" /> abnoxio: janeiro 2009 Archives

« dezembro 2008 | Main | fevereiro 2009 »

janeiro 31, 2009

Ousmane Touré...

Improviso para contornar a impaciência de Álvaro de Campos...

Um fósforo pode acender-se
no pavio da esperança
e apagar-se antes da chama
antes que arda
os comboios passam
e todos os cais são de saída
e de entrada
há multidões que viajam
na ilusão de um encontro inesperado
e que tropeçam apenas
no degrau do vento.

Ademar
31.01.2009

Mais uma peça da campanha negra e difamatória...

adel09aa2.jpg
adel09aa1.jpg
adel09aa3.jpg
adel09aa4.jpg
adel09aa6.jpg
adel09aa7.jpg
adel09aaa9.jpg
Correio da Manhã, 31.01.2009


Mais um português determinado...

preli09aa22.jpg
Correio da Manhã-Vidas, 31.01.2009

Maria de Lurdes Rodrigues, finalmente, de partida. "Foi um gosto trabalhar consigo, senhora ministra!" diz Sócrates...

Claro que o relatório da OCDE não era da OCDE, mas isso... são trocos. Sócrates é sempre muito determinado e... convincente...

A família "secreta" de um primeiro-ministro ou... esta é a campanha alegre que convém a Sócrates...

secret09aa1.jpg

irmao09aa1.jpg
24horas, 31.01.2009

Os dois irmãos fazem parte da "família secreta" de José Sócrates. Ele próprio... também. Será mais um caso de esquizofrenia familiar?!...

Esta notícia fez hoje a felicidade, ainda que efémera, de José Sócrates...

24hor09a1.jpg
24horas, 31.01.2009

Se eu não tivesse visto e ouvido, em gravação, a entrevista de Júlio Monteiro a Manuela Moura Guedes... até poderia acreditar. A verdade, porém, é que o tio de Sócrates afirmou rigorosamente o contrário daquilo que o 24horas lhe imputa. Este é o jornalismo, de facto, que convém ao ainda primeiro-ministro...

Mais uma peça da campanha negra e difamatória...

poder09aaa1.jpg
Público, 31.01.2009

Mais uma peça da campanha negra e difamatória...

exp09aaa1.jpg

exp09aaa222.jpg
exp09aaa55.jpg
exp09aaa33.jpg
(...)
Expresso, 31.01.2009

Mais uma peça da campanha negra e difamatória...

CMM09AA1.jpg

cmm09aaa5.jpg

CMM0'9AA2.jpg

cmm09aaa3.jpg
Correio da Manhã, 31.01.2009

PIN de... PINOCCHIO...

sol09aa1.jpg
Sol, 30.01.2009

Mais uma peça da campanha negra e difamatória ou... um primeiro-ministro invencível e a editorialista independente...

amar09aaa1.jpg
amar09aa2.jpg
amar09aa3.jpg
amar09aa7.tiff
amar09aaa4.jpg
Lux, 02.02.2009

Obviamente, demitam-se!... (78)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 30, 2009

Vicky Cristina Barcelona...

Não é um dos grandes filmes de Woody Allen (e ele tem tantos). Mas tem... salero. E alguns planos e alguns diálogos que não embrutecem os sentidos. Para quem não sabe, relacionalmente falando, o que é um triângulo quadrilátero... recomenda-se o visionamento de Vicky Cristina Barcelona...

Brassens...

Improviso sobre uma inspiração de Klimt...

klimt09aa22.jpg

Despes a altivez devagar
enquanto sobraças a cabeça
do homem que chegou cedo de mais
ao teu regaço
há momentos em que te sentes ainda
mais real do que isto
em que nenhum olhar se eleva
acima do teu
e os braços e as mãos
já não parecem pertencer-te
a nudez só é perfeita
quando já não tens mais palavras
para dizer o silêncio
e te devolves à servidão.

Ademar
30.01.2009

Esta notícia está assinada por uma tal Clara Barata. Também será lésbica, assumida ou não?...

isl09aa11.jpg
Público, 30.01.2009

Entenda-se a ironia do título: a orientação sexual (assumida ou por assumir) acrescentará ou diminuirá alguém?!...

O estado ou estádio a que chegou, em Braga, a "política" autárquica...

rep09aaa11.jpg
Público, 30.01.2009

Não poderemos dispensá-los a todos, poder e oposição?...

A manchete que força o feminino e amoroso editorial...

accu09aaa44.jpg
DN, 30.01.2009

Cherchez la femme!...

accu09aa1.jpg
accu09aa2.jpg
DN, 30.01.2009

Imagens para a história do segundo Ultimatum inglês...

inaug09aa11.jpg
inaug09aaa222.jpg
Sábado, 29.01.2009

O que Sócrates nunca conseguirá explicar, por mais que embargue a voz e cante o fado do desvalido. A aprovação do Freeport era um "acto estritamente necessário"? Ó senhor engenheiro, poupe-nos a estórias da carochinha...

gest09aa11.jpg


Obviamente, demitam-se!... (77)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 29, 2009

Todas as mulheres já foram lolitas...

Chegou-me por e-mail, não sei quem é o autor, mas subscrevo a causa. Desde Santana, que não me sentia, como português, tão amesquinhado e tão, delirantemente, maltratado por um primeiro-ministro!...

yes09aa1.jpg

Improviso pessoano...

Hoje abriste finalmente o baú
e estendeste sobre a cama
todos os ventos
não há memória de uma viagem assim
tão íntima
e tão lenta
esse corpo já não tem a inocência nem o pudor
dos berços originais
mas ainda treme
na vibração das cordas intocadas
na impaciência dos dedos acariciantes
que dominam a sofreguidão do tempo
que envelhece enquanto renasces
regresso ao álbum da infância
e pergunto se já lá estiveste.

Ademar
29.01.2009

Os offshores da fé...

offsss09aa1.jpg
Sábado, 29.01.2009


Senhor Primeiro-Ministro, é óbvio que eu parto do princípio de que está inocente (senão, já o teria exonerado). Mas diga-me: por quanto mais tempo é que teremos ambos de aguentar isto?...

dois09aa1.jpg

Algo que me diz que a reunião de hoje entre o Presidente da República e o Primeiro-Ministro correu muito mal. Eu, no lugar de Cavaco, estaria mesmo muito zangado...


Um editorial cuja leitura, na íntegra, recomendo e que deverá fazer parte também da campanha difamatória contra José Sócrates...

honr09aaaa555.jpg
honr09aaaaa11.jpg
honr09aaaa2222.jpg
honr09aaaa77.jpg
(...)
(...)
honr09aaa1.jpg
Público, 29.01.2009


A queda lenta de um anjo feroz, digo, de um menino de ouro...

anj09aaa44.jpg

anj09aaa2.jpg

anj09aaa1.jpg
Público, 29.01.2009

Ecos do segundo Ultimatum inglês...

ultim09aaaa4.jpg
Público, 29.01.2009

ultim09aaa1.jpg
Visão, 29.01.2009

ultim09aaa2.jpg
Sábado, 29.01.2009

ultim09aaa3.jpg
Correio da Manhã, 29.01.2009

Quanto tempo mais resistirá Sócrates? Ou... Cavaco?...
Isto começa a tornar-se demasiado penoso para todos...

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

david09aa1.jpg
David Mourão-Ferreira, Obra Poética

Obviamente, demitam-se!... (76)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 28, 2009

Improviso mais do que sagrado...

Agora
somos muitos na família
mãe
e ainda há na família
quem sorria
como se ela fosse
dizes
sagrada
talvez o sorriso que nos reúne
seja uma mesa do tamanho do universo
à volta da qual todos nos pudéssemos ainda
sentar e aquecer
como diante de uma lareira adormecida
hoje reavi as tuas mãos de linho
mãe
e voltei a pôr a mesa
para a família
de novo reencontrada
os poetas fingem sempre
que não sabem sorrir
mãe
mas é só por fora das palavras.

Ademar
28.01.2009

Segundo Ultimatum inglês: ou nos devolvem a Maddie ou faremos a vida negra ao vosso primeiro-ministro!...

ult09aa1.jpg

ult09aa22.jpg

Os ingleses nunca esquecem ou perdoam uma ofensa...

Como o futebol é tão importante para esta gente!...

mote09aa22.jpg
mote09aa11.jpg
Correio do Minho, 28.01.2009

Se fosse possível contabilizar os benefícios patrimoniais e financeiros concedidos, em 32 anos, directa ou indirectamente, por Mesquita Machado e pela Câmara Municipal "socialista" ao Sporting Clube de Braga... Portugal nunca mais quereria ouvir falar de futebol...

Fiquei hoje, finalmente, a perceber por que tantas mulheres e com tamanha frequência se queixam de dores de cabeça...

sout098aa1.jpg
Público, 28.01.2009

Se procurardes melhor, ireis descobrir que o primo de Sócrates, afinal, está a banhos nas Ilhas Caimão...

chin09aa1.jpg
chin09aaa2.jpg
Correio da Manhã, 28.01.2009
chin09aaa33.jpg
24horas, 28.01.2009

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

tang09aaaa1.jpg
tang09aaa2.jpg
Ángel González, Tratado de Urbanismo (tradução de Helder Moura Pereira)

Obviamente, demitam-se!... (75)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 27, 2009

Improviso epistemológico...

Ouço-te ainda sobre
o ruído das espiras e
c’est si bon
os leões costumam descansar assim
sobre o repouso das presas
e só a fome os desperta
a natureza oposta à poesia
e a poesia oposta à natureza
e todos os adjectivos
na fronteira.

Ademar
27.01.2009

Yves Montand, ainda...


Um dos problemas é que as vítimas raramente se queixam...

homof09aaa1.jpg
homof09aaa22.jpg
homof09aaa33.jpg
Público, 27.01.2009

Queixarem-se a quem e de quê? O bullying homofóbico é, geralmente, insidioso e cobardolas...

Depilai-vos a laser, leitores, com desconto e ide, depois, ao II Salão Erótico, do Porto...

De vez em quando, recebo e-mails muito estimulantes. Hoje, foram dois. Estes, que reproduzo parcialmente...

depil09aaa222.jpg
depil09aa1.jpg

sal09aa11.jpg
sal09aa333.jpg

Se quereis saber, exactamente, o que é a pornografia social, aqui tendes um exemplo...

mamas09aaa11.jpg
Correio da Manhã, 27.01.2009

Uma carta para a história de Braga...

braga09aaa2222.jpg
Correio do Minho, 27.01.2009

Eis uma excelente razão (sugerida pelo próprio) para, 32 anos depois, os bracarenses "baterem com a porta" a Mesquita!...

mm09aaa111.jpg
Correio do Minho, 27.01.2009

Eu também consultei as Cartas e confirmo: cuidado com os ingleses!...

myy09aa1.jpg
myyy09aaa22.jpg
myyy09aaa3.jpg
Correio da Manhã-Vidas, 24.01.2009

Overdose fatal...

over09aa11.jpg
over09aaa22.jpg
DN, 26.01.2009

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

sena09aa1.jpg
Jorge de Sena, Poesia I

Obviamente, demitam-se!... (74)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 26, 2009

Improviso sinóptico...

Ainda é cedo para cortar a noite às fatias
e servir-me de todas
ou servir-te
nenhuma noite cabe inteira na boca
mesmo a retalho.

Ademar
26.01.2009

Une cigarette aussi... Ta goulée verte c'est mon espoir qui s'allume...

Acreditais em favores políticos grátis? Eu já deixei há muito de acreditar...

favor09aa11.jpg
Público, 26.01.2009

Convém nunca esquecer que a empresa promotora do Freeport beneficiou, objectivamente, de um tratamento de favor no primeiro trimestre de 2002, quando o governo de gestão de António Guterres se apressou a facilitar a aprovação de um projecto que, até então, esbarrara em vários condicionamentos legais. Isto é... indiscutível e só por má fé ou paixão partidária se poderá sustentar o contrário. Como não acredito, a este nível, em favores grátis, sou levado naturalmente a presumir que alguém cobrou o favor. Não digo que tenha sido Sócrates, mas alguém cobrou. E é isso que eu espero que um dia se venha a saber. Doa a quem doer...

O filho queria... facturar. O sobrinho queria... apressar. Já o disse e repito: é, apenas, mais um caso de hiperactividade familiar...

factura09aaa222.jpg
(...)
Correio da Manhã, 26.01.2009


Já que estamos em maré de confissões pungentes, quero também declarar, por minha honra, que não conheço (nem tenho vontade de conhecer) José Sócrates...

charl09aaa22.jpg
chrarl09aa1.jpg
DN, 26.01.2009

Em Portugal, ainda é pior, porque passamos a vida a esperar todos uns pelos outros...

cansa09aaa1.jpg
Pública, 25.01.2009

Sabeis quantos vianenses se recusaram a votar nesta fantochada referendária, à moda do Minho? 7 em cada 10... VIVA A REGIONALIZAÇÃO!...

viana09aaa1.jpg
viana09aaa222.jpg

Em Viana, mandam os vianenses. Nos Açores, os açorianos. Na Madeira, os madeirenses...
Entendido?!...

A química da poesia...

amor09aaaaa22.jpg
amor09aaaa1.jpg
(...)
Notícias Magazine, 25.01.2009

Como sempre, uma crónica a ler na íntegra...

Sejamos optimistas, muito optimistas, ou...

mec09aaaa2.jpg
mec09aaaaa333.jpg
mec09aaaaa1.jpg
(...)
O Jogo-J, 25.01.2009

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

bob09aaa2.jpg
bob09aaa1.jpg
Bob Dylan, Canções-Volume 1 (1962-1973)

Obviamente, demitam-se!... (73)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 25, 2009

L´amour...

