maio 29, 2011

Equilibrismos…

Na próxima sexta-feira, finalmente, poderemos respirar de alívio, pelo fim de uma campanha eleitoral cheia de ruídos e de troca de mimos, dirigida fundamentalmente ao acessório e que pouco ou nada tem contribuído para esclarecer os portugueses sobre o pacote de medidas que aí vem e os tempos difíceis que se avizinham. Isto para não falar de toda aquela avalanche de sondagens diárias com que nos têm brindado as nossas televisões e outros órgãos de comunicação social - do pára, arranca, trava, olha que isto não anda quase nada, que afinal vai resvalar para o empate – e que só serve para confundir os eleitores e pôr os políticos à defesa e a questionar a credibilidade das ditas… sondagens. Enquanto isso, a situação financeira do país só não resvalou para a bancarrota porque chegou aí a 1ª tranche do FMI e a conjuntura económica e social anda pelas ruas da amargura, com empresas e famílias a testar o seu precário equilíbrio na corda bamba e o desemprego sempre a subir. Desemprego, esse - é bom não esquecer -, cuja taxa de 2010 se situou, em média, nuns inacreditáveis 10,8%, bem próxima da fasquia dos 11% como se pode ver.

Publicado por Conceição Pereira às 10:54 PM | Comentários (0)

maio 16, 2011

A chegada do verão

O bom tempo que se tem feito sentir por estes dias, com temperaturas médias a rondar os vinte e dois graus, sugere que o verão está a chegar mais cedo este ano. Ainda bem. Este tempo quente e luminoso traz consigo a promessa dos dias mais longos e das noites amenas, das brisas mornas e suaves do vento, da frescura reconfortante do mar e das sombras extensas e protectoras que se formam ao entardecer…

Publicado por Conceição Pereira às 07:07 PM | Comentários (0)

maio 11, 2011

Do país...

Ficámos a conhecer já há algum tempo os cabeças de lista dos principais partidos. E, além de alguns nomes sonantes que constam dessas listas e de vagas intenções programáticas, a ideia com que ficamos é que os partidos do arco governativo pouco mais têm para oferecer ao país. O programa efectivo para governar Portugal, esse, ficou, como bem sabemos, a cargo da Troika, como garantia de um empréstimo cujo juro irá situar-se, pelos vistos, acima do esperado. Sendo certo que a taxa de juro que o Estado português tem que pagar actualmente para conseguir financiar-se no mercado é sensivelmente o dobro dos 5,5% que terá que pagar pela fatia de empréstimo da UE, há que reconhecer que os responsáveis partidários podiam - eventualmente poderão ainda - ter procurado negociar melhores condições de financiamento, de forma a não comprometer o crescimento do país a médio prazo.

Publicado por Conceição Pereira às 06:40 PM | Comentários (0)

maio 04, 2011

Maio

Quinto mês do calendário gregoriano, cujo nome surge associado à deusa romana Bona Dea, da fertilidade, e também à deusa grega Maya, mãe de Hermes. Mês de intensidades e compassos que nos despertam os sentidos. Retenho, desde que me lembro, memórias de um tempo diverso e vivo, de serras e vales verdes a perder de vista salpicados de perfume e cor. E em cada primavera reencontro o vermelho vivo das papoilas, o amarelo luminoso das maias, o perfume inconfundível e inquietante das mimosas e o canto impetuoso dos pássaros. Desde a primeira hora.

Publicado por Conceição Pereira às 09:10 PM | Comentários (0)

abril 29, 2011

...

O tempo mudou de humores e trouxe a chuva. E parece que também amanhã vamos ter chuviscos. Não importa. Esta chuva morna de primavera bem pode ser vista como uma graça, porque vem alimentar o verde da terra, ao mesmo tempo que faz assentar pólenes e poeiras que esvoaçam no ar. Acalma e limpa, o ar e a alma.

Publicado por Conceição Pereira às 07:09 PM | Comentários (0)

abril 19, 2011

...

Há dias para todos os gostos: dia da doença A, do valor X, do direito Y… Ao ponto dos dias do calendário já não chegarem para dar vazão a tanta iniciativa de nomeação e de ser preciso cair na repetição. No Domingo passado (17 de Abril) contei umas sete ou oito, desde designações de cariz mais profissional e proletário – como o Dia do Lojista de CD, o Dia Internacional de Luta dos Trabalhadores do Campo e o Dia do Transportador Rodoviário de Carga – às mais preocupadas com a nossa saúde – como o Dia do Hemofílico -, passando por outras mais vagas e altruístas – como o Dia da Compreensão Mundial. Já no que refere a 30 de Abril, por exemplo, a dispersão é menor e as classificações são de âmbito mais restrito, como é o caso do Dia do Ferroviário, apenas assinalado no Brasil. Não obstante, dias há em que podem ser assinalados 11 eventos de âmbito internacional, se contarmos com eventuais datas religiosas.

