janeiro 21, 2004

Política de Imigração

1. Concordo com a existência de uma cota... acho uma irresponsabilidade a política de "entram todos"
2. Acho positivo que não se persigam imigrantes ilegais, só porque os filhos têm de ir ao Hospital. É no mínimo, um acto de humanidade.
3. Legalizar quem já cá está a trabalhar é o mínimo que se pede a uma pessoa de bem, que o Estado às vezes não é.

Más notícias:
1. Acho lamentável que não se tenha aproveitado a oportunidade para alterar a legislação relativa ao tráfico humano. As penas são leves e convidam ao crime.
2. A cota de 6.500 parece-me escassa... Só que o Governo apoia-se num estudo aparentemente credível. Quem o contradiz apoia-se em opiniões tiradas à volta do café.

Publicado por cparis em janeiro 21, 2004 12:41 PM
Comentários

Estando de acordo com o artigo, penso que convém que na adopção pela primeira vez de uma cota de entrada de imigrantes não se "postule" por excesso.
No próximo ano veremos se o número encontrado foi escasso ou não...

Afixado por: Peixoto em janeiro 21, 2004 09:09 PM

Concordo com o Peixoto...

Um abraço,
Francisco Nunes

Afixado por: Planície Heróica em janeiro 22, 2004 06:17 PM