Improviso nostálgico sobre uma fotografia... *

aveleda09aaa1.jpg

Morreram ambos ali naquela casa
um pouco além da ponte centenária
que morreu depois deles
em quartos diferentes
que os homens e as mulheres não foram feitos
para morrer exactamente no mesmo lugar digo
na mesma cama
sobre a mesma nuvem
as mães morrem sempre devagar
porque têm um coração maior
sem o retoque da neve
e sem a via dupla
e sem a ponte centenária que já lá não está
esta fotografia poderia ser ainda
a da minha infância
a ver passar os comboios
que golfavam jornais
naquele tempo
o Primeiro de Janeiro
o Comércio do Porto
o Norte Desportivo
de quando em vez
aterravam no meio das silvas
ou ficavam suspensos do valado
e as notícias então demoravam mais a chegar
e o meu avô protestava
eu sentia-me por ele o guardador do mundo
nada acontecia que as minhas mãos não soubessem
dormi muitos anos na cama
onde morreu o meu pai
no quarto da última janela
ou seria porventura outra cama
mas o quarto era esse
a cama ainda lá está
a porta agora é que já quase nunca se abre
a casa é uma necrópole
como a memória que a retém
os comboios ainda passam ao largo
cada vez mais rápidos e silenciosos
mas já nenhuma criança
adiante daquela curva
os espera
também morri.

Ademar
25.01.2009

* Agradeço ao Dario Silva a gentileza da fotografia.

Será um crime... público?...

roubo09aaa11.jpg
O Jogo, 25.01.2009

Imperativos familiares levaram-me ontem à noite à pedreira que Souto Mouro converteu num estádio de futebol, para assistir ao duelo entre o SCB e o FCP. Tirando os primeiros 20 minutos, o SCB não jogou nada e mereceu perder. Este, porém, não é o entendimento do empreiteiro que preside aos destinos da agremiação. O SCB perdeu, não por ter jogado pior, mas porque o árbitro, uma vez mais... "roubou", validando golos irregulares e não marcando várias grandes penalidades.
Espero que o cavalheiro, em coerência, apresente queixa na esquadra mais próxima...

Como, neste país, nenhum primeiro-ministro responderá jamais "perante a justiça", espero que os eleitores, em 2009, aliviem Sócrates do fardo governamental, para que ele possa, sem mais dramatismos e de uma vez por todas, limpar a sua honra...

cristo09aaa222.jpg
Público, 25.01.2009

Confesso: estou cansado de Sócrates. A propaganda esgotou-me...

Uma excelente notícia editorial...

coa09aa1.jpg
coa09aaa22.jpg
(...)
JN, 25.01.2009

Foi o António, meu amigo, que me ensinou a interrogar a arte pré-histórica. Esta obra sobre as gravuras do Côa, escrita, como ele diz, numa linguagem que todos possam entender, será certamente um acontecimento editorial. O António não é apenas um notabilíssimo arqueólogo, mas... um poeta do invisível. O Côa é uma poética invisibilidade...

Sócrates, "um bom especialista em marketing político"?...

jaccc09aaa44.jpg
jaccc09aa1.jpg
jaccc09aa22.jpg
(...)
Notícias TV, 23.01.2009

Sócrates, aliás, não é mais do que isso. Todas as suas palavras e todos os seus gestos são milimetricamente ensaiados para produzirem um determinado efeito, publicitário e propagandístico. Aprendeu com Blair, o seu mestre, e não aprendeu mal. Menos, claro, a língua de Skakespeare, a não ser na sua versão técnica...

Eu já desconfiava que muitos alcoólicos eram homossexuais, mas hoje, finalmente, tive a confirmação científica...

alcool09aaa1.jpg
24horas, 25.01.2009

Alguém terá a generosidade de me ajudar a entender a seriedade disto?!...

tele09aaa444.jpg

tele09aaa555.jpg
(...)

tele09aaa222.jpg
tele09aaa1.jpg
24horas, 23.01.2009

Rangel, pai, liderou durante meses o projecto da ZON. Desvinculou-se dele (ou foi desvinculado) nas vésperas de terminar o prazo para a formalização das candidaturas. Entretanto, aparece in extremis um segundo projecto, liderado por Rangel (filha). E Carlos Pinto Coelho, tocado pelo Espírito Santo, deixa cair esta confissão extraordinária: que o projecto da Telecinco "será mais caro do que o que Emídio Rangel apresentou à ZON".
Isto passa-se em Portugal, no ano da graça de 2009...

Mais uma ameaça por conta de um ex-polícia ou... se me matarem, sabeis a quem endossar a factura do enterro...

ameacc09aa11.jpg

É o costume. Quando me meto com Barra da Costa, levo!...

Por que querem impedir Manoel de Oliveira de frequentar este curso?!...

anunc09aaaa22.jpg
24horas, 24.01.2009

Sede criativos, muito criativos, rapazes e raparigas! Aprendei a escrever telenovelas, aprendei a escrever! Inspirai-vos no site da empresa promotora:

Forma de Pagamento:
Após recepcionarmos a sua inscrição, enviaremos-lhe os dados para efectuar o pagamento de 50€ através de multibanco ou homebanking garantindo assim a sua reserva de participação no curso. Os restantes 245€ serão pagos no primeiro dia do curso através de dinheiro, cheque ou multibanco. No caso de querer utilizar facilidades de pagamento deverá contactar-nos previamente
.

Quatro machos felizes ou... machos, mais machos, não há...

euro09aaa122.jpg
24horas, 24.01.2009

Ainda há rapazes, pelos vistos, que confundem o pénis com o nariz...

pear09aa11.jpg
Correio da Manhã-Vidas, 24.01.2009

Miniatura (3)...

fui visitada pelo mundo, ontem
ao cair da noite, entrei
olhámo-nos dentro do útero

Ana Saraiva

Obviamente, demitam-se!... (72)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 24, 2009

Improviso ferroviário...

Da varanda do quarto da minha infância
todos os comboios chegavam
todos os comboios partiam
e só eu ficava
a minha infância era uma cidade
que os comboios não atravessavam
nessa idade
eu tinha mapas nos olhos
que soletravam viagens
e ainda não sabia
que todos os cais terminavam
nos braços infinitos da água.

Ademar
24.01.2009

Miniatura (2)...

os ideais que nos animam são intraduzíveis
falaremos disso amanhã na mesa-redonda
com os outros seis mil milhões

Ana Saraiva

Miniatura (1)...

poderia amar, sim
alguém que viajasse
pelo mundo em mim

Ana Saraiva

Como não há professores de inglês, contentai-vos com "expressão dramática"...

souto09aa1.jpg
Diário do Minho, 24.01.2009

Esta foi a primeira escola que frequentei. Esta também foi a "escola primária" do meu filho Francisco. Fica no centro histórico de Braga, a poucos metros da Sé, e há muito que impende sobre ela a ameaça (nem sempre velada) de extinção. É, porém, no país, uma das poucas escolas do 1º ciclo do Ensino Básico (escola estatal, note-se) que tem... identidade. E qualidade. O problema é que a maior parte das câmaras municipais deste jardim à beira-mar plantado (como a de Braga) costuma dar mais atenção ao futebol e ao imobiliário do que à educação. E esta escola está a prejudicar o "investimento" numa das áreas mais sensíveis do centro da cidade. Daí que a Câmara "socialista" (desde 1977) lhe coloque permanentemente dificuldades. Já era assim no tempo em que integrei a direcção da Associação de Pais. Nada, pelos vistos, depois, se alterou. A sobrevivência desta escola é quase um milagre de resistência cívica...

Uma fotografia oportuna e um depoimento que até faz chorar as pedras da calçada...

free09aaa20.jpg
free09aaa16.jpg
free09aaa18.jpg
Público, 24.01.2009

Se os ingleses não se tivessem interessado pelo caso, o caso já teria deixado de ser. Que Deus me perdoe não levar nunca a sério o senhor procurador general (Monteiro, também, de apelido)...

Uma pausa higiénica para explicar Brahms a musas discretas...

Convenhamos que o governo e a banca também devem muitas atenções a este mecenas e benemérito...

joe09aa11.jpg
Expresso, 24.01.2009

Mr. Smith (desaparecido) e o primo de Sócrates, que lhe enviou um e-mail a "cobrar" atenções...

smith.jpg

free09aaa1111.jpg

free09aaa13.jpg
free09aaa14.jpg
Expresso, 24.01.2009

Cada vez compreendo melhor o drama de Sócrates, coitado. Tem uma família hiperactiva...

Portugueses, alegrai-vos! Sócrates desmentiu, categoricamente, tudo! A honra da pátria está salva!...

free09aaa8.jpg
free09aaa10.jpg
DN, 24.01.2009

Não partilho, em matéria de apreciação da força probatória de desmentidos, o entusiasmo do meu amigo Vital Moreira. Tenho sempre tendência para, nestas alturas, recordar Richard Nixon e o caso Watergate. Sabeis quantas vezes ele negou categoricamente tudo?!...


O misterioso caso da "coisa confidencial" não revelada...

free09aaa1.jpg
free09aaa7.jpg

free09aaa5.jpg
(...)
free09aaa2.jpg
free09aaa3.jpg
Sol, 24.01.2009

A entrevista acaba assim, desta forma abrupta. Deve ser... estilo. Ou então: descubra na próxima edição do Sol "a coisa confidencial" que o tio de Sócrates nos revelou...

Mulheres portuguesas: se não tendes um marido ou um amante rico, lamentai-vos!...

orggg09aa11.jpg
Sábado, 22.01.2009

Restaure-se a tradição: que as Madalenas voltem a servir de Cónegas e as Cónegas, de Madalenas...

semsant09aa11.jpg
semsan09aa222.jpg
redac09aa11.jpg
(...)
Correio do Minho, 23.01.2009

Já havia a procissão de Nossa Senhora da Burrinha, o Lava-Pés, a Procissão do Enterro, os farricocos e o mais que o horror tece, para deleite da turistada. Não era carga bastante. Agora a Senhora das Dores encontrar-se-á com o seu filho a caminho do Calvário, talvez na Rua de Santo António das Travessas, de tão grata e pecaminosa memória para os antigos seminaristas (esta é uma piada que só os bracarenses mais antigos entendem). Espero que os promotores da farsa não se esqueçam também de encenar, dramaticamente, a flagelação de Jesus e a lapidação de Salvador (refiro-me, obviamente, ao treinador e ao presidente do SCB).
Gomorra foi destruída por muito menos...

Obviamente, demitam-se!... (71)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 23, 2009

Une petite cantate...

Improviso na sombra de Apollinaire...

Sim confesso há palavras
que eu não sei ainda traduzir
palavras que me caem das mãos
como anéis desiludidos
e que me antecedem no tempo
de te imaginar
uma harpa sem cordas
talvez apenas o caixilho de uma ilusão
que entretém o pensamento
antes do desejo.

Ademar
23.01.2009

Que versão, que tempo?...

Saia mais um aval financeiro para a mesa da Qimonda!...

qim09aa1.jpg

Sócrates garantiu hoje, mais uma vez, que fará tudo o que estiver ao seu alcance, digo, ao alcance do governo português, para salvar a Qimonda. Ao contrário, pelos vistos, do governo alemão. O governo português parece, actualmente, uma espécie de Santa Casa da Misericórdia de todas as empresas falidas. Se eu fosse empresário, juro, não esbanjaria esta oportunidade...

Iberdrola, Freeport, etc... Nada se perde, nada se cria, tudo se transforma...

iberdr.jpg
Expresso-Revista, 1332, 9.Maio.1998

Lembrai-vos? Este rapaz saltou, em bom tempo, do Partido Comunista para o Partido Socialista e do Partido Socialista para o governo de António Guterres e do governo de António Guterres para a Iberdrola. Hoje, vi-o ao lado de Sócrates, em Chaves, na sessão pública de apresentação do projecto hidroeléctrico do Alto Tâmega, arrematado (a quem havia de ser?) à Iberdrola. Ao mesmo tempo, na TVI, o tio de José Sócrates contava como mobilizara o sobrinho (que, em bom tempo, saltou da JSD para o PS e do PS para o governo de António Guterres) para desbloquear o processo Freeport. Tudo na mais estrita legalidade, presume-se. Presunção que Sócrates, aliás, se apressou a confirmar. Quantas vezes já vimos, em Portugal, este filme?...

Uma questão, apenas, de decoro (profissional)...

canci09aa111.jpg
canci09aa333.jpg
DN, 23.01.2009

Fernanda Câncio deveria poupar-se e poupar-nos... a equívocos. E, sobretudo, deveria poupar o seu amigo José Sócrates a embaraços, emitindo opiniões sobre a actividade do primeiro-ministro ou do líder do PS que, como ela deverá ter consciência, nunca são lidas e escrutinadas, apenas, pelo que exprimem, mas pelo que poderão indiciar. Este editorial, por exemplo, parece uma extensão de uma conversa privada, quase uma espécie de ajuste de contas. Vês, Zé? Eu não te dizia que?!...
Eu sei que Fernanda Câncio é jornalista e tem de ganhar a vida. E ainda bem (para ela e para o país) que ganha a vida como jornalista e não como assessora do primeiro-ministro. Mas, por isso mesmo, ficar-lhe-ia bem que, informalmente, não confundisse os papéis. E, sobretudo, que não desse azo a apreciações que, profissionalmente, a diminuem. É uma questão de bom senso e de... decoro...


A "Mito Selvagem" e as empresas "sedeadas"...

famili09aa11.jpg
Público, 23.01.2009

Pelos vistos, dada a repetição, não é gralha, mas erro: "sedeadas" por "sediadas".
Percebi hoje, ao ler esta notícia, donde vem a tão apregoada vocação de Sócrates para... animal feroz...


A memória não tem futuro - convém ir anotando.... (4)

actores09aa1.jpg

Eu já não ponho as mãos no fogo por ninguém. Muito menos, por socialistas...

tio09aa11.jpg
Correio da Manhã, 23.01.2009

tio09aa44.jpg
DN, 23.01.2009

tio09aa22.jpg
tio09aa33.jpg
24horas, 23.01.2009

Já houve um tempo em que eu confiava em toda a gente e era gozado por isso. Depois, fui vendo, ouvindo, lendo, investigando, perscrutando. E desconfiando cada vez mais. Hoje, sei que a maior parte dos nossos políticos (sobretudo, à direita e no PS) é capaz de quase tudo. E notícias como esta já não me surpreendem. Não sei se Sócrates fez coisas que não devia. Mas parece. Se não tem nada a esconder, só poderia convir-lhe que tudo, de uma vez por todas, se esclarecesse e rapidamente O que, em Portugal, já se sabe, jamais acontecerá...