Publicado por Conceição Pereira às 08:41 PM | Comentários (0)

abril 09, 2011

Dar a volta

Estando nós à beira do abismo, saltar é sempre um acto arriscado: podemos não conseguir chegar ao outro lado e, caindo, nunca saberemos o que vamos encontrar quando batermos lá no fundo. O mais certo é o impacto ser medonho. Às vezes, importa questionar o pressuposto de partida: será que é mesmo um terrível e intransponível obstáculo, aquilo que temos pela frente? Nem sempre a realidade é tão má como parece. Sendo, o melhor é dar a volta e contornar o tal abismo, para chegar aonde queremos. Sem nos perdermos no caminho.

Publicado por Conceição Pereira às 09:51 PM | Comentários (0)

março 28, 2011

O lugar do outro

Saber viver não é fácil. E quando se tenta acertar o passo menos fácil ainda. Sobretudo quando a dança é laboriosa e exigente e o medo de falhar nos entorpece. Mas, acima de tudo, talvez ajude se formos capazes de nos colocar no lugar do outro. Deixando de lado os artifícios inúteis e que sempre complicam tudo. E procurando manter alguma lucidez e serenidade.

Publicado por Conceição Pereira às 12:40 PM | Comentários (0)

dezembro 31, 2010

Com votos de...

BOAS FESTAS E BOM ANO

Publicado por Conceição Pereira às 12:47 PM | Comentários (0)

dezembro 28, 2010

...

4 de Janeiro. Data aproximada do periélio da Terra em relação ao Sol, sendo o periélio o ponto da órbita de um corpo - planeta, planetóide, asteróide ou cometa - que está mais próximo do Sol. A título de curiosidade, acrescente-se que a distância entre a Terra e o Sol no periélio é de aproximadamente 147,1 milhões de quilómetros.

Publicado por Conceição Pereira às 08:19 PM | Comentários (0)

dezembro 12, 2010

...

21 de Dezembro. Começo do inverno no Hemisfério Norte, quando ocorre o solstício de inverno, com o dia mais curto e a noite mais longa. Nessa data faltam exactamente 10 dias para terminar o ano. A título de curiosidade, será de acrescentar que este último mês do ano deve o seu nome à palavra latina decem (dez), dado que era o décimo mês do calendário romano, de acordo com o qual o ano começava em Março.

Publicado por Conceição Pereira às 12:22 PM | Comentários (0)

dezembro 04, 2010

...

Aproxima-se a semana do Natal. São os dias dos principais preparativos e de todas as expectativas, que rapidamente se vão sucedendo: 21, 22, 23… Dias bem propícios ao encontro e à celebração. Afinal, se é verdade que o Natal não é todos os dias, também não o poderemos resumir a um só.

Publicado por Conceição Pereira às 11:08 PM | Comentários (0)

junho 17, 2009

Uma verdadeira revolução

As manifestações pacíficas de milhares ou até milhões de apoiantes da oposição em Teerão, questionando procedimentos eleitorais e obrigando o líder religioso do país a aceitar a recontagem parcial dos votos, revelam-nos sinais de mudança na sociedade iraniana, no sentido da procura de uma maior liberdade e democracia. Sinal de que as verdadeiras revoluções sociais são progressivas e partem da mudança de mentalidades e atitudes e não da imposição por parte de "elites iluminadas". E que essas revoluções também são possíveis em sociedades fechadas e com regimes repressivos como o do Irão.

Esperemos que os responsáveis políticos iranianos tenham bom senso suficiente para não reprimir pela força tais manifestações e que sejam sensíveis à insatisfação das populações. E que os iranianos possam fazer em paz e em liberdade o seu caminho.

Publicado por Conceição Pereira às 06:31 PM | Comentários (0)

maio 21, 2009

Será desta?

É de saudar as posições assumidas por Obama nas conversações com Benjamin Netanyahu, 1º Ministro de Israel, em relação à questão do Irão e ao processo de paz israelo-palestiniano (Público, 19 de Maio de 2009, pg. 9).

Nas suas declarações após o encontro, o Presidente norte-americano declarou, por um lado, a necessidade de apostar prioritariamente na diplomacia entre o Irão e os Estados Unidos para resolver o diferendo nuclear, salientando que não se podem resolver 30 anos de antagonismo em pouco tempo. Por outro lado, considerou ser "do interesse de todos uma solução que consagre a Palestina como estado independente" e para isso "Israel também terá de dar passos", referindo a necessidade de parar a expansão de colunatos judaicos e assegurar o apoio humanitário em Gaza.

Talvez agora, sem as habituais "palmadinhas nas costas" do "amigo americano", o Estado de Israel se empenhe finalmente numa solução construtiva para o problema palestiniano e no estabelecimento de diálogo e de pontes com os seus vizinhos.

