março 19, 2004

Regionalização

Nunca fui um adepto fervoroso de uma regionalização cujo objectivo é distribuir benesses por meia dúzia de presidentes de câmara. Mas sou sempre receptivo a ideias que valorizem o que de bom se faz pelo país fora. Dois casos esta semana me deixam perplexos

1. Entidade Reguladora da Saúde vai para o Porto a pedido de Rui Rio.
Mas porquê? Em Lisboa perceberia, e se tivesse de ser fora de Lisboa, Coimbra teria de ser a cidade escolhida. Estaria Coimbra a dormir? É que em termos de Saúde, Porto não tem o mínimo de comparação com a excelência dos serviços que são prestados em Coimbra.

2. Gilberto Madail acha que Jamor não tem condições. Sugere os estádios do FCP, do SCP e do SLB.
Acho estranho que o Jamor tenha perdido as condições num ano. Mas a mudar porquê alimentar os grandes? Seria mais lógico escolher os estádios de Leiria ou de Coimbra. São estádios com condições, com segurança e que estão equidistantes das duas equipas.

Publicado por cparis em março 19, 2004 04:11 PM
Comentários

Veja o meu ultimo post e depois fale-me de regionalização...

Afixado por: valeria em março 20, 2004 03:52 PM

Sobre a questão da regionalização, as suas vantagens e modos de concretização muito haveria a dizer, mas deixe-me dizer-lhe que pensei exactamente a mesma coisa quando ouvi falar de ambas as situações.
Na primeira, obviamente o critério que serviu de escolha não foi o da melhor satisfação do interesse público, mas o peso político...
Na segunda situação... o critério não será muito diferente... I guess...

Afixado por: Assumida Mente em março 21, 2004 03:49 AM

Seria bom que se deixasse de falar em regionalização e se impulsionassem, de uma vez por todas, verdadeiras medidas de descentralização, em favor das cidades de média dimensão do interior...

Afixado por: Peixoto em março 21, 2004 08:19 PM