Minhas senhoras e minhas senhoras e minhas senhoras e minhas senhoras, é com muito prazer e muito orgulho de género que vos apresento Sua (deles) Excelência, o MACHO!!!!!!!!!!

bbbbbbbb09aaa11.jpg

tipo109aa1.jpg

tipo209aa2.jpg

tipo409aa4.jpgtipo309aa3.jpg

tipo509aa5.jpg

tipo609aa6.jpg
Visão, 22.01.2009


Obviamente, demitam-se!... (70)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 22, 2009

Por tudo isto, o silêncio ou... que saudades eu tenho deste homem, deste cantor, deste compositor, deste poeta, deste maestro da vida!...

Improviso sob Ferré...

Sonhas-me mãos de veludo
nas esquinas sombrias da imaginação
e eu que tenho mãos
em que apenas circula um sangue antigo
que nunca enregela
nem na memória do veludo
mãos que viajassem por ti devagar
se ainda fosses um território
em que se pudesse viajar
mais de que um deserto
ou um campo de mistérios
ou o mar sempre indolente
que nem a lua desperta
é preciso saber navegar
para não perder o rumo das almas
quando as almas se encontram
no convés do desespero
se o desespero não fosse
uma forma superior do medo
como dirias
se não tivesses pensado exactamente
o contrário
sonhas-me gestos derramados de uma voz
que nunca ouviste
nas esquinas sombrias da imaginação
e eu que tenho uma voz
em que apenas circula um sangue antigo
que nunca enregela
nem na infinitude do teu silêncio.

Ademar
22.01.2009

Este rapaz (Sócrates) começou hoje a perder a cabeça...

freeppp09aa2.jpg

freep09aa11.jpg

Vi-o e ouvi-o, esta noite, em todas as televisões. Insinuando também. Que o calendário da justiça parece acompanhar o calendário das eleições. E que a investigação desencadeada pelas autoridades judiciais só pode, naturalmente, por isso, ter... insidiosos objectivos políticos. Ele não disse isto, mas... insinuou. Para bom entendedor...
Sócrates, esta noite, perdeu a face. Digo: a cabeça...

Rive Gauche...

Cursos Profissionais: "qualidade interna e externa" ou... elogio da esquizofrenia...

cp09aaa11.jpg
cp09aaa22.jpg
cp09aaa33.jpg
Público, 22.01.2009

Avaliar a qualidade "interna e externa" dos cursos profissionais? Estarei muito atento aos critérios de aferição dessa... qualidade.
Valter Lemos teve uma visão quase antropológica: ele considera que "a matriz liceal não está inscrita nos genes dos professores". Se ele fosse capaz de pensar "psicossociologicamente", mudaria de opinião: a "matriz liceal" está inscrita na memória de formação dos professores e nos fundamentos organizacionais do currículo do ensino secundário e das respectivas escolas.
De resto, nem precisaria de pensar muito em termos "psicossociológicos": bastaria que consultasse os "programas" das principais disciplinas dos Cursos Profissionais (consultáveis a partir daqui). Por exemplo, o programa da disciplina de Português, da chamada "componente de Formação Sociocultural". Repare-se.

Nos módulos 1, 2, 3 e 4, os professores (digo, formadores) deverão, por exemplo, "conduzir" os formandos (que, em muitos casos mal sabem ler e escrever) à compreensão do "Funcionamento da Língua", tendo em atenção, entre outros, os seguintes aspectos:

Semântica frásica
– Valor semântico da estrutura frásica
– Referência deíctica
. deixis (pessoal, temporal e espacial)
. anáfora e co-referência
. Pragmática e Linguística textual
– Interacção discursiva
. discurso
. força ilocutória
. princípios reguladores da interacção discursiva
– Adequação discursiva
– Reprodução do discurso no discurso
. modos de relato do discurso
. verbos introdutores de relato do discurso
– Texto
– Paratextos
– Tipologia textual

Nos módulos 5, 6, 7 e 8, a ementa não difere muito da anterior:

. Fonologia
– Nível Prosódico
. constituintes prosódicos
– frase fonológica
. entoação
. pausa
– Processos fonológicos
. Inserção, supressão e alteração de segmentos
. Semântica frásica
– Referência e predicação
– Expressões nominais
. valor dos adjectivos
. valor das orações relativas
. valores referenciais
– Expressões predicativas
. tempo e aspecto
. modalidade
. Pragmática e Linguística textual
– Interacção discursiva
. força ilocutória
– Processos interpretativos inferenciais
. pressuposição
. implicitação conversacional
. figuras
– Texto
– Paratextos
– Tipologia textual

Nestes módulos (5, 6, 7 e 8), os formandos (muitos deles, repito, pouco mais do que analfabetos) deverão ler:

- o Sermão de Santo António aos Peixes, do Pe António Vieira (excertos)
- Frei Luís de Sousa, de Almeida Garrett (leitura integral)
- um romance de Eça de Queirós (leitura integral)
- poesia de Cesário Verde
- textos informativos diversos e dos domínios transaccional e educativo: artigos científicos e técnicos
- Fernando Pessoa, ortónimo e heterónimos
- Camões e Pessoa: Os Lusíadas e a Mensagem
- Felizmente Há Luar, de Luís de Sttau Monteiro (leitura integral)
- Memorial do Convento, de José Saramago (leitura integral).

Este programa é, praticamente, decalcado do programa de Português dos cursos orientados para o prosseguimento de estudos, os tais cursos cuja matriz curricular é ainda a liceal. Depois acresce que os professores (digo, formadores) dos cursos profissionais são, na maior parte dos casos, os mesmos professores que preparam os outros alunos do secundário para os exames e os correspondentes rankings. Valter Lemos acredita numa espécie de ficção esquizofrenizante. Conforme as "turmas", os professores seriam mais liceais ou menos liceais. Às 8:30, por exemplo, ajudariam os alunos de um curso de carácter geral a entender o Memorial numa perspectiva eminentemente liceal (tendo sempre em conta o exame que aí vem); às 10:15, acompanhariam os formandos de um curso profissional no entendimento do Memorial numa perspectiva menos liceal (tendo em conta a próxima inserção dos mesmos na vida activa). Julgais que isto é uma caricatura? Não. Isto passa-se exactamente assim todos os dias nas escolas secundárias, porque são raros os professores, por exemplo, de Português, que têm apenas "turmas" profissionais.
Valter Lemos, se ainda tiver tempo para isso, vai ter mesmo muito que avaliar...

Declaração de interesses: sou, com muita honra e muito prazer profissional, director de um Curso Profissional numa escola secundária.

Tomada de posse de Obama inspira, em Portugal, cópula canina (ou terá sido, simplesmente, intercessão de Nossa Senhora de Fátima?)...

kkkko09aa22.jpg
Correio da Manhã, 22.01.2009

Diverti-vos a cruzar estas capas...

visa09aa1.jpg
Visão, 22.01.2009
visa09aa22.jpg
Sábado, 22.01.2009

Como dizia o outro... um país a duas velocidades...

pensio09aa11.jpg
pension09aa22.jpg
(...)
24horas, 22.01.2009

Só 15.000 euros de pensão por mês, a acrescer ao ridículo "salário" de autarca que nem chega aos 6.000 euros mensais? Pobre Mário Almeida, meu querido colega (presumo que também titular). Como uma vida inteira dedicada ao serviço público quase te conduziu ao limiar da indigência...
Portugal é isto...

Mais uma vítima de Equador...

compridos09aa1.jpg
24horas, 22.01.2009

VIVA A REGIONALIZAÇÃO!!! ou... Por que não geminam Penafiel com Paris... Texas?!...

paris09aa33.jpg
paris09aa22.jpg
DN, 20.01.2009

Os velhinhos são levados a Fátima e os Presidentes de Junta, a Paris. Espero que os senhores autarcas tenham aproveitado bem esta borla municipal, porque, já se sabe, em tempos de crise financeira, não se pode abusar da pornografia...
Noto, na fotografia grupal, uma ausência: a do insigne presidente da Assembleia Municipal de Penafiel, António Bernardo Aranha Gama Lobo Xavier...

loboxxx.jpg

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

judic09aa1.jpg
Nuno Júdice, Pedro, Lembrando Inês

Obviamente, demitam-se!... (69)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 21, 2009

Para que ninguém possa dizer que não sou, politicamente, romântico...

Cimeira Ibérica, mas não em Zamora...

Improviso para voltar a dizer carpe diem...

Antes temia o convite
da página em branco
ou da tela vadia
hoje dos olhos
que despem lentamente as palavras
e as suam por dentro
as perguntas
os silêncios
as paixões soletradas
ainda ao ritmo do desejo
escrevo talvez para que ames
apenas a poesia
que todas as noites te visita
nesta casa que agora pertence a ninguém
e já foi tua.

Ademar
21.01.2009


O milagre de uma fotografia futebolística: um grande mergulho do guarda-redes, sem bola e sem baliza...

fotofut09aa1.jpg
fotots09aa1.jpg
Público, 21.01.2009

Claro que as declarações de Teixeira Santos são, neste contexto de frenesim futebolístico, o maior e o mais admirável dos milagres...

Ainda há ministros decentes...

teix09aa22.jpg
Público, 21.01.2009

Com raríssimas excepções, o futebol, em Portugal, é a escória e vive, quase permanentemente, à margem do fisco, acumulando dívidas sobre dívidas. Teixeira dos Santos disse o que qualquer português decente. ministro ou não, terá sempre vontade de dizer...

Corações ao alto, machões lusitanos! A mulher mais sexy de Portugal, digo, do Jornal da Noite, da SIC, está novamente disponível para... AMAAAAAAAAARE!...

cla09aa1.jpg
24horas, 21.01.2009


E que mais terá ele feito antes?!...

cla09aa2.jpg
24horas, 21.01.2009

Espero, pelo menos, que tenha tomado banho. A Casa Branca não costuma recomendar-se à higiene...

Desconfio que estes cães andam a pensar demasiado na pátria ou em Sócrates e só por isso é que não fizeram ainda o que todo o mundo cristão está à espera que façam...

kai09aa1.jpg
kai09aa2.jpg
Correio da Manhã, 20.01.2009

Se se despisse para a Playboy, esta rapariga não teria tanta audiência...

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

adelia09aa1.jpg
Adélia Prado, Bagagem

Obviamente, demitam-se!... (68)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 20, 2009

Suavemente, pois claro...

Improviso em forma de banda desenhada para Barack Obama...

Hoje falo contigo
de homem para homem
digo
de branco para branco
ou se preferires
de preto para preto
nenhuma cegueira é mais cívica
do que esta
que não distingue a cor das epidermes
imagina
sou ainda do tempo de Harry Truman
já não puxei o lustro a Enola Gay
nem embalei o Little Boy
nasci depois
quando os comunistas começaram a comer criancinhas
à mesa do Senador
e devo em parte ao avô Dwight
ironia das ironias
ter sobrevivido ao feitiço das bruxas
embora ainda hoje esteja a pagar o crédito
das migalhas do general
fui adolescente com John
brinquei com ele na sala oval
aos meninos e às meninas
e chegámos até a projectar uma viagem secreta
à Indochina com Marguerite Duras
que Dallas abortou
foi com o tio Lyndon
que descobri finalmente Hollywood
e aprendi a soletrar à portuguesa Vietname
Watergate como sabes veio depois
com a liberdade de imprensa
e o 25 de Abril
e andei tão entretido por cá
que nem dei conta de que a Ford
entretanto
nacionalizara a Casa Branca
acordei a comer amendoins
mas foi uma experiência efémera e patética
depressa descobri
que o western saloon era a mais perfeita metáfora
da América dos pais fundadores
e um qualquer Charles Wilson
a partir do Texas digo do Congresso
era capaz de derrubar em dois tempos o império do mal
e foi assim que chegámos à família Bush
pai e filho armas e petróleo e betão armado
e não falo do espírito santo
porque a mulher do espírito santo
encomenda-te agora ao universo
de homem para homem
digo
de branco para branco
ou se preferires
de preto para preto
peço-te
quando te lembrarem que és
o quadragésimo quarto presidente
dos Estados Unidos da América
refugia-te humildemente numa tela
de Andrew Wyeth
esta por exemplo
Andrew Wyeth.jpg
e sorri.


Ademar
20.01.2009

Nojo...

vives na rua e todos os dias te lavas nela
cospes como um cão cuspiria
há muito tempo que não ris
falas com as latas
as brigadas de socorro
e um ou outro passante
não sei onde defecas
não sei onde sonhas
sei, às minhas custas
e a expensas biográficas
que rejeitaste a água aberta
por onde passaram os meus lábios
nojo de mim?
nojo de mim!
nojo do teu corpo indefeso
perante a minha clara mundanidade
insisti, menti, que a água era virgem
menti, no meio de restos de massa
de cobertores queimados, de pacotes
e plásticos e tecidos que foram roupa
que a água era virgem e a minha intenção impoluta
não te soube explicar que vinha de uma festa agradável
onde copos e bocas e olhares se tocam ritualmente
não te pude dizer que o nojo nos pertence todo a nós
que nos lavamos compulsivamente da porcaria que fazemos
recusaste e tinhas sede
nojo de mim!

Ana Saraiva

O futebol, sempre, entre o crime e a expiação...

fut09aa1.jpg
Correio da Manhã, 20.01.2009
mafi09aa2.jpg
Record, 20.01.2009

Em Portugal, o futebol fora das quatro linhas é muito mais divertido do que dentro...

Era isto, exactamente, o que Sócrates pretendia...

miss09aa11.jpg
gaysss09aa1.jpg
Correio da Manhã, 20.01.2009

É preciso distrair as atenções do que verdadeiramente dói aos portugueses...
A igreja dita católica vai colaborar na farsa...
E tudo se resolverá a bem antes das eleições. É uma questão, apenas, de... nomenclatura...

Foi você que chamou a polícia?!...

pais09aa1.jpg
pais09aa22.jpg
(...)
DN, 20.01.2009

Maria José Viseu, em nome dos PAIS, apela à intervenção do PR. Albino Almeida, também em nome dos PAIS, ameaça as escolas com os tribunais (e talvez com a polícia). Ah! ontem parece que houve uma greve nacional de professores!...
O DN faz o que pode para ajudar Maria de Lurdes Rodrigues, a ministra fetiche de Sócrates...

Peço, humildemente, desculpa a todos os leitores, mas...

opin09aa1.jpg

obpu09aa1.jpg

Isabel da Nóbrega e José Saramago ou... de como Mariana Amália se converteu em Blimunda...

saram09aa11.jpg
(...)
saram09aa1.jpg
saram09aa2.jpg
saram09aa6.jpg
saram09aa3.jpg
saram09aa10.jpg
saram09aa5.jpg
saram09aa8.jpg
(...)
Sol-Tabu, 17.01.2009

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

gmtav09aa1.jpg
Gonçalo M. Tavares, 1

Obviamente, demitam-se!... (67)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 19, 2009

Ante-luz...

tanto tempo ainda nesse rosário
dedilhas e percorres cada conta
e os vales sugestivos entre elas
contemplas e entregas-te
ele é incorpóreo e leva-te
até à plena ressurreição
podes morrer um pouco
um pouco mais
nesse íntimo que te perde
dentro das águas
que são as tuas,
mulher-da-luz

Ana Saraiva

Improviso antes que amanheça...

Há uma medida de luz
para o olhar
fora do corpo
nenhuma claridade se abre assim
ao excesso dos diafragmas predadores
escrevo entre as sombras
e aí descanso e distraio as palavras
para não perder nunca
a certeza do meu próprio horizonte
esse lugar onde me descubro sempre
desatento e imprestável ao sol.

Ademar
19.01.2009

A morte estúpida e sempre monótoma...

A inefável coerência de Mário Crespo...

meaculpa09aa1.jpg
cres09aa111.jpg
cresp09aa33.jpg
JN, 19.01.2009

Um arrependido volta sempre ao lugar do pecado...
Sabeis quem Mário Crespo entrevistará esta noite na SIC? Exactamente: Luís Gomes, o "pai afectivo" da pequena "Esmeralda"!...

Nem a prometida glória da pátria os excita! Dão-se bem (a Coral e o Kai), mas ainda não aconteceu nada (pelo menos, em público)...

caes09aa11.jpg
caes09aa33.jpg
Correio da Manhã, 19.01.2009


Mais competências para Mesquita Machado, Valentim Loureiro, Isaltino Morais, Fátima Felgueiras e "tutti quanti" e mais 5 regiões, a somar à Madeira e aos Açores. Uma excelente razão, mais uma, para votar em Sócrates...

regiona09aaa2.jpg
Correio da Manhã, 19.01.2009

Região Norte, para Mesquita Machado ou Valentim Loureiro; Área Metropolitana do Porto, para Pinto da Costa ou Narciso Miranda; Região Centro, para Fernando Ruas ou Gilberto Madail; Área Metropolitana de Lisboa, para Isaltino Morais ou Santana Lopes; Região Sul, para Mendes Bota ou Hermínio Loureiro. Isto, claro, sem contar com os actores das telenovelas, os ex-inspectores da PJ, os apresentadores televisivos, os treinadores de futebol e os presidentes dos clubes, as Mayas, os Quintinos, os Gato Fedorento, os Quim Barreiros, os Toys, etc, etc, etc...
Eis mais uma reforma que promete...

A Geira Romana e o Francisco Sande Lemos...

geirar09aa1.jpg

geira09aa3.jpg

fsl09aa1.jpg
fsl09aa2.jpg
fsl09aa3.jpg
Público, 19.01.2009

Se bem me lembro, acho que conheci a Geira Romana depois de ter conhecido o Francisco Sande Lemos. Pela Geira, foi fácil apaixonar-me. Pelo Francisco, nem por isso. Muitas vezes, me irritei com ele. O Francisco Sande Lemos, frequentemente, como se diz na gíria, dava uma no cravo e outra, na ferradura. E nem sempre deu a cara como se impunha, quando já não tínhamos mais do que a cara para dar de penhor por aquilo em que acreditávamos. O Henrique, o António, o Eduardo e tantos mais que, nesse tempo, faziam parte da "seita" da ASPA (e outros já morreram)... sabem muito bem ao que me refiro. Com a passagem dos anos, o progressivo alijar de responsabilidades "políticas" e a estabilização académica, o Francisco Sande Lemos endureceu a coluna vertebral e tornou-se menos... enguia. Agora que se aposentou e já pode fazer e dizer o que lhe apetece, o Francisco está cada vez mais próximo daqueles que, noutros tempos, apelidava de radicais. Registo com agrado a metamorfose e saúdo o seu ingresso no pelotão dos inconformados...
Quanto à Geira Romana, uma das primeiras causas patrimoniais por que me bati, é com muito reconforto interior que vejo que valeu a pena o combate. Poucos poderão imaginar como ele foi, pessoalmente, tão marcante...

Estes professores não apenas fizeram greve, oferecendo ao Estado um dia de salário, como pagaram do seu bolso uma "publicidade" de página inteira num diário regional...

comun09aa1.jpg
comun09aa2.jpg

com09aa1.jpg
com09aa2.jpg
com09aa3.jpg
com09aa4.jpg
Diário do Minho, 19.01.2009

Foi nesta escola, que já foi Comercial e Industrial, que estudou, há muitos anos, o meu pai. Tiro o chapéu aos colegas que decidiram, desta forma, afrontar o ME em mais um dia de greve nacional de professores...

Não coloques tantas coisas no cenário que ainda cais do teleponto, pá!... Perdão (queria escrever): Não coloques tantas coisas no teleponto que ainda cais do cenário, pá!...

telep09aa11.jpg
JN, 19.01.2009

Sócrates esqueceu-se de prometer a criação líquida de mais 200.000 postos de trabalho. Só assim a piada seria completa...

telep09aa33.jpg

Este artista é que sabe como se faz...

nuncrat09aa666.jpg
nunocr09aa77.jpg
(...)
nunocra09aa1.jpg
nunocr09aa66.jpg
nunocr09aa5.jpg
(...)
Notícias Magazine, 18.01.2009

Tem tantas certezas este rapaz! Escrevo "rapaz" sem ironia, nem acinte, até porque temos ambos a mesma idade. Mas a verdade é que, pedagogicamente falando, Nuno Crato não cresceu. Ele continua hipotecado a uma memória de escola (e de ensinança) que é já do domínio da pura arqueologia. Já ninguém aprende como ele julga que se deveria aprender. A televisão, primeiro, os computadores, depois, e a internet, mais recentemente, operaram uma profunda e "insidiosa" subversão dos mecanismos de concentração, de compreensão e de aprendizagem das crianças, dos adolescentes e dos jovens. A "aula" tradicional, centrada no magistério e na autoridade incontestáveis do professor, não passa hoje de um rito obsoleto, que aproveita a quase ninguém. Esta observação não decorre da leitura dos "pedagogos românticos": decorre simplesmente da experiência profissional. Os alunos, em geral, têm hoje uma enorme dificuldade em prestar atenção e ouvir os professores e entender o que eles dizem. Eu próprio, quando vou a uma universidade ouvir os "sábios", quase sempre, ao fim de cinco minutos, já desliguei e estou a pensar noutras coisas. Pouca gente tem hoje (como Obama, por exemplo, parece ter) o dom da palavra e da comunicação e da persuasão. Os verbos "ensinar" e "aprender" não significam hoje o que significavam antes. E isto Nuno Crato ainda não percebeu...
Claro que, como se converteu, entretanto, numa vedeta mediática... até já consegue passar por... eminente pedagogo, quando não, por sábio. Em terra de cegos...

Obviamente, demitam-se!... (66)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 18, 2009

La Femme des Sables...

Improviso confidencial...

Os machos em geral não entendem
que quando uma fêmea confessa
que anda com muita energia
isso não significa
pelo menos necessariamente
que ande com tesão e com vontade de foder
os machos aliás
também em geral
percebem muito pouco de fêmeas
e dos seus estados ou estádios de alma
refiro-me ao râguebi naturalmente
já imagino que vais dizer
que o teu amante parcial
esse que tem uma casa de mulher
e só veste roupa azul e conservadora
palavras tuas
merecia uma entrada porventura
menos gongórica
e que o sangue pedido
tarda a escorrer da tela
se queres mesmo sangue
dir-te-ei que ainda não percebi
quando me fazes certas confidências
sobre sindicalistas aéreos
se estás a tentar-me ao ciúme
ou ao ménage à trois
com legendas em japonês.

Ademar
18.01.2009

Dois professores que, amanhã, não farão greve...

cabr09aa222.jpg

cabrr09aa1.jpg

cabr09aaa444.jpg
Diário do Minho, 17.01.2009

O Mário Cláudio que me perdoe, mas os meus olhos, ao recolherem-se nesta fotografia, fixaram-se nos personagens centrais, ambos com as mãos cruzadas sobre o baixo ventre: à esquerda, o António Leite, ex-dirigente do Sindicato de Professores do Norte (FENPROF) e, actualmente, Director Regional Adjunto de Educação do Norte; à direita, o João Sérgio Rodrigues, ex-coordenador do Centro de Área Educativa de Braga e, actualmente, coordenador da Equipa de Apoio às Escolas do Alto Cávado. Conheço bem um e outro e devo confessar que sou amigo do João Sérgio, de quem fui, profissionalmente falando, colega de escola, há cerca de 20 anos. Não está aqui em causa o apreço que, pessoalmente, eu possa ter por eles. Nesta altura, o António Leite e o João Sérgio executam uma política educativa que eu considero profundamente errada. E, ao deter os olhos nesta fotografia, não posso deixar de recordar que, ainda há não muito tempo, partilhávamos, no essencial, os mesmos princípios e os mesmos objectivos em matéria de política educativa. Eu não mudei. Terão eles mudado?...
Não sei há quantos anos o António Leite e o João Sérgio não são professores, digo, não interagem diariamente com alunos e não acompanham, diariamente, numa escola, os dramas, as frustrações, as ilusões, os cansaços, os problemas dos colegas. Sei, apenas, porque já passei por essa experiência de distanciamento, que os professores que perdem, por muito tempo, o contacto com as realidades escolares mais íntimas tendem a desenvolver, frequentemente, percepções enviesadas que, pouco a pouco, os vão inibindo de entender o verdadeiro impacto das políticas que executam. Digo isto com mágoa, porque tenho a certeza de que o António Leite e o João Sérgio, se, nesta altura, estivessem efectivamente a desempenhar funções docentes numa escola, amanhã também fariam greve...

Maresias...

fio-me numa aparência de verdade
os olhos brilham
sigo-os até à lâmpada e calculo
densidades e ângulos
que aprendi com Stendhal
parecem verdadeiros
os mares que neles se anunciam

Ana Saraiva

Pedagogia no fio da navalha ou... mais uma facada na escola... inclusiva...

faca09aa1.jpg
Correio da Manhã, 17.01.2009

Olho por olho, dente por dente, risco por risco...
As antigas "facadas no matrimónio" tinham muito menos impacto mediático, digo, simbólico...


Vá a um psicólogo (clínico) antes que mate alguém!...

psiccc09aa1.jpg
24horas, 18.01.2009

Imagine-se o que poderia acontecer se esta vingativa, em vez do Dr. Quintino, tivesse consultado a Dra. Maya...

Hollywood na White House ou... e o cão... também será "cool"?...

cool09aa55.jpg
Pública, 18.01.2009

O meu ateísmo rejeita, epidermicamente, todas as pulsões hagiográficas, a norte a a sul do equador. Peço desculpa...

cool09aa1.jpg
Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa


Please, no more graças e piadas about the technical english of our prime-minister!...

ingll09aa11.jpg
Sol, 17.01.2009

Sócrates é, apenas, um bem-humorado falante em inglês técnico. Eu, pelo menos, divirto-me sempre imenso a rever este vídeo absolutamente genial...

QUE NINGUÉM FURE A GREVE, AMANHÃ! Eu sei que há professores que têm medo. Eu sei também que há professores que contam os cêntimos. Mas o país e o governo precisam de perceber, uma vez mais, que os professores não são feitos da mesma matéria dos moluscos..

grev09aa111.jpg
grev09aa333.jpg
grev09aaaa1.jpg
grev09aa33.jpg
Sol, 17.01.2009

Alegrai-vos, portugueses! Se Deus quiser, a partir de terça-feira, teremos um compatriota na Casa Branca...

cao09aa22.jpg
Notícias Sábado, 17.01.2009

Espero que, na hora de baptizarem o Portuguese Water Dog, as filhas de Obama escolham um nome tipicamente português. Por exemplo: Magalhães...
Deus nos livre de se inspirarem na filosofia grega!...

cao09aa11.jpg

Uma certa crise criativa...

unic09aa1.jpg
Expresso-Única, 03.01.2009
unic09aa2.jpg
Expresso-Única, 17.01.2009

Poderá não parecer, mas a capa de baixo tem o mesmo fundo (preto) da capa de cima. O pomposamente designado "director de arte" limitou-se a limpar a imagem de uma fechadura e a colocar, no seu lugar, ao centro, cinco maiúsculas (NEGRO) que, aliás, mal se distinguem do fundo. Uma vez mais se comprova a tese de Lavoisier: "Na Natureza, nada se cria, nada se perde, tudo se transforma"...

Obviamente, demitam-se!... (65)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 17, 2009

Improviso para renegar o esquecimento...

Na idade em que comecei a oscilar do umbigo
todos os meus amigos eram da extrema-esquerda
quando ser de esquerda não era mais do que um imperativo ético
ou uma pulsão libertária
alguns diziam-se em segredo comunistas
porque naquele tempo de tantas surdinas e censuras
o comunismo que o tempo nos consentia
não passava ainda de uma trincheira de desprendimentos
uma bondade uma coragem
e no dialecto marxista que então usávamos
éramos todos burgueses
digo
inimigos de classe de nós próprios
hoje
já quase não tenho amigos de esquerda
estão todos entretidos a coçar o umbigo
à porta do bordel da democracia
servindo de proxenetas.

Ademar
17.01.2009

A "suave" retractação de Madrinha...

mad09aa400.jpg
estranh09aa1.jpg
Expresso, 17.01.2009

Madrinha é um pândego. Se os leitores do Expresso não estranharam, se Ricardo Costa não estranhou, se Henrique Monteiro, o Director, não estranhou, se a redacção não estranhou, se a administração não estranhou (como se infere do arrazoado madrinheiro), este esclarecimento destina-se a quem? Reformulando a pergunta: quem impôs a Madrinha uma tão patética (e sofrida) retractação?...

Uma fotografia que diz quase tudo sobre o estado das nossas finanças públicas...

finan09aa11.jpg
financ09333.jpg
JN, 17.01.2009

Quantas vezes é que a própria também já pediu a demissão?!...

demis09aa111.jpg
demis09aa2.jpg
Público, 17.01.2009

Sócrates está ser infinitamente cruel para com Maria de Lurdes Rodrigues...

Um actor, digamos assim, alegremente transversal...

gay09aa22.jpg
gay09aa11.jpg
DN-Notícias TV, 16.01.2009

Eu também consultei as Cartas e concluí o mesmo...

may09aa33.jpg
may09aa44.jpg
may09aa55.jpg
Correio da Manhã-Vidas, 17.01.2009

Poderá parecer pateta, mas não é. Até em contextos de governo, os "animais" (salvo seja!) têm tendência para imitar aquilo que consideram atraente...

cole09aa1.jpg

cole09aa2.jpg
Correio da Manhã-Vidas, 17.01.2009

Não concordo!...

be09aa1.jpg
be09aa2.jpg
be09aa3.jpg

be09aa4.jpg
be09aa6.jpg
Público, 17.01.2009

Percebo, mas não concordo. O Bloco é hoje, à esquerda, a força política melhor colocada e apetrechada para impor, ao PS, a decência, digo, um programa e uma prática de governo que restituam a esperança e a motivação cívica aos portugueses. Para tal, é necessário, evidentemente, retirar ao PS a maioria absoluta (é, de resto, quase, um imperativo patriótico). Mas é também necessário que o Bloco surja, perante os eleitores, não apenas com um programa de governo credível, mas também com a maturidade de uma força política capaz de assumir compromissos e, em determinadas condições, participar responsavelmente numa solução de governo. Ao fechar-se à hipótese de um entendimento, o Bloco estará a empurrar muitos eleitores de esquerda para os braços do PS. Esta estratégia, a ser adoptada, significaria um tiro no pé. Como eleitor do Bloco, espero que o bom senso e a argúcia política possam ainda prevalecer...

Espero que os deputados do PS que, recentemente, roeram a corda in extremis, desta feita, não se comportem mais como carneiros e tenham a dignidade e a inteligência de acabar de vez com esta tortura de Tântalo sobre as escolas e os professores...

aval09aa33.jpg
avali09aa44.jpg
Expresso, 17.01.2009

Ao contrário do que afirma o Sol, uma gravação, só por si, não prova nada. Mas... quem será o ex-ministro que?......

min09aaa22.jpg
(...)
mini09aa1.jpg
(...)
Sol, 17.01.2009

É um segredo de... polichinelo. Mas, evidentemente, não se pode revelar, pelo menos, por agora, o nome do ex-ministro. Seja como for, o XIV Governo Constitucional tinha a seguinte composição...

Primeiro-Ministro
António Guterres

Ministro de Estado - Ministro dos Negócios Estrangeiros
Jaime Gama

Ministro da Presidência - Ministro das Finanças
Guilherme d'Oliveira Martins

Ministro da Defesa Nacional
Rui Pena

Ministro da Administração Interna
Nuno Severiano Teixeira

Ministro do Equipamento Social -Ministro do Ambiente e do Ordenamento do Território
José Sócrates

Ministro da Justiça
António Costa

Ministro da Economia
Luís Braga da Cruz

Ministra do Planeamento
Elisa Ferreira

Ministro da Agricultura, Desenvolvimento Rural e Pescas
Luís Capoulas Santos

Ministro da Educação
Júlio Pedrosa

Ministro da Saúde
António Correia de Campos

Ministro do Trabalho e da Solidariedade
Paulo Pedroso

Ministro da Cultura
Augusto Santos Silva

Ministro da Ciência e da Tecnologia
Mariano Gago

Ministro da Reforma do Estado e da Administração Pública
Alberto Martins

Ministro da Juventude e do Desporto
José Lello

Ministro Adjunto do Primeiro-Ministro
António José Seguro

O pão: a putativa enésima "viragem à esquerda". O circo: a "regionalização". Eis o PS em todo o seu esplendor, meus senhores e minhas senhoras!...

arrep09aa1.jpg
(...)
Público, 17.01.2009

Claro que ainda haverá, em Portugal, quem compre esta fraude política e até vote no PS. Os portugueses, notoriamente, adoram ser enganados. É sabido como caem tão facilmente no conto do vigário...

Qualidade? Que qualidade? Atribuam-se prémios de produtividade a estes médicos...

med09aa1.jpg
medi09aa2.jpg

(...)
medi09aa4.jpg
medi09aa33.jpg
Sábado, 15.01.2009

Claro que os prémios deveriam ser pagos (se já não são) pela indústria farmacêutica...

Obviamente, demitam-se!... (64)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 16, 2009

Se tivesse de eleger uma mulher quase perfeita, seria esta, pouco importando o que toque...

Improviso pedagógico...

Regressas sempre ao ventre da fera
o lago onde adormecem os cisnes
que um dia já foram patos
nenhuma luz se abre
à metamorfose do corpo
e há cansaços mais antigos do que a água
que enrugam destinos
nas veias das tuas mãos.

Ademar
16.01.2009

Administra-se mais um inquérito e já está...

educsss09aa1.jpg
educsss09aa2.jpg
DN, 16.01.2009

Esta notícia é um embuste. O ME diz que vai avaliar o que não é avaliável. Nem a esta escala, nem através de um inquérito. Mas há sempre quem compre o embuste. E quem viva dele...

Governar para a antena...

ante09aa1.jpg
DN-Notícias TV, 16.01.2009

Um "mérito" não nego a Sócrates: ele é, seguramente, desde o 25 de Abril, o primeiro-ministro que melhor se encena a si próprio. A sorte dele é que a maioria dos portugueses não percebe ou ainda não percebeu...

O elogio (demencial) do abandono escolar ou... a Cristiana Ronalda do editorialismo a pataco...

helmmmm09aa7.jpg
helmmmm09aa10.jpg
helmmm09aa5.jpg

helmmmm09aa3.jpg
(...)
helmmm09aa2.jpg
(...)
helmmm09aa1.jpg
(...)
Público, 15.01.2009

Suponho que esta mocinha, que escreve sempre mais depressa do que pensa, estudou numa escola... exclusiva...

Uma entrevista (e um livro) que recomendo...

gary09aa1.jpg
gary09aa22.jpg
comput09aa11.jpg
Sábado, 15.01.2009

O nosso menino é duro, duro fulgente...

fulg09aa11.jpg
Sábado, 15.01.2009

Perdão, enganei-me no título. Queria escrever "o nosso menino é de... ouro fulgente"...


Obviamente, demitam-se!... (63)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 15, 2009

Isto, em italiano, tem muito mais piada!...


Tudo é perfeito neste vídeo: o baloiço introdutório, o playback, a legendagem, a lua que parece um candeeiro ou um candeeiro que parece a lua, os fatos, as camisas e as gravatas, os casais, dançando, e o fim abrupto, como no blogue do Pacheco Pereira...

Improviso quase corânico...

Abdullah morreu
nas costas de Monet
sem assinatura nem dedicatória
um punhal apenas cravado
na memória de Montmartre
e uma certa saudade do monte dos vendavais
que sempre foi de sarilhos
as fotografias porém eram lindíssimas
dizes
África
a norte ou a sul do equador
de todas as literaturas
fica sempre tão bem na parede.

Ademar
15.01.2009

Só para chatear o cardeal hissopista, troco quatro viúvas católicas por uma virgem muçulmana...

mu09aa22.jpg
JN, 15.01.2009
muc09aa33.jpg
Público, 15.01.2009

Depois deste anúncio, vou retomar a leitura do Corão...

Concorrência desleal do Público...

pubpoe09aa1.jpg
Público, 15.01.2009

Agora o Público "improvisa" poemas na capa do suplemento diário. Vou queixar-me à autoridade da concorrência literária...

A violência na escola pública: duas faces de uma mesma moeda...

agres09aa1.jpg

agres09aa2.jpg
JN, 15.01.2009

Canso-me de dizer: as escolas não são ilhas, estão no coração da sociedade. A violência está dentro delas, como fora. E a crescente desautorização (e consequente fragilização) dos professores só pode favorecer a... indisciplina. A tríade que preside ao ME transformou os professores no bode expiatório das disfunções e inconsequências do sistema educativo. O resultado está à vista. Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira bem podem limpar as mãos à parede. Nunca, como hoje, os professores se sentiram, profissionalmente, tão indefesos e tão diminuídos. Quem pensar que isto pode render votos ao PS... que encomende as exéquias da escola pública ou da maioria absoluta socialista...

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

albcairo09aa11.jpg

albcaei09aa33.jpg
Alberto Caeiro, Poemas

Obviamente, demitam-se!... (62)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 14, 2009

Esta noite, perdoai-me, sinto-me intensamente multicultural...


É assim que se canta e se ama e se faz a paz no Tibete. O que Alberto Caeiro teria escrito depois de lacrimejar este vídeo (que repito com devoção oriental)...

Improviso quase criacionista...

O esforço é inútil
e a crença
algo patética
os macacos estão geneticamente preparados
para ser macacos
e nunca serão outra coisa
senão macacos
por mais que Darwin os incentive
à antropológica superação
na república ou no reino dos macacos
mandará sempre quem primeiro
chegar à bananeira.

Ademar
14.01.2009

E se já não tendes quem vos empreste dinheiro, alugai os vossos filhos...

cast09aa2.jpg
Correio da Manhã, 14.01.2009

Como diria Jonathan Swift, é uma proposta modesta...

Gratuitamente, ofereço-vos, leitores, a solução para os vossos problemas financeiros...

emp09aa1.jpg

emp09aa2.jpg

emp09aa3.jpg

emp09aa5.jpg

emp09aa4.jpg

emp09aa7.jpg
Correio da Manhã, 14.01.2009

Mais dívida, menos dívida... que importa?...
Oferecei Portugal como garantia (hipotecária).
Ou Sócrates, como fiador. Ele já prometeu que nos salvaria a todos...


Ora, cão!...

oracao09aa1.jpg
Correio da Manhã, 14.01.2009

Uma questão jurídica. O Estado da Califórnia não poderá nacionalizar o hímen desta jovem?...

him09aa1.jpg
Correio da Manhã, 14.01.2009

Nunca imaginei que os jogadores de futebol pudessem sofrer de... disfunção eréctil...

grem09aa1.tiff
grem09aa22.jpg
Record, 14.01.2009

É tão ingénuo e tão honesto este rapaz!...

variss09aa111.jpg
Correio da Manhã, 14.01.2009

Ainda estou para ver o que os meus amigos socialistas dirão de toda esta pornografia política...

pedro09aa11.jpg
pedro09aa22.jpg
pedro09aa33.jpg

pedro09aa44.jpg
pedro09aa55.jpg
Público, 14.01.2009

Este é, apenas, mais um exemplo de compadrio (neste caso, socialista) e de malbaratamento dos dinheiros públicos. A todos os títulos, é um caso de despudorada pornografia política...

Vão-se os dedos, mas fiquem os anéis...

ampu09aa1.jpg
ampua09aa2.jpg
Correio da Manhã, 14.01.2009

Justiça suspensa, por falta de qualificações dos juízes...

just09aa11.jpg
just09aa33.jpg
(...)
Correio da Manhã, 13.01.2009

Um país pobre, em geral dirigido por imbecis, só tem mesmo que ser ousado e experimentar novas soluções. E, das duas, uma: ou transformamos os técnicos de som em magistrados ou convertemos os magistrados em técnicos de som. Não vamos continuar, eternamente, nisto...

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

espanc09aa1.jpg
Florbela Espanca, Eu não sou de ninguém

Obviamente, demitam-se!... (61)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 13, 2009

Ouvindo ainda um dos autores preferidos do meu pai...

Improviso para viola d'arco e superego...

Nunca até hoje
me apaixonara por um nariz
mas a verdade é que há
irrelevâncias perfeitas
e o objecto do desejo pode ser mesmo
uma irrelevância
um nariz
quando fui menos velho
não me deixava seduzir
senão pela tela inteira
depois passei a usar óculos
para ver ao longe
e fui perdendo
a noção de proximidade
digo a visão
agora
deve ser da idade
já só atendo aos pormenores
e dou comigo até
a erotizar o nariz
o teu nariz
só depois
confesso
reparei na aliança
como o tempo da paixão
ou do desejo
pode ser tão breve.

Ademar
13.01.2009

O romantismo há-de perseguir a memória de Mendelssohn até à definitiva reencarnação...

men09aa1.jpg
mend09aaa2.jpg
Público, 13.01.2009

Já se "sabia" que comprava, no talho, carne embrulhada em manuscritos e partituras de Bach. Agora, há quem garanta que, aos 38 anos de idade, se suicidou... por amor. Tenho para mim que se trata de uma espécie de maldição ou castigo do diabo. Eu, por exemplo, nunca perdoei a Mendelssohn o tema da Marcha Nupcial...


A memória não tem futuro - convém ir anotando.... (3)

dia09aa3.jpg

Paralelismo... pedagógico...

vinte09aa2.jpg

vinte09aa1.jpg

O negócio das explicações lembra-me sempre o negócio das funerárias. Com uma diferença. As funerárias costumam atacar a família do defunto, mal os hospitais certificam o óbito. Os explicadores, não: atacam ainda em vida...

Não há como ter experiência e saber como as coisas se fazem...

benf09aa1.jpg
benf09aa2.jpg
Correio do Minho, 13.01.2009

Herói do Mar, Patrão de Costa, etc e tal...

fama09aa1.jpg
famar09aa5.jpg
famar09aa3.jpg
famar09aa2.jpg
Correio da Manhã, 13.01.2009

O amor fá-lo mais forte; o ódio, também (fá-lo)...

fogos09aa1.jpg

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

maia09aa22.jpg
Vladimir Maiakovski - 33 Poesias (tradução de Adolfo Luxúria Canibal)

Obviamente, demitam-se!... (60)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 12, 2009

Improviso recessivo...

Nem o Místico
uma conveniência de bairro
resistiu à crise
hoje
um aviso na porta
antecipava a solução final
encerrado para obras
(de falência)
confesso que não sei
o que são obras
(de falência)
mas espero que o governo
intervenha depressa
para salvar o Mistico
no Místico
eu encontrava todos os vizinhos
que me interessam
o pregoeiro de Fausto
a gueixa que ainda está a dever-me
uma matiné a três dimensões
o sr. Manuel
que nunca me recusava a dose de morfina
e um cego que traduzia Maiakovski
a partir do original em braille
e dançava o tango masoquista
com Florbela Espanca
no Místico eu era feliz
e pagava sempre em libras
esterlinas.

Ademar
12.01.2009

In...dependências...

a verdade é que dependo totalmente de ti
sem um adjectivo, ainda que único
de permeio

Ana Saraiva

Muitos papagaios de papel e uma fisga. Se ainda não viram, vejam! É um filme imperdível...

Eu sei que também me comovo por tudo e por nada. Mas há muito que não via um filme que me comovesse tanto, como este. Comprei ontem o vídeo (título em português, O Menino de Cabul) e dei comigo, enfeitiçado, a vê-lo e a revê-lo...
E pensar que foi, em grande parte, filmado... na China...

kiter09aa1.jpg

Um orgasmo madeirense...

rtp09aa1.jpg
rtp09aa2.jpg
Público, 12.01.2009

Saio da escola, tarde. Entro no carro e sintonizo a TSF. Histeria Ronaldo (com Laurentino Dias a comentar). Corro a concorrência. Histeria Ronaldo (com Laurentino Dias a comentar). Chego a casa. Ligo o televisor. Sintonizo a RTP1. Histeria Ronaldo (pelos vistos, desde as 17:30). Tento a SIC. Alberto João Jardim, entrevistado em directo por Mário Crespo. Desisto...
E já não sei se ligue o aquecedor...

Não há dúvida de que Gondomar é uma terra do caraças!...

gond09a1.jpg
gond09aa2.jpg
gond09aa3.jpg
(...)
Público, 12.01.2009

Esta juíza, coitada, vai ter que se queixar do país inteiro...

esme09aa22.jpg
JN, 12.01.2009

Este processo nasceu tortíssimo e, por isso, jamais se endireitará...
Até os meus alunos perceberam isso, quando, há mais de dois anos, começámos a acompanhá-lo...


O campeão olímpico português de salto à... Vara!...

vara09aa1.jpg

vara09aa2.jpg
vara09aa3.jpg
vara09aa4.jpg
vara09aa5.jpg
Público, 12.01.2009

O PS, na manjedoura. Vara é, apenas, um exemplo, entre muitos. Porventura, a par de Fernando Gomes, o mais grotesco. É assim desde Mário Soares...

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

jjorg09aa1.jpg
João Miguel Fernandes Jorge, Termo de Óbidos

Obviamente, demitam-se!... (59)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 11, 2009

Ó Adolfo Luxúria Canibal: não traduzas assim, pá! (2)

heila09aa1.jpg
Vladimir Maiakovski - 33 Poesias (tradução de Adolfo Luxúria Canibal)

Hei-la cheia? Ah, cão!...

Improviso de ontologia...

A infantaria das almas
não há batalha que não perca
nem guerra
as sombras
fazem ainda parte dos corpos
que ajoelham
e nenhuma luz é mais ávida
do que o vento
quando o vento revolve
os interstícios da terra.

Ademar
11.01.2009

Cheirará bem o futuro, de perfil?!...

futu09aa22.jpg

futu09aa1.jpg
Pública, 11.01.2009

Fidelíssima iconografia...

estal09aa1.jpg
estal09aa2.jpg
Pública, 11.01.2009

Ó Adolfo Luxúria Canibal: não traduzas assim, pá!...

cao09aa1.jpg
(...)
Vladimir Maiakovski - 33 Poesias (tradução de Adolfo Luxúria Canibal)

Cobriria-o de latidos? Ah, cão!...

A namorada ideal para Cristiano Ronaldo: Miss Jorge...

missj09aa1.jpg
missj09aa2.jpg
missj09aa3.jpg
Notícias Magazine, 11.01.2009

Eu já salvei este gajo da morte certa!...

duarte09aa1111.jpg
duarte09aa2222.jpg
Notícias Magazine, 11.01.2009

Mas não vou contar a estória, senão... ele mata-me!...

Faça-se um referendo, porra, ou divida-se, salomonicamente, a criança ao meio...

justi09aa1.jpg
24horas, 11.01.2009

Ao meio, não: em três partes. Uma, para o pai biológico. Outra, para a mãe biológica. E a restante, para os "pais afectivos". O país, os tribunais, os pedopsiquiatras, os psicólogos e os comentadores poderiam, finalmente, dormir em paz...

Por um punhado de euros...

felg09a1.jpg
felg09aa11.jpg
felg09a5.jpg
felg09aa12.jpg
(...)
felg09a2.jpg
JN, 11.01.2009

O "padre" Caridade errou a máscara e a vocação. Devia ter tentado a banca, onde as almas, verdadeiramente, se salvam e se perdem...

O elogio do teatro erótico ou... os "copos", por vezes, conduzem à sabedoria...

sw09aa1.jpg
sw09aa22.jpg
24horas, 11.01.2009

O sexo é demasiado importante para não ser (bem) partilhado...
De vez em quando, até consigo concordar com o... Dr. Quintino...

De vez em quando, o Público troca as fotografias...

gen09aa1.jpg
gen09aa2.jpg
(...)
Público, 11.01.2009

Em nenhuma parte da notícia é referido o cavalheiro que aparece na fotografia. Não há como ser bom rapaz e dizer e fazer sempre o que, de uma forma forma ou de outra, convém ao governo...
Se o PS se mantiver no governo, este Álvaro ainda vai suceder a Margarida Moreira. Registai o que vos digo...

Com franqueza, não consigo imaginar onde esta mocinha possa guardar as armas (que não parece ter, nem do pescoço para cima)...

armada09aa1.jpg
dian09aa2.jpg
J, 11.01.2009


Ninguém te poupa, Margarida, ninguém te poupa!...

Ana Cristina Leonardo desconhece que os directores regionais de educação não são avaliados pelo modo como se exprimem na língua de Júlio Dantas...

Este país não é para jovens...

actual09aa1.jpg
Expresso-Actual, 10.01.2009

Há dias fiz aqui referência a esta menina. Sugiro que a visiteis agora no Expresso. Esta é a juventude que o país não merece...

Os rapazes (e as raparigas) do... pum!...

blanco3.jpg
blanco4.jpg
(...)
blanco1.jpg
blanco2.jpg
(...)
Expresso-Única, 10.01.2009

Em Portugal, seria necessário acrescentar à lista dos suspeitos os autarcas, os gestores públicos e os executivos da banca...

beppe1.jpg
(...)
beppe2.jpg
(...)
Sábado, 08.01.2009

Obviamente, demitam-se!... (58)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 10, 2009

Claro, Debussy (para morrer e chorar por mais)...

Improviso em forma de carta...

Antes do arejo
não sei se do tango ou da salsa
pedes-me de Paris
um improviso suculento e lento
talvez na voltagem de Debussy
esqueceste com a pressa de acrescentar
como quem não quer a coisa
dar-te-ei notícias de Portugal
sem vírgulas e com as orações despenteadas
como preferes
eu sei nós sabemos que Portugal cabe
numa fotografia de corpo inteiro
e não sobra muito mais
talvez um quarto uma biblioteca
um rio ou as suas margens
e toda a música dessas partes do mundo
que já só nós conhecemos e amamos
como diria Álvaro de Campos
o suco da distância por estes dias é a neve
ao ritmo do fogo em que ardemos sempre devagar
ainda não sei de que lado da fronteira
ficam os Pirinéus.

Ademar
10.01.2009

Antigamente, era Deus ou o Grande Arquitecto que decidia estas coisas...

canc09aa1.jpg
canc09aa2.jpg
Público, 10.01.2009

O vade-mécum dos "defeitos genéticos" e das causas mais correntes de morte tem mais páginas e muito mais verbetes do que o Livro de Estilo do Público. Mesmo sem ter falado com Deus e sem ter consultado as cartas, posso afiançar-vos que esta menina inglesa morrerá. E nem a Igreja Anglicana poderá garantir que viverá melhor e mais tempo sem o gene defeituoso...

Há mais de 30 anos que sei, em Braga, como funciona o PS no poder (absoluto)...

quemse09aa1.jpg
DN, 10.01.2009

Nestas matérias, lamento dizê-lo, o PSD não chega aos calcanhares do PS...

Pentateuco-5, Tanakh-3...

mani09aa2.jpg
mani09aa111.jpg
Notícias Sábado, 10.01.2009

Cartas agoirentas ou... a recessão não poupa nada, nem ninguém...

may09aa11.jpg
may09aa12.jpg
Correio da Manhã-Vidas, 10.01.2009


Mais uma originalidade do Expresso. Por amor ou devoção ao primeiro-ministro, um jornalista (Fernando Madrinha) desanca publicamente num dos seus directores (Ricardo Costa), ridicularizando-o...

mad09aa4.jpg
mad09aa1.jpg
mad09aa2.jpg
mad09aa8.jpg
Expresso, 10.01.2009

Ricardo Costa foi "agressivo", raiando por vezes "a má educação", não soube "qual era o seu papel" naquela circunstância, foi "zaragateiro" e "opinativo", fez "jornalismo justiceiro" e colocou-se ao nível dos Gato Fedorento...
Madrinha está mesmo, desesperadamente, a pedir a Sócrates uma assessoria...

Rendeiro contesta Nietzsche: o "eterno retorno", afinal, admite excepções...

rend09aa1.jpg
rend09aa2.jpg
(...)
rend09aa3.jpg
Expresso, 10.01.2009

Imagens da paixão hagiográfica do Expresso por Sócrates...

velo09aa22.jpg

velor09aa23.jpg

velor09aa25.jpg

velor09aa27.jpg

velor09aa28.jpg
velor09aa29.jpg
Expresso, 10.01.2009


Quantos membros do governo e afins, quantos autarcas e quantos empreiteiros teriam, em Portugal, de usar fralda?!...

insol09aa2.jpg
Sábado, 08.01.2009

Greves redundantes...

insol09aa1.jpg
Sábado, 08.01.2009

Foi você que autorizou que jogassem na bolsa com o nosso dinheiro?!...

ss09aa1.jpg
Correio da Manhã, 10.01.2009

Por esta e por muitas outras é que uma parte do Estado se parece cada vez mais com uma associação criminosa...

Obviamente, demitam-se!... (57)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 09, 2009

Acho piada a estas meninas, pronto!...


Improviso quase coloquial...

Faça o favor de limpar os pés
antes de pensar
ou calce as sandálias ou as pantufas
não imagina como a burrice deprime
a humanidade
para já não falar na falta de higiene
e não apenas a mental
faça pelo menos um esforço
para cheirar a ironia
lembre-se de que
nem todo o pensamento é binário
ou rasteiro
e a estupidez tem sempre
medidas curtas
mais curtas ainda do que os seus próprios pés
seja como for
de uma forma ou de outra
faça o favor de ser gente
pelo menos um pouco mais.

Ademar
09.01.2009

Saudades de Mikis Theodorakis e, já agora, da Arena, de Verona...

Agradecendo ao Alexandre Castro a sugestão, aqui fica um vídeo que me transporta na memória à Arena, de Verona, onde já assisti a uma das mais extraordinárias encenações de Verdi, numa noite também ela extraordinária...

Que o Governo e o PS bebam até à última gota o fel da sua estúpida obstinação...

demis09aa1.jpg

(...)
DN, 09.01.2009

Sócrates errou o... inimigo (ou o bode expiatório). Os professores poderão não ter as armas dos juízes, dos médicos ou dos banqueiros, mas pobre do governo que os queira ajoelhar...
As escolas, de facto, estão a ficar ingovernáveis...

Era uma vez um pai... "afectivo"...

esme09aa2.jpg
Correio da Manhã, 09.01.2009

E a decisão foi favorável ao pai... biológico!...bart09aa1.jpg
Fez-se justiça? Mas a justiça passou alguma vez por este processo?!...
Isto é, apenas, Portugal no seu pior...
Espero que Esmeralda sobreviva a todos os juízes, a todos os psicólogos, a todas as assistentes sociais e a todos os pais...

Estou com pena do miúdo. Espero que o governo, nesta infelicidade, não deixe de lhe dar uma mão...

ferr09aa3.jpg
ferra09aa1.jpg
Correio da Manhã, 09.01.2009

ferr09aa6.jpg
ferr09aa8.jpg
DN, 09.01.2009

Vem na primeira página do CM e do DN, mas acho que merecia bem ser a manchete...
O 24horas, hoje, bateu aos pontos a concorrência...

ferr09aa4.jpg
24horas, 09.01.2009

Cerâmica abençoada...

urin09aa1.jpg

Em todos os actos da vida podemos imaginar uma dimensão espiritual...
Imagem retirada daqui...

A pátria não deveria exigir, a esta mocinha, o supremo (e talvez horizontal) sacrifício?!...

lili09aa1.jpg
lili09aa2.jpg
DN - Notícias TV, 09.01.2009

Digamos que as notícias sobre o grande nevão em Braga, esta manhã, eram um pouco exageradas...

neve09aa2.jpg

neve09aa3.jpg

neve09aa1.jpg

A TSF anunciava, às 11 horas, um grande nevão em Braga. Fui à janela e fiquei, confesso, desiludido...

A maior qualidade de Sócrates é, sem dúvida, a determinação...

hitler09aa1.jpg

Desculpai, troquei as fotografias...

Obviamente, demitam-se!... (56)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 08, 2009

Sem abrigo...

é a despachar!
comam depressa que o frio arrefece
a sopa, a boa-vontade, as mãos que guiam o morteiro
e o morteiro que assim fica brando e ineficaz como o sarcasmo
de quem escolhe o pedaço de chão quente para mais aquela noite
e queima os cobertores made-in-china nos fumos que vêm lá debaixo
e os pulmões
que não sofrem de sarcasmo
toca a andar!
durmam depressa que a noite pode ser longa mas o sol raiou
o dia abriu e o ginásio fecha, meus senhores (cães, não), fecha para limpeza
e desinfestação, perdão, desinfecção das partes comuns à humanidade que pernoita
graças à boa-vontade de alguém que vem no "pacote de medidas de emergência"
que poderão chuchar nos intervalos da existência
e
caso morram
quando as mãos aquecem os morteiros
tenham a bondade de sorrir e de facilitar o vosso manuseamento
tomando um banho diário
e
fechando os olhos

Ana Saraiva

Uri Caine para Mahler ou, simplesmente, o inverso...

Improviso ferroviário...

Recordo esses dois comboios
na estação terminal de Braga
aquele em que chegaste
e aquele que perdeste
até hoje não percebi
se seriam o mesmo
ou eu nunca existi.

Ademar
08.01.2009

Poesia (também) para professores que se acobardam...

meod09aa1.jpg

Improviso para Gaza...

gaza09aa1.jpg

Parai a guerra please
por razões humanitárias
três horas apenas
três horas bastam
mais não é preciso
para enterrar em segurança as mulheres e as crianças
e alimentar as próximas vítimas
uma guerra sem intervalos humanitários
é uma violência
enquanto não morrem
os soldados também precisam de foder.

Ademar
08.01.2009

Ameaçado por Santos Silva, Jaime Gama não contou o voto favorável da senhora que se vê, de pé, na imagem, à direita (baixa)...

p3.jpg

Esta tarde, definitivamente, valeu tudo...

Uma imagem real, impressionante! A sombra ameaçadora do Ministro dos Assuntos (sobre os aterrorizados) Parlamentares...

parl09aa1.jpg

Garanto (juro por Deus ou por Sócrates) que não se trata de uma montagem. O Governo, esta tarde, recorreu a um holograma gigante de Santos Silva para aterrorizar os deputados da maioria e levá-los a votar contra a suspensão do processo de avaliação...
Desconfio que este holograma irá agora percorrer todas as escolas e jardins de infância do país, exigindo a submissão geral dos educadores e professores. Prevejo o pior...

Que muitas outras escolas sigam o exemplo desta e quero ver o que o Governo fará!...

secund09aa1.jpg
24horas, 08.01.2009

Quando Sócrates participa na assinatura de um protocolo a convite do Governo e encerra o Futuro...

casafutu09aa1.jpg
24horas, 08.01.2009

É só uma metáfora, senhores, é só uma metáfora!...

Depois de Moita (em Santarém) e Gonçalo (em Olhão), só falta mesmo, para completar o trio dos enjeitados da PJ, que atirem o Barra à parede (autárquica) num outro concelho qualquer!...

gonc09aa1.jpg
24horas, 08.01.2009

Literalmente, a política, em Portugal, é cada vez mais um caso de... polícia...


A definitiva demonstração etimológica de velório...

reg09aaa1.jpg

reg09aa2.jpg
Correio da Manhã, 07.01.2009

Os figurantes, neste plano pornográfico de Bergman, velam as velas. Ou seja, encenam o velório. Manifestamente, o protagonista esqueceu-se de fechar os olhos no momento da acção...

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

manoelbarros09aa1.jpg
Manoel de Barros, Livro das Ignorãças

Obviamente, demitam-se!... (55)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 07, 2009

Uma imagem, apenas, que aquece o olhar e sons que escorrem da tela, como um chicote perfeito...

Improviso a caminho...

A selva no lugar do jardim
é lá que te encontro e te perco
nas horas de nos cruzarmos
as jaulas são as casas
que nunca adormeces
ou adormeces sempre mais tarde
conto nas sombras do teu corpo
os passos que me sobram
para atravessar a fronteira
e sigo a luz mais próxima do sol
treslendo as cartas que confundo com a bússola.

Ademar
07.01.2009

Este deputado do PSD (nascido em 1973) é um milagre: conseguiu sobreviver às pulsões delinquentes numa "escola inclusiva" gizada e mantida pelos ministros da educação do seu próprio partido!...

duarte09aa4.jpg
(...)
duarte09aa1.jpg
duarte09aa3.jpg
duarte09aa2.jpg
Público, 07.01.2009

Já não tenho paciência para ler e comentar estes dislates. Pedro Duarte não sabe do que fala, limitando-se a repetir umas tantas baboseiras que ouviu a gente que percebe tanto de educação como Sócrates, de arquitectura. Sugiro-lhe que convide Roberto Carneiro para um duelo e resolva com ele, em privado, as suas mágoas... ideológicas. Roberto Carneiro, convém lembrá-lo, foi ministro da educação de... Cavaco Silva e é um dos principais mentores da tal "escola inclusiva" que, entre outras malfeitorias, despreza o esforço e desincentiva o mérito, blablablá...
Há "aliados" (conjunturais) que eu dispenso...


Em nome do pai, do filho, do genro e do Óscar...

cad09aa1.jpg
cad09aa2.jpg
(...)
cad09aa7.jpg
cad09aa3.jpg

cad09aa6.jpg
cad09aa5.jpg
Correio da Manhã, 07.01.2009

É muito curioso como o Banco de Portugal, pelos vistos, nunca se apercebeu de nada. Imagino o que se terá passado ou estará ainda a passar-se noutras instituições financeiras...
É o diabo, senhores, é o diabo!...

Haverá ainda alguém, em Portugal, que fique surpreendido com notícias como esta?!...

dgv09aa1.jpg
cartas09aa2.jpg
Correio da Manhã, 07.01.2009


Conheceis alguma religião, alguma igreja, alguma seita... que não tenha feito muito mal à humanidade?!...

trav09aa1.jpg
trav09aa2.jpg
Público, 07.01.2008


Com o FCP, novamente, na liderança do campeonato, ministros e apresentadores televisivos regressam ao azul (nos fatos, nas camisas, nas gravatas e sabe-se lá em que mais)...

azul09aa3.jpg
azul09aa2.jpg
azul09aa1.jpg
Entrevista de Teixeira dos Santos à RTP1 (06.01.2009)

Sócrates, no dia anterior, ainda fora fiel à gravata benfiquista (recessão a quanto obrigas!), mas, ontem, o Ministro das Finanças era, todo ele, um hino ao Dragão: fato, camisa e gravata, tudo azul. Infelizmente, não pudemos ver mais...

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

caeiro09aa1.jpg
Alberto Caeiro, Poesia

Obviamente, demitam-se!... (54)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 06, 2009

Improviso para tresler o antigo testamento...

Hoje escrevi
imagino o céu uma imensa chicoteria
dez graus negativos em Paris
e uma braseira na faixa de Gaza
notoriamente
as trombetas estão desafinadas.

Ademar
06.01.2009

Poses de um "animal feroz" em recessão televisiva...

1- POSE ENERGÉTICA
s1.jpg

2- POSE "É ASSIM QUE EU AGARRO A CRISE COM AS DUAS MÃOS"
s2.jpg

3-- POSE "É ASSIM QUE EU ACARICIO A CRISE DEPOIS DE A AGARRAR"
s3.jpg

4- POSE ATORMENTADA
s4.jpg

5- POSE "GOSTO SEMPRE DE GUARDAR UMA PARTE DA LÍNGUA PARA MIM"
s5.jpg

6- POSE BOCEJADA
s6.jpg

7- POSE MANIQUEÍSTA
s7.jpg

8- POSE FINANCEIRA (DE PERFIL)
s8.jpg

9- POSE "NÃO ERA SUPOSTO QUE ESTES GAJOS ME QUISESSEM TRAMAR"
s10.jpg

10- POSE "AGORA É QUE VOS LIXEI"
s11.jpg

11- POSE FAMILIAR
s12.jpg

12- POSE DE NADADOR-SALVADOR (DE PERFIL)
s13.jpg

13- POSE PATRIÓTICA
s14.jpg

14- POSE DE COLOCAÇÃO NAS TÁBUAS
s16.jpg

15- POSE "QUEREM MAIOR DO QUE ISTO?"
s17.jpg

16- POSE "VEJAM LÁ SE ACREDITAM NESTA!..."
s15.jpg
Entrevista de Sócrates à SIC (05.01.2009)

Foi você que pediu uma recessão?!...

reces09aa1.jpg
Público, 06.01.2009


Finalmente, os corruptos (de Colmeia) começam a ser apanhados!...

colm09aa1.jpg
Público, 06.01.2009

Tende esperança, portugueses! Isto é só o começo...

The Other Boleyn Girl...

Vi a noite passada este filme, disponível em vídeo sob o título, em português, "Duas Irmãs, um Rei". Não é, certamente, um grande filme, tem uma narrativa desequilibrada (Ana Bolena não passa, aqui, de uma caricatura), mas conta com duas excelentes interpretações femininas (Natalie Portman e Scarlett Johansson) e, sobretudo, é um convite à redescoberta de um conjunto de acontecimentos que marcaram, para sempre, a história da Europa e do mundo cristão. É um filme (mais um) que os nossos adolescentes e jovens deviam ver e explorar na escola, se a escola não fosse, em geral, o cemitério que é...

irma09aa1.jpg
duasir09aa2.jpg

As seis mulheres entronizadas de Henrique VIII (1491-1547)...

1- Catarina, de Aragão (trocada por Ana Bolena)
henr09aa4.jpg

2- Ana Bolena (condenada à morte e executada)
henr09aa5.jpg

3- Jane Seymour (morreu no posto de rainha)
henr09aa3.jpg

4- Ana, de Cleves (trocada por Catarina Howard, prima de Ana Bolena)
henri09aa1.jpg

5- Catarina Howard (condenada à morte e executada)
henr09aa7.jpg

6- Catarina Parr (viúva de Henrique VIII)
henr09aa2.jpg


Não, não, o papão não, eu papo a sopa toda, eu papo a sopa toda!...

proc09aa1.jpg
proc09aa2.jpg
proc09aa3.jpg
DN, 06.01.2009

Eles podem, eles querem, eles mandam. nós desobedecemos, eles processam...
E o país progride...

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

alma09aa1.jpg
alma09aa2.jpg
José de Almada Negreiros, Poemas

Obviamente, demitam-se!... (53)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 05, 2009

Improviso para relicário...

Já não sei como conserve
fora do congelador
o pénis de Napoleão Bonaparte
sim sou eu que o tenho
o santo lenho
o corpo de São Tiago
e a própria arca de noé
são relíquias a mais
para um condomínio tão estreito
sinto a alma
cada vez mais quadrada
e não encontro comprador.

Ademar
05.01.2009

O meu filho Francisco sugere que aponteis as diferenças...

fute09aa1.jpg
A Bola, 05.01.2009
fute09aa2.jpg
Record, 05.01.2009
fute08aa3.jpg
O Jogo, 05.01.2009

O quintal de Lisboa...

mec09a33.jpg
Público, 05.01.2009

Já não leio MEC há, pelo menos, 70 anos. Ignorava até que ele ainda fosse vivo. Regressa agora no Público à crónica diária, ocupando um lugar que já foi de EPC. O quintal está cada vez mais estreito...

Como este moço, coitado, se sacrifica tanto por Braga!...

mm09aa222.jpg
Diário do Minho, 05.01.2009

E Braga, essa ingrata, nem sabe que ele existe...

Vai um tirinho "abençoado", senhor ministro?!...

tirinho09aa1.jpg
Notícias de Viana, 01.01.2009

Este ministro (que dizem maçónico) é um brincalhão...

Para que não digais que não me interesso por futebol... (2)

ronn09aa2.jpg
24horas, 04.01.2009

Para que não digais que não me interesso por futebol... (1)

mara09aa1.jpg
mara09aa2.jpg
mara09aa4.jpg
mara09aa3.jpg
24horas, 04.01.2009

O poema que partilharei hoje com os meus alunos...

poema09aa1.jpg
José Agostinho Baptista, Filho Pródigo

Obviamente, demitam-se!... (52)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 04, 2009

Improviso colateral...

Dizes que o azul morre sempre
nas costas do luar
para que eu interrogue a memória das noites
e procure a chave no vento
onde as manhãs férteis se escondem
talvez na linha do horizonte mais íntimo
as janelas se abram ainda para o mar
e a terra não termine sempre
preguiçosamente
num cais.

Ademar
04.01.2008

"Recessão (efeitos colaterais)"...

cart09aa1.jpg
António in Expresso, 03.01.2009

Quando a Censura não permitia sequer que os jornais citassem o próprio Presidente da República...

exp09aa1.jpg
exp09aa2.jpg
Expresso, 03.01.2009

Os discursos de Américo Tomás deviam ser recuperados e colocados no YouTube. São peças de humor verdadeiramente antológicas...

Finalmente resolvido (pelo menos, até ao final do ano escolar de 2010-2011) o problema da avaliação dos professores!...

apos09aa1.jpg
Decreto Regulamentar nº1-A/2009, de 5 de Janeiro

Uma coisa é requerer (a aposentação antecipada), outra, ter direito a. Fazer um requerimento não custa nada. E quem quer que tenha 3 anos de serviço poderá, legalmente, requerer a aposentação antecipada, alegando "incapacidade absoluta e permanente". Ou seja, quase todos os professores poderão, nos termos legais, requerer a aposentação antecipada até ao final do ano escolar de 2010-2011. Assim sendo, quase todos os professores poderão, nesta altura, eximir-se à aplicação deste extraordinário e transitório regime de avaliação, invocando, exactamente, o disposto na parte final do artigo 12º do novo Decreto Regulamentar. E enquanto o pau vai e vem, folgam as costas (e mudam os governos e as leis)...
Vou já redigir, nestes termos, um requerimento ao Presidente do CE da minha Escola...

Na véspera do Dia de Reis, 2 prendas de Ano Novo do Ministério da Educação...

drep09aa1.jpg

Sairão amanhã, mas o Paulo Guinote, hoje, já antecipa o Diário Oficial. Boas festas, boas festas!...

O quartel e a sacristia (testemunho de Unamuno)...

É só mais uma metáfora, senhores, é só mais uma metáfora!...

semab09aa1.jpg
DN, 04.01.2009

A galinha da minha vizinha...

viz09aa1.jpg
viz09aa2.jpg
24horas, 04.01.2009

Permito-me desmentir o Expresso. A estratégia do PS mudou (também tenho as minhas fontes)...

aval09aa122.jpg
Expresso, 03.01.2008

Vai ser a grande surpresa da semana. O projecto de lei do PSD vai ser aprovado, graças à abstenção de um número significativo de deputados socialistas. O que a maioria pretende é dar um pretexto credível a Sócrates para se demitir e poder assim forçar a antecipação das eleições legislativas, numa altura em que as sondagens ainda indiciam que o PS pode aspirar a uma nova maioria absoluta. Tudo se passará, porém, com a indispensável discrição. Ao contrário do esperado (e do que sucedeu recentemente), nenhum deputado socialista votará a favor do projecto do PSD. E só na altura exacta da votação é que ficará a saber-se o número de deputados socialistas que optarão pela abstenção. Terá de ser um número que permita, à risca, a aprovação do projecto...
Esperai por quinta-feira e vereis!...

Dar com uma mão e tirar com a outra...

O Correio da Manhã e o 24horas competem (do verbo competir) em dar notícias sobre as "plásticas" a que se submetem os... "famosos".. E como os "famosos" são profissionais da "fama" (não importa com que rima "fama"), as "plásticas" a que se submetem têm, por força, de ser... noticiadas.
A fazer fé nos referidos tablóides, Ângelo Rebelo é o "cirurgião plástico" mais procurado pelos... "famosos". E quando os "famosos" não pagam... a notícia do calote chega depressa aos jornais e às revistas da... especialidade (como chegam, aliás, as notícias dos devaneios amorosos do grande cirurgião com os famosos, perdão, as famosas). Desta vez, a vítima do "garganta funda" é uma tal Elsa Raposo. Doou à fama 30 quilos e não pagou. A bem ou a mal, há-de pagar...

els09aa1.jpg
els09aa2.jpg
els09aa3.jpg
els09aa4.jpg
els09aa5.jpg
els09aa6.jpg
Correio da Manhã-Vidas, 03.01.2009

Obviamente, demitam-se!... (51)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 03, 2009

Poderá parecer música medieval europeia, mas não é...

Improviso para posta restante...

Exibe com fluência fetichista
os pés e as pernas
e os adereços correlativos
e salta e dança muito sobre si própria
para que todos percebam
que perdeu o rabo antigo
na guerra dos sexos
e a vergonha em Lisboa
ou algures em Bruxelas de alcova
jardins incluídos
tem muitas amantes e admiradoras
nos intervalos de cheirar o labrego pátrio
entre duas pedradas de fado da Deolinda
e chá de tia
que já foi de tília
nas horas de ócio do espelho
padece de vertigens literárias
e então escreve a néon em catadupa
como se receasse ainda perder-se
na floresta das cores que já foram palavras
há mulheres que sofrem assim
e eu em verdade vos digo
sofro muito com elas.

Ademar
03.01.2009

Desafio aos leitores: quem costumará recolher-se neste WC?!...

wc09aa3.jpg

wc09aa2.jpg

wc09aa1.jpg
Expresso-Única, 03.0.2009

10 hipóteses.

1- Pedro Santana Lopes (hipótese mais óbvia).
2- José Policarpo.
3- Cavaco Silva.
4- Jorge Coelho.
5- Miguel Sousa Tavares.
6- David Munir.
7- Miguel Esteves Cardoso.
8- José Pacheco Pereira.
9- Nuno Crato.
10- José Sócrates (hipótese menos óbvia).

A memória não tem futuro - convém ir anotando.... (2)

memo09aa2.jpg

Já fui jornalista e já fui um “pequeno” gestor público. Em ambas as situações, confirmei o que há muito intuía: que os portugueses, em geral, não se revêem em nenhum padrão de moralidade pública ou de civismo e não olham a meios para atingirem os seus fins, sejam eles quais forem. Dói-me muito dizer isto, mas a corrupção, em Portugal, é larvar, uma espécie de idiossincrasia cultural. E não estou a ver, francamente, como nos possamos curar desta deficiência, congénita, de carácter. São quase dois mil anos de catolicismo sobre a pobreza, o isolamento, a desconfiança e a inveja. O resultado não podia ser outro...

Assim... até eu, sem cartas...

my09aa1.jpg
may09aa6.jpg
Correio da Manhã-Vidas, 03.01.2009

O que dá ter o umbigo muito descaído...

pen09aa1.jpg
pen09aa2.jpg
Correio da Manhã-Vidas, 03.01.2008

Sócrates, um primeiro-ministro sempre romântico...

fer09aa1.jpg
fer09aa2.jpg
fer09aa4.jpg
fer09aa5.jpg
fer09aa7.jpg
Correio da Manhã, 03.01.2009

O Correio da Manhã não refere, mas eu posso garantir (tenho boas fontes em Veneza) que Sócrates nunca largou o Magalhães...

Por que não passamos todos a produzir e a vender Magalhães?!...

loj09aa1.jpg
Expresso, 03.01.2009

Avisai-nos, por favor, com alguma antecedência... quando a Caixa Geral de Depósitos for, também ela, à falência......

fino09aa1.jpg
Expresso, 03.01.2009

É apenas mais uma metáfora, senhores!...

zep09aa3.jpg
zep09aa1.jpg
zep09aa2.jpg
Expresso, 03.01.2009

Por que não se coloca o país em prisão preventiva, até à conclusão de todos os inquéritos?!...

cp09aa1.jpg
Sol, 03.01.2009

A CP terá fechado o ano com um passivo de 3,3 mil milhões de euros, mas os seus gestores, pelo que se infere dos termos desta denúncia demolidora, não irão tão cedo à falência. Mais depressa iriam para a cadeia, se se comprovasse o fundamento da denúncia...

Os saqueadores da arca perdida...

inval09aa1.jpg
Expresso, 03.01.2009

Que não se pense que só agora é assim: sempre foi. A diferença em relação ao passado é que agora sabe-se quase sempre mais depressa...

Obviamente, demitam-se!... (50)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 02, 2009

Segredo...

ano novo de tempo velho
do tempo que não esquece
de matar e fazer nascer
e pensas que és tu e o amor
a dois e a cópula santa ou acidental
ano novo para me abraçares
ano novo para me amares
tão às escondidas
que nem eu sei
nem tu
o tempo
esqueceu-se de nós
num dia qualquer de sol
de um ano já passado

Ana Saraiva

Da Finlândia para Tadim...

Improviso de amor ou ainda não...

Nunca escrevi poemas de amor
porque nunca aprendi a escrever
poemas de amor
e nunca me ensinaram a escrever
poemas de amor
e de resto se bem me lembro
nunca ninguém esperou de mim
que escrevesse poemas de amor
confesso porém que tentei
por imitação
escrever poemas que fossem de amor
ou pelo menos parecessem
poemas de amor
falhei sempre
ainda hoje não sei porquê.

Ademar
02.01.2009

Cuidado com a gripe!...

cavaq09aa.jpg
O Inimigo Público, 02.10.2009

Desta feita, posso garantir-vos, nenhum deputado faltará...

aval09aa1.jpg
Público, 02.01.2008

Já estou a imaginar a azáfama de Augusto Santos Silva e de Alberto Martins nos próximos dias. Terão eles trelas em número suficiente para todos os deputados socialistas que querem acabar, de vez, com este pesadelo político? Se faltarem as trelas, sobrará a coacção: deputado que desafine... não será candidato em 2009. O querido líder não perdoará aos traidores...
Veremos de que matéria são feitos os deputados da maioria...

O genro perfeito...

alv09aa11.jpg
alv09aa2.jpg
Público, 02.01.2008

Ah! se eu tivesse uma filha casadoira... Este Álvaro enche-me mesmo as medidas...

Começo a perceber...

aul09aaa1.jpg
Correio da Manhã-TV, 02.01.2008

Pistolas (ainda que de plástico) aos rapazes, tudo bem! Mas por que não ofereceram telemóveis ou câmaras de filmar às meninas?!...

pist09aa1.jpg
pist09aa2.jpg
Correio da Manhã, 02.01.2009

É uma metáfora, senhores, é uma metáfora!...

À tripa forra ou... de como os idiotas dos portugueses pagam tudo, de uma forma ou doutra...

geb09aa7.jpg
geb09aa1.jpg
geb09aa2.jpg
geb09aa3.jpg
geb09aa4.jpg
geb09aa5.jpg
Correio da Manhã, 02.01.2009

Isto passou-se na Gebalis, mas a Gebalis não é uma ilha. Os portugueses, na posição de gestores ou administradores (ou até mesmo de governantes ou autarcas), comportam-se, geralmente, como mandarins. Esta é uma das razões por que eu nunca poderia votar no CDS, no PSD ou no PS, os partidos do circo. Repugna-me que os impostos que pago sirvam para alimentar, impunemente, este antiquíssimo regabofe...

Afinal, já está no YouTube...

Quem tem leitores atentos...

Obviamente, demitam-se!... (49)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.

janeiro 01, 2009

"Tradicionalista, anti-liberal, anti-modernista, anti-progressista, anti-Vaticano II e anti-tudo o que não é genuinamente católico"...

Ignorava até hoje a existência de Magdalia e do blogue Tradição Católica, que ela mantém há um ano com verdadeira e furiosa devoção lefébrica. Eis como ela se apresenta. Dizei se até não apetece rastejar diante das suas vestes, certamente imaculadas. Ai Madalena, Madalena, se nem Cristo resistiu a tamanha tentação, como resistirei eu?!...

Magdalia
Idade: 22
Sexo: Feminino
Indústria: Estudante
Ocupação: estudante de relações internacionais
Local: Braga : Norte : Portugal

Acerca de mim

Católica Apostólica Romana que ama a sua igreja acima de tudo. Tradicionalista, anti-liberal, anti-modernista, anti-progressista, anti-Vaticano II e anti-tudo o que não é genuinamente católico. Sou só alguém que luta diariamente pela restauração da Tradição Católica em toda a sua plenitude. Estudante universitária que combate as heresias e os erros doutrinários. Monárquica convicta, Muito devota da Santíssima Virgem Maria, de São José, de Santa Teresa de Ávila, do meu Anjo da guarda, de São Miguel Arcanjo, de Santo Afonso de Ligório, de São Luís Maria de Montfort, de São Pio de Pietrelcina e de Dom Marcel Lefebvre. Defensora da Santa Missa Tridentina, única Missa verdadeiramente católica, e do Santíssimo Rosário como a melhor e mais poderosa e eficaz arma espiritual contra o demónio e as heresias. A minha luta é pelo Reinado Social de Nosso Senhor Jesus Cristo, pelo triunfo do Coração Imaculado de Maria e pela exaltação e vitória da Santa Igreja Católica. Grande admiradora e defensora do Prof. Dr. Orlando Fedeli. A cruz sagrada, a Santíssima Virgem Maria e a fé católica são a minha maior honra. Sem Jesus e Maria, não sou nada.

Começar bem o ano, musicalmente, com Kitaro...


Improviso sem arreios...

Hoje fui visitado por Deus
que me concedeu o exclusivo da Sua palavra
a partir de agora
a Sua verdade
serei eu a proclamá-la
primeira revelação
só os cegos reconhecem a divindade
nas cores do arco-íris
segunda revelação
nenhum orgasmo tem arestas.

Ademar
01.01.2009

A memória não tem futuro - convém ir anotando.... (1)

mem09aa1.jpg

Sou, por natureza, educação ou convicção, um optimista. Acredito sempre que morrerei apenas no dia seguinte...

Gostava muito, nesta matéria, de não ter de concordar com o cronista...

rap08aa1.jpg
rap08aa2.jpg
(...)
rap08aa3.jpg
Visão, 30.12.2008

Eu também sei ler as cartas. Em 2009, a Sábado publicará 18 dossiês sobre a Maçonaria, 13 sobre o Opus Dei e 4 sobre os Segredos (ainda não revelados) de Fátima...

mac08aa333.jpg
Sábado, 30.12.2008

Depois de Espada, Rui Tavares. Quem lerei, com proveito, em 2009?!...

tav09aa1.jpg
tava09aa2.jpg
Público, 31.12.2008

Enquanto não está disponível no YouTube, imaginai a versão para Sócrates de... "O Prometido é Devido"...

v09aa1.jpg
v08aa2.jpg
v09aa3.jpg
v09aa5.jpg
v09aa6.jpg
v09aa8.jpg
v09aa9.jpg
v09aa10.jpg
v09aa11.jpg
v09aa13.jpg
v09aa14.jpg
v09aa15.jpg
v09aa16.jpg
v08aa18.jpg
v09aa20.jpg
v09aa21.jpg
v09aa22.jpg
v09aa23.jpg
v09aa24.jpg
v09aa25.jpg
v09aa26.jpg
v09aa27.jpg
v09aa29.jpg
v09aa30.jpg
v09aa31.jpg
v09aa32.jpg
v09aa33.jpg
v09aa40.jpg
v09aa41.jpg
v09aa43.jpg
v09aa44.jpg
v09aa46.jpg
v09aa47.jpg
v09aa48.jpg
v09aa49.jpg
v09aa50.jpg
v09aa52.jpg
v09aa53.jpg
v09aa55.jpg
v09aa59.jpg

Uma aposta poética...

Há um ano fiz uma aposta comigo, que não partilhei com ninguém: que seria capaz de escrever e publicar, durante 2008, 365 poemas, um por cada dia. Conferi há pouco (espero não me ter enganado): foram... 390. Venci a aposta!...
Ao contrário do que podereis julgar, sou um crítico implacável da poesia que faço. Em geral, acho que é uma merda, relativamente bem elaborada (a técnica é fácil de aprender). Dos 390 improvisos que escrevi em 2008, talvez publicasse em livro uma meia centena. Os outros não são mais do que jogos ou brincadeiras de palavras...
Não sei se, em 2009, terei vontade de continuar a escrever algo que se pareça com poesia. Nesta altura, estou mais inclinado a publicar um diário. Veremos se sou capaz e em que termos...


Obviamente, demitam-se!... (48)

tres08aa.jpg

Em três anos, conseguiram instalar o caos nas escolas públicas. Já não discuto as intenções, nem as causas; limito-me a registar as consequências: professores furibundos e insubordinados, que nenhum sindicato ou conselho executivo consegue já controlar; alunos nervosos e insurrectos, à espera do menor pretexto para fazerem desacatos; pais perplexos e divididos.
Eu sei que o governo não desejava isto. Mas a realidade é esta e está à vista de todos.
No caos, ninguém ensina e ninguém aprende e o processo educativo converte-se num pesadelo diário. As escolas públicas precisam urgentemente de paz. E precisam de um novo fôlego motivacional.
Maria de Lurdes Rodrigues, Valter Lemos e Jorge Pedreira deixaram de ser parte da solução, para passarem a ser, simplesmente, o problema. Se são pessoas de bem e ainda querem o melhor para as escolas e para o país, só lhes resta um caminho: pedirem a demissão e darem o lugar a outros. E quanto mais depressa, melhor.