao exercício de um mandato de cinco anos independentemente do período de tempo que permaneçam em funções.
O regime estabelece esse padrão mínimo, mesmo que os responsáveis do banco central se demitam, por sua iniciativa, pouco tempo após a tomada de posse.
Público, link pago

Certamente que são direitos adquiridos !

As normas sobre a reforma dos Administradores do Banco de Portugal referem, nos seus considerandos, que “… a nomeação do membros do conselho de administração, implica salvo destituição com justa causa, a constituição de direitos à remuneração e aos benefícios relativamente a todo o período de mandato”.

Art.º3.º
Tempo a contar
1- O tempo mínimo a fundear pelo Banco de Portugal junto do respectivo fundo de pensões, será o correspondente ao mandato (cinco anos), independentemente da cessação de funções.

Artº4.º
Garantia de reforma
1- O Banco de Portugal através do seu fundo de pensões, garantirá uma pensão de reforma correspondente ao período mínimo de cinco anos, ainda que o membro do conselho de administração cesse funções, a qualquer título.

Publicado por rpx às dezembro 1, 2005 10:21 PM

Comentários

a canalha sempre, sempre no seu melhor!!!!!


Publicado por: luikki às dezembro 2, 2005 06:54 PM

Bem e os meus avós que trabalharam a vida inteira por este pais com enormes sacrificios dão lhes uma reforma de 25o euros!!! talvez se eles se tivessem demitido logo após terem começado a trabalhar... talvez ai tivessem pensões vitalicias de 3000 euros mensais!!!

Publicado por: Karim às dezembro 2, 2005 08:47 PM

Comente




Recordar-me?