Publicado por Conceição Pereira às 12:03 PM | Comentários (0)

maio 06, 2009

O caos

Três longos anos! É o tempo que pode agora levar a chegar a julgamento um despedimento ilegal ou um acidente de trabalho que ocorra na Comarca de Lisboa. Quem o diz são os advogados Garcia Pereira e Fausto Leite, ouvidos pelo Expresso, e os números não enganam: cerca de 9300 processos pendentes a aguardar decisão em Janeiro passado e mais de 7000 novos processos estimados para 2009 (Expresso, 1 de Maio de 2009, 1º Caderno, pg. 20).

Este "estado catastrófico" é parcialmente atribuído à actual crise económica, mas outros factores terão contribuído para a "sobrelotação processual": a promulgação do novo código laboral em Fevereiro deste ano (cuja aplicação levanta novos problemas) e a extinção, em 2007, das terceiras secções do Tribunal do Trabalho. Reformas bem pensadas ou oportunas, como é bom de ver. Tudo em benefício dos cidadãos, claro está, e tomando como ponto de partida os "belos" níveis de eficiência e eficácia do nosso sistema de "justiça". Não podíamos esperar melhor!

Publicado por Conceição Pereira às 02:57 PM | Comentários (0)

abril 02, 2009

Os métodos de Chávez

O financiamento e o apoio dado pelas autoridades venezuelanas a milícias populares violentas que "defendem a causa recolucionária" e cujas acções são desenvolvidas no sentido de amedrontar e de coagir a oposição, sobretudo em períodos pré-eleitorais, como as semanas que antecederam o referendo do passado 15 de Fevereiro que acabou com o limite ao número de mandatos presidenciais (Expresso, 28 de Março, pgs. 36 e 37), são bem ilustrativos dos métodos utilizados pelo "camarada" Chávez para conquistar e reforçar o seu poder.

Com demagogia "quanto baste" para fazer acreditar muitos incautos e com métodos assim "inovadores" para convencer muitos "indecisos", bem pode Chávez ganhar "revoluções" e referendos. E, desta forma, garantir para si o tão desejado estatuto de "presidente perpétuo". Perdem os venezuelanos, para começar em democracia, em justiça e em liberdade.

Publicado por Conceição Pereira às 11:05 AM | Comentários (0)

março 19, 2009

Esta gente saberá o que anda a fazer?

Um artigo do Expresso desta semana (14 de Março, 1º Caderno, pg. 20) aborda a questão do ordenamento costeiro e destaca a ausência de uma estratégia nacional neste domínio, apontando a fragmentação de competências.

No que se refere à erosão costeira, os especialistas ouvidos referem que ela se deve fundamentalmente à diminuição de sedimentos que chegam ao litoral devido à acção humana, sobretudo à construção de barragens (que impedem a chega das areias à costa) e de esporões (que, ao protegerem edificações a norte, agravam a erosão a sul). Ou seja, parece que andam por aí a projectar barragens e esporões sem avaliarem as suas consequências em termos de erosão costeira: 15 novas barragens estão projectadas sem que tenha sido avaliada essa causa-efeito.

Assim vão as coisas: primeiro projecta-se e faz-se sem avaliar as consequências, depois gastam-se milhões a repor o areal nas praias e a tentar minimizar outros estragos dos avanços do mar. E, enquanto uns andam entretidos a apagar “fogos”, outros vão aproveitando para contornar leis e ir aprovando mais uns quantos projectos em zonas de risco. Que triste ordenamento o nosso!

Publicado por Conceição Pereira às 10:09 AM | Comentários (0)

março 18, 2009

Digno de nota!

O Expresso desta semana (14 de Março, 1º Caderno, pg. 39) dá-nos a conhecer a luta de Jeff Halper, um israelita judeu nascido nos Estados Unidos há 63 anos e instalado em Israel desde os anos 70 e que em 1997 fundou o Comité Israelita Contra a Demolição de Casas (ICAHD), um grupo apolítico não violento que luta contra a ocupação israelita dos territórios dos palestinianos.

De acordo com este activista, já proposto para Prémio Nobel da Paz, a demolição de casas nos territórios ocupados e em Israel (de cidadãos palestinianos e de israelitas árabes) tem vindo a ser uma prática por parte das forças israelitas, uma medida de “judaização de Israel” que empurra os árabes para enclaves.

Publicado por Conceição Pereira às 08:29 AM | Comentários (0)

março 17, 2009

Os guineenses merecem mais e melhor

O futuro da Guiné-Bissau vai depender da qualidade das futuras lideranças (política e militar) e da forma como for conduzido o próximo processo eleitoral.

O problema é que o sistema político está viciado e o processo decisório está nas mãos dos mesmos de sempre, os tais que têm as mãos manchadas pela corrupção e pelo sangue dos opositores e que dificilmente abdicarão do poder que tão bem sabem impor pelas armas.

É pena que assim seja, porque os guineenses merecem mais e melhor.

Publicado por Conceição Pereira às 12:06 PM | Comentários